Deputada desmente boato sobre proibição de travas de bicicleta

Travas do tipo U-Lock constituem a maneira mais segura de trancar uma bicicleta. Foto: Divulgação

Travas do tipo U-Lock constituem a maneira mais segura de trancar uma bicicleta. Foto: Divulgação

Uma imagem que tem sido bastante compartilhada nas redes sociais, especialmente no Facebook, tem causado indignação especialmente entre ciclistas. O texto que a acompanha afirma que a deputada Benedita da Silva (PT-RJ) pretende apresentar um Projeto de Lei que proibiria a comercialização de travas de bicicleta do tipo U-lock. O motivo seria a utilização de uma tranca desse tipo para prender um menor nu a um poste, no Rio de Janeiro, um episódio que gerou muitas reações.

E não é à toa que o anúncio de um projeto desses traz indignação e reações: travas desse tipo constituem a maneira mais segura e eficiente de se trancar uma bicicleta. Cabos de aço comuns são facilmente abertos por ladrões, que conseguem abri-los com um simples alicate e, algumas vezes, com as próprias mãos. Veja aqui como trancar sua bicicleta com segurança.

A imagem divulgada no Facebook, com supostas afirmações da deputada. Imagem: Reprodução

A imagem divulgada no Facebook, com supostas afirmações da deputada. Imagem: Reprodução

Projeto não existe

Apesar da repercussão, parece que tudo não passou de uma tentativa de difamar a deputada, que incomodou conservadores com seu discurso crítico à ação. Em 4 de fevereiro, Benedita afirmou na tribuna da Câmara dos Deputados que “cabe ao estado dar segurança aos cidadãos e cidadãs e não deixar serem criados grupos de justiceiros” que, como mulher negra, o que viu foi “a casa grande e a senzala”. O discurso rebatido por Jair Bolsonaro (PP), que sugeriu que a deputada adotasse o garoto, a quem chamou de vagabundo, ladrão e “gentalha”. Ouça aqui.

A imagem, que pode ser vista aqui ao lado, foi divulgada em um perfil no Facebook e, até o fechamento desta matéria, já tinha mais de 2700 compartilhamentos. A imagem ironiza a deputada, com uma falsa citação afirmando que “travas de bicicleta são um perigo para a humanidade” e falando sobre o suposto projeto de lei. O texto que acompanha a imagem traz ainda uma justificativa para o projeto, atribuída a Benedita da Silva.

Nota de esclarecimento

Uma nota de esclarecimento foi divulgada no site da deputada no dia 10 de fevereiro, onde ela afirma estar providenciando junto ao Ministério da Justiça e à Polícia Federal “a investigação de crime cibernético, pedindo a punição do responsável, pela divulgação mentirosa, irresponsável, injuriosa e caluniosa” de que pretende proibir a comercialização das tais travas. “Além da mentira criminosa de inventar um projeto que jamais fez parte de meu mandato, inventa os argumentos e diálogos, que jamais foram ditos por mim”, esclarece.

Benedita ainda diz que essa “criminosa mentira” seriam retaliação ao seu discurso pronunciado na Câmara, “a respeito da violência praticada contra o adolescente despido, surrado e preso em uma coleira por um grupo de justiceiros” e que nunca defendeu o crime e nem o criminoso, “que deve ser punido na forma da lei, não por justiceiros”.

Reação

Ao saber da intenção de acioná-lo judicialmente, o rapaz que fez a postagem reagiu em seu perfil, justificando a divulgação que fez como “humor ácido contra aqueles que promovem este caos que se encontra nosso país” e chamando Benedita da Silva de “deputada de meia tigela” e “câncer para a política de nosso país”. Ele pergunta se poderia processá-la “por defender bandidos, por seus envolvimentos em diversos escândalos, pela sua falta de vergonha na cara de querer me calar e calar milhões de brasileiros”. “Será que eu posso processar a sua genitora neste mundo? Pois eu considero uma ofensa gravíssima ela ter dado tamanho desgosto a este mundo”, completa.


4 comentários para Deputada desmente boato sobre proibição de travas de bicicleta

  • Que fosse eu não um boato. Compraria do mesmo jeito. O jogo Bully é proibido no Brasil e mesmo assim comprei.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Kathyuska

    “Ainda bem que é boato”, não é suficiente para responder a esta reportagem. É muito bom saber que uma trava que mantém a minha bicicleta segura pode continuar sendo comercializada. Mas sejamos razoáveis: é ridícula essa guerra ideologica que está sendo arranjada atualmente de um bando de conservadores para encriminar qualquer ação política da esquerda. Acredito que o nosso país já chegou a um ponto em que o bom senso político em se pensar a política e a nossa sociedade de forma consciente e madura, superando preconceitos e estigmas está a ponto de entrar em extinção.

    Thumb up 2 Thumb down 1

  • Carlos

    Ainda bem que é boato. Contudo, é assim que alguns se aproveitam para jogar uma comunidade contra outra. Portanto, devemos ser cuidadosos a condenar ou louvar alguém por causa de boatos, o que acontece com certa frequência nas redes sociais.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Ainda bem que tudo não passou de boato.

    Thumb up 2 Thumb down 0

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>