Pedal Anchieta 2019 foi debatido na Secretaria de Turismo de São Paulo

Ciclistas apresentaram propostas iniciais para a descida a Santos e para o desenvolvimento o cicloturismo no estado

Reunião aconteceu no dia 13 de junho, em São Paulo. Foto: Willian Cruz/VdB

Participamos no dia 13 de junho de uma reunião do Ciclocomitê Paulista sobre o Pedal Anchieta 2019. A reunião aconteceu na secretaria de turismo e teve uma rápida participação do secretário Vinicius Lummertz, que se mostrou bastante favorável à bicicleta.

Lummertz: “na Holanda você roda o país inteiro de bicicleta”. Foto: Willian Cruz/VdB

Lummertz contou que quando utilizava a bicicleta em seus deslocamentos quando morou na Inglaterra e na Holanda. E acrescentou que visitou recentemente a Dinamarca, comentando sobre a visão do arquiteto Jan Gehl sobre cidades para pessoas e sobre o uso de bicicletas em Copenhagen. “O rio tem pontes só para as bicicletas”, relatou. Veja no vídeo, mais abaixo nesta página.

Os ciclistas apresentaram números e estatísticas da edição 2018 do Pedal Anchieta, além de propostas relacionadas ao desenvolvimento do cicloturismo no estado de São Paulo, como o desenvolvimento de novas rotas cicloturísticas, a melhora das já existentes e a interligação de algumas dessas rotas.

Veja como foi a edição 2018

A Secretaria de Turismo apresentou informações sobre turismo e ecoturismo no estado e mostrou que podemos integrar iniciativas existentes com o incentivo ao cicloturismo.

Quanto ao Pedal Anchieta 2019, há interesse do estado e dos ciclistas em que o evento aconteça novamente, mas as conversas estão só começando e ainda há muitos pontos a alinhar. Tudo indica que a descida ocorrerá novamente esse ano, mas isso ainda não é oficial. A data oficial para a descida seria o dia primeiro de dezembro, um domingo.

As propostas agora seguem sendo avaliadas dentro dos órgãos públicos. Manteremos vocês informados aqui no Vá de Bike.

Inscreva-se no nosso canal e ative as notificações para ser avisado dos próximos vídeos!

14 comentários em “Pedal Anchieta 2019 foi debatido na Secretaria de Turismo de São Paulo

  1. Bom dia !!!!!!!!!
    Ancioso esperando abrir as inscriçâo em 2018 fomos em 5 pessoas ja estamos em 27 com transposte arrumado esperando so para ir para sampa somos de ARAGUARI MG triangulo mineiro.

    Thumb up 3 Thumb down 0

  2. olá bom dia!!!opa fiquei sabendo que estão no projeto a descida de bike pela ANCHIETA, espero que der tudo certo vamos ficar no aguardo.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  3. No ano passado descemos em três pessoas, este ano nosso grupo está maior devido ao incentivo e de como descrevemos a nossa decida.
    Estamos todos preparados e esperando para fazermos nossas inscrições.

    Thumb up 2 Thumb down 0

  4. Vai ter inscrição?
    Nosso grupo de Pres. Prudente, esteve em 2018 e estamos torcendo pra que aconteça novamente.
    O evento foi muito bem organizado, mas gostari de sugerir algumas sugestões:
    – dividir o pelotas por cores(nível de pedal) todo o tipo de ciclista foi legal, perfeito. Na serra foi tenso.
    – uma faixa pra quem quer socar a bota
    .willian espero que posa contribuir e fico na torcida pra que possa ter novamente o Pedal Anchieta.

    Comentário bem votado! Thumb up 6 Thumb down 0

  5. No pedal do ano passado faltou organização, houve um horário de “PICO”, muito trânsito e todos levando a bike na mão.

    Sugiro um estudo de fluxo onde haverá largadas com horários definidos e limite de ciclista de acordo com a inscrição:

    Ex: 1ª Largada 6:00 – 10.000 participantes;
    2ª Largada 7:00 – 10.000 participantes

    De forma que o fluxo seja dividido em horários e não haja trânsito.

    Espero ter contribuído

    #TAMOJUNTO #VIVAAVIDA

    Thumb up 3 Thumb down 3

  6. Boa Tarde

    Que bom que as conversas tiveram início, espero que possamos descer novamente a serra.
    Quero registrar o seguinte:
    A organização em termos de PM deve se repetir, pois nos sentimos seguros na rota.
    Peço que façam frentes de segurança apenas na descida da serra , no restante do itinerário deixem fluir a pedalada.
    No ano passado tivemos que empurrar a bike em vários trechos até o rio grande.

    Abraços.

    Thumb up 3 Thumb down 0

  7. Descer a serra gera sentimentos indescritíveis.Soltar o freio e pegar 70km/h na descida,por exemplo.Porém ao chegar em Santos o ciclista fica a Deus dará.São 30.000 pessoas na rodoviária esperando pra malocar a bike no maleiro do ônibus(isso se tiver sorte).Poderia ter alguma alternativa pra subir a serra de volta.Essa é a parte que não é pensada pelos organizadores

    Thumb up 1 Thumb down 2

    1. Gabriel, foi pensando nisso que organizamos ônibus para voltar no ano passado. Voltamos em 5 ônibus fretados! Fique de olho nas nossas redes sociais, anunciaremos os desse ano muito em breve. Volte conosco!

      Thumb up 1 Thumb down 0

  8. OLÁ ,OS TEMPOS MUDAM E ESTAMOS EM UMA EPOCA DE MUDANÇA NA FORMA DE TRANSPORTE, E A BICICLETA RESSURGE COMO MEIO DE TRANSPORTE ,ESPORTE, LAZER, TURISMO, APOS O ANO PASSADO FICOU CLARO SIM , QUE AS PESSOAS QUEREM SE LOCOMOVER DE BICICLETA,O Q FALTA COMO SEMPRE É INFRA ESTRUTURA,ORGANIZAR OS LOCAIS PARA Q SE TRAFEGUE COM SEGURANÇA,COMO JA EXISTE EM PAISES DE 1 MUNDO, A DESCIDA PRA SANTOS, EXISTE OPÇOES PARA CRIAR UMA ROTA Ñ 1 VEZ POR ANO MAIS SIM PERMANENTE,ESPERO POR ESSE DIA EM Q POSSA COMBIRAR COM AMIGOS E FAZER UMA VIAGEM POR RODOVIAS, DE BIKE COM SEGURANÇA.

    Thumb up 3 Thumb down 1

Deixe uma resposta para Ademir Dema Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *