Pag. 1 de 165123...510...165

Niterói multa motoristas usando fotos enviadas por ciclistas

Agentes da Nittrans passaram a trabalhar utilizando bicicleta como parte da política de mobilidade por bicicleta da cidade. Foto: Reprodução/Niterói de Bicicleta

Agentes da NitTrans passaram a trabalhar utilizando bicicletas, como parte da política de mobilidade por bicicleta da cidade. Foto: Reprodução/Niterói de Bicicleta

Segundo Código de Trânsito Brasileiro, estacionar o carro em ciclovia ou ciclofaixa é infração grave; já circular com o automóvel por esses locais é infração gravíssima. Foto: Reprodução/Niterói de Bicicleta

Segundo o Código de Trânsito Brasileiro, estacionar o carro em ciclovia ou ciclofaixa é infração grave; já circular com o automóvel por esses locais é infração gravíssima. Foto: Reprodução/Niterói de Bicicleta

A prefeitura de Niterói (RJ), em parceria com o programa Niterói de Bicicleta, criou uma ferramenta para que ciclistas possam denunciar motoristas que estacionam ou circulam em ciclovias e ciclofaixas, colocando em risco a vida dos ciclistas, atrapalhando a passagem das bicicletas e infringindo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Através do e-mail respeiteociclista@niteroi.rj.gov.br, o ciclista pode enviar os dados do infrator e cabe à NitTrans, órgão de fiscalização do trânsito da cidade, decidir se aplica a multa ou não. É necessário enviar a placa, o modelo do carro, data, hora e local (rua, número e/ou esquina) e, se possível, a fotografia do veículo. A foto não é obrigatória, mas importante. “O proprietário será notificado e terá um prazo para defesa. Com a foto comprovando a infração, a defesa é bem mais difícil”, diz a publicação do Niterói de Bicicleta, no Facebook, postada em 30 de janeiro.

“Esse serviço já existia, mas era muito burocrático, a pessoa precisava ir pessoalmente para fazer a denúncia. Agora pode ser por e-mail”, conta Argus Caruso, coordenador do programa Niterói de Bicicleta.

Questionamentos

Assim que publicamos a chamada para esta matéria em nossa fan page, vários ciclistas locais questionaram o anúncio. “Isso não tem acontecido”, lamenta o leitor Vinicius Ribeiro. “Foi divulgado, mas nenhuma multa foi expedida nestes últimos meses por causa deste novo procedimento”, completa.

Outros leitores concordaram com a afirmação.  ”Moro em Niteroi e nunca ouvi falar de alguém que recebeu multa”, afirmou Dhiogo Curis.

O Vá de Bike entrou em contato com a coordenação do Niterói de Bicicleta, perguntando quantas multas foram aplicadas até o momento. Atualizaremos a página com a resposta tão logo a obtenhamos.

Niterói de Bicicleta

O programa Niterói de Bicicleta é uma iniciativa da prefeitura para a melhoria da mobilidade urbana, que estimula o uso da bicicleta como meio de transporte.

O próximo passo, ainda segundo Argus, é colocar em vigor a lei que obriga shoppings e supermercados a terem bicicletários. “Estamos dando o prazo até 22 de setembro, Dia Mundial Sem Carro, para todos se ajustarem. A partir daí, iremos cobrar multas previstas nessa lei”, informa Argus.

Outra iniciativa será a II Semana de Mobilidade de Niterói, que acontece de 11 a 18 de maio com diversas atividades e passeios. Para essa semana, materiais gráficos como revistas em quadrinhos para crianças, adesivos e exemplares de bolso do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) serão impressos e distribuídos.

No decorrer da semana da mobilidade, os ciclistas também serão instruídos a colaborarem com a NitTrans, enviando fotos de motoristas infratores na tentativa de ensiná-los a respeitar o espaço conquistado pelas bicicletas.

Prática traz risco a ciclistas

Por Willian Cruz

Estacionar ou trafegar sobre uma ciclovia ou ciclofaixa acarreta a mesma punição do que fazê-lo sobre as calçadas (artigos 181 e 193). E isso é justo, por um motivo muito simples: coloca vidas de pessoas em risco.

O “simples” fato de estacionar sobre uma calçada faz com que os pedestres tenham que descer à via para poder passar pelo local. Nesse momento, estão expostos a atropelamentos, principalmente por adentrar o leito carroçável em um local e momento em que não são esperados por quem passa de carro. O mesmo ocorre quando se estaciona em uma via para ciclistas: estes são obrigados e sair dela, entrando em espaço onde não são esperados pelos motoristas justamente por haver estrutura específica no local.

Se um pedestre ou ciclista for atropelado em um caso como esse, o motorista que estacionou em local indevido pode responder criminalmente, por ter criado condições que levaram ao atropelamento.

Não estacione sobre uma ciclofaixa, ciclovia ou calçada. Nem por um minutinho.

Trecho novo da Ciclovia Rio Pinheiros, em São Paulo, reabre após dois dias de interdição

Escada de acesso à ciclovia, na ponte Cidade Jardim. Foto: Rachel Schein

Interdição do acesso da ponte Cidade Jardim, conseguida na justiça pela Eletropaulo, impedia uso da pista nova. Entenda o caso.

Bicicletas geram energia elétrica em festival de arte e sustentabilidade em São Paulo

Detalhe das Gerônimas. Foto: Rachel Schein

Festival Prototype discutiu arte e sustentabilidade, utilizando apenas energia gerada por bicicletas.

Dia Mundial da Bicicleta nasceu após uma “viagem”

Imagem do curta italiano "A bicycle trip", inspirada na viagem de bicicleta do pai do LSD, Albert Hofmann. Imagem/Reprodução

O químico Albert Hoffmann, pai do LSD, saiu de bicicleta para testar os efeitos do seu invento. Animação mostra como pode ter sido essa “viagem”.

Plano Cicloviário de Porto Alegre mantém recursos de multas, mas vereadores querem mudar situação

Ciclistas comemoram aprovação de projeto que cria fundo de gestão de recursos para o Plano Cicloviário de Porto Alegre, sem abrir mão dos 20% das multas. Vereadores da base do governo podem ainda, no entanto, tentar reverter situação. (Foto:  Franciele Caetano/CMPA)

Vitória pode ser temporária, pois projeto ainda precisa ir à sanção do prefeito. Proposta do Executivo que elimina garantia de recursos ainda pode ser votada

Designer cria petição para aumentar tempo de travessia de pedestres em avenida de São Paulo

Lambe-lambe colado no semáforo informa endereço da petição online. Foto: Rachel Schein

Dificuldade de travessia levou Daniel Graf a tentar solução com órgão de trânsito; sem sucesso, criou petição online. Leia e veja em vídeo.

Plano Diretor Cicloviário de Fortaleza será revisado pela população

Em péssimo estado de manutenção, ciclovias atuais não seguem nenhum padrão ou norma, muitas vezes fugindo até mesmo ao bom senso. Imagem: TV Verdes Mares/Reprodução

Cidadãos alegam que não tiveram chance de participar da formulação do Plano, como obriga o Estatuto da Cidade. Plano prevê 304km de ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas.

Câmara de Porto Alegre votará Projeto de Lei que pretende “mutilar” Plano Diretor Cicloviário

À direita, o presidente da EPTC, Vanderlei Capellari, observa o público presente na audiência pública. (Imagem: Tonico Alvares/CMPA)

Prefeitura pretende revogar em 14 de abril dispositivo em lei que daria mais segurança a ciclistas. Governo e parte dos vereadores têm se recusado ao diálogo.

Pag. 1 de 165123...510...165