Videoclipe musical traz a emoção de participar de uma Bicicletada

Apoie nosso trabalho,
doe um libre!
Imagem: Reprodução

Imagem: Reprodução

O clipe da música Kings and Queens, da banda 30 Seconds To Mars, mostra uma Critical Mass, conhecida por aqui como Bicicletada ou Massa Crítica. Para quem já pedalou em uma, com centenas de pessoas, é emocionante. Para quem ainda não teve esse prazer… assista e se imagine ali no meio! Quem sabe você não se anima a participar, ou organizar uma na sua cidade?

bansky flower chuckerAlguns pontos interessantes nesse video:

  • Um cara vestido de índio com uma tall bike.
  • Aos 2:33, uma cena que lembra muito a visão que se tem na Praça do Ciclista de São Paulo, na Av. Paulista.
  • Nos 3:26, a arte do Banksy (ao lado) ganha vida.
  • Mais adiante, aos 3:50, uma situação que assusta qualquer ciclista. Até gela o coração de ouvir o barulho.

Esse video sensacional foi enviado pelo Bruno Gellert, irmão de pedal que, junto com o Denny Sachtleben, me deu uma cicloviagem inesquecível pela Serra Catarinense como presente de despedida quando voltei de Florianópolis. Valeu pela lembrança, irmão. Cada um foi para um lado, mas as memórias ficam pra sempre. Life is a cycle.

Um videoclipe com bicicleta que me emociona toda vez que assisto é esse aqui, que faz lembrar da sensação boa de uma cicloviagem. E não é à toa: uma cicloviagem muda nossa percepção do mundo.

Gostou da matéria? Doe um libre
e ajude nosso projeto a continuar!

8 comentários para Videoclipe musical traz a emoção de participar de uma Bicicletada

  • edvaldo

    Gostei como gosto de Baike

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Ivan Silva

    5:44 o Jared Letto aparece no meio da bicicletada pedalando entre a galera 😀

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • sergio hespanha

    se o tema é a bike como meio de transporte a coisa é mais do que uma brincadeira de aborrecentes, não?
    toda a ‘estética’ (no sentido mais envolvente, ou seja, de como a aparência das coisas significam os valores que se tem e com os quais se age) é por demais ‘espetaculosa’. assim, as razões e valores de fundo, perdem sentido e força. fazem-se superficiais e transitórias (como a adolescência).
    há fatores em causa muito maiores do que admitem a vã rebeldia de uma fase da vida pela qual todos passam. repito, passam.
    todos nós envelhecemos, é preciso superar essa ‘visão de mundo criada’, essa faixa etária que só foi interessante às diversas formas de manipulação da opinião e do gosto de massas (especialmente aquelas mais vulneráveis, em tempo de muda, mudança), para determinar-lhes gostos e o consumo (os vitimando, pois).
    vários dos ícones da estética presente no vídeo e que não se restringem a ele, são parte do imaginário corrente e relacionado às bikes (entre outros temas ‘da hora’), então somente como objeto de rebeldia sem causa, superficial e transitória, não passam de subprodutos dessa indústria de formação de rebanhos (propiciada com os meios de comunicação de massa; nos cabe agora reagir, quando temos um meio destes que tem duas vias, duas mãos: recebemos e podemos enviar).

    só para citar um caso: o rock. é uma rebeldia com prazo de validade na vida de cada um e que se repete como mecanismo de ilusão adolescente.

    a questão da vida em grandes cidades e seus problemas, dentre eles o de circulação, poluição etc são a verdadeira ‘porta de entrada’ para o debate sobre as bikes.
    as firulas e curtições só fazem os discursos arrefecerem, tão logo o adolescente se cansa de seu brinquedo.
    deixemos a adolescência de lado, ela não existiu para todo o sempre e não precisamos dela.
    consideremos as coisas sob outras bases.

    Thumb up 2 Thumb down 4

  • Paulo Eduardo

    Boa Tarde!

    Willian Cruz, tomei a liberdade de usar suas palavras para postar o vídeo no blog que eu criei a dois dias. Estou com a idéia fixa de promover uma Bicicletada na cidade de Registro. Já fiz os panfletos, cartazes e pedi a divulgação em blog das pessoas da minha região.

    Obrigado!

    Thumb up 2 Thumb down 0

    • Willian Cruz

      Oi Paulo! Citando o autor e dando link para o site (como vi que você já fez) não tem problema. Sucesso com a Bicicletada de Registro! E não se preocupe em juntar muita gente, isso começa aos poucos mesmo. Aqui em São Paulo também começamos com meia dúzia de pessoas, hoje a Bicicletada mensal junta centenas. O importante é começar, divulgar e manter. Abraço!

      Thumb up 1 Thumb down 0

  • Bicicletada Curitiba

    Olá amigos da Bicicletada,

    Precisamos revitalizar o movimento em Curitiba, e vamos fazer uma grande Bicicletada no próximo dia 31 de julho. Divulguem, programem-se com antecedência e compareçam!!!

    Bicicletada dia 31 de julho de 2010 – 09h30 no pátio da Reitoria da UFPR.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Diego AGuiar

    A bike do índio é realmente maior que a do Galo, e olha que a dele já é bem alta!
    Parabéns pelo vídeo postado, muito bom!

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Rodrigo Langeani

    Caraca! Muito legal o seu blog, como entusiasta da bike como meio de transporte achei fantástico o espaço e o conteúdo abordado aqui!
    Parabéns!!

    Thumb up 1 Thumb down 0

Enviar resposta

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>