Fórum Mundial da Bicicleta tem 75 atividades inscritas e seis painéis temáticos

3º Fórum Mundial da Bicicleta - Curitiba 2014

Fórum será realizado em Curitiba. Imagem: Divulgação

Já está no ar a programação completa do 3º Fórum Mundial da Bicicleta (FMB), que acontecerá em Curitiba (PR) entre os dias 13 e 16 de fevereiro. Além dos painéis que reúnem convidados do Brasil e exterior, usuários da bicicleta vindos de diversas partes do mundo inscreveram cerca de 75 atividades voltadas à troca de conhecimentos e experiências sobre diferentes aspectos da bicicleta.

Entre as oficinas inscritas, está um dos temas mais populares nos fóruns anteriores: o cicloturismo. Nesta edição, o casal Eliana Garcia e Rodrigo Telles dão “100 dicas para começar a viajar de bicicleta”, onde os viajantes contam os macetes e segredos que aprenderam durante 17 anos de pedais em dupla. Pedalar em família também é um dos temas em destaque, com a oficina “Caminho da Escola”, ministrada pela videorrepórter Silvia Ballan, do projeto Bike é Legal. Na ocasião, ela contará como os trajetos para a escola da filha Nina, levando a garotinha na garupa de sua bicicleta, ajudam-nas a entender juntas o espaço urbano e a perceber a necessidade de incluir a todos no trânsito, de maneira segura, estimulando a convivência.

Discos de vinil foram utilizados na confecção das placas. Foto: Rachel Schein

Placa de trânsito confeccionada com disco de vinil. Foto: Rachel Schein

Agentes da lei também trazem suas experiências com a magrela, como o guarda municipal de Curitiba Josoé de Oliveira, que apresenta a oficina “Policiamento com Bicicleta”, mostrando, em sua experiência de oito anos no pedal, o foco de mudança na prevenção do crime que, com a ajuda da bike, se volta a questões mais amplas de proteção das comunidades e da segurança como um bem público; já no campo da ação direta, o artista plástico Valdinei Calvento ensinará aos oficineiros como é a “Confecção de placas de trânsito a partir de descartes”, com a fabricação de placas de sinalização e materiais de promoção da bicicleta que demonstram sua legitimidade no trânsito. O objetivo da oficina é capacitar os próprios cidadãos a interferir no espaço urbano e sensibilizar os motoristas para a presença dos ciclistas nas ruas.

Painéis trazem convidados brasileiros e estrangeiros

A exemplo das duas primeiras edições do FMB, ocorridas em 2012 e 2013 em Porto Alegre (RS), o evento trará também diversos convidados estrangeiros, que participarão dos seis painéis que acontecerão entre a quinta-feira, 13/02, e o domingo, 16. Além do painel de abertura, seguido pela palestra “Pedalando como uma forma de amor sustentável às nossas cidades”, pelo colombiano Carlos Cadena Gaitán, irão se apresentar também os norte-americanos Chris Carlsson (idealizador da massa crítica), Mona Caron e Elly Blue, o dinamarquês Lars Gemzoe, o alemão Uwe Redecker, a colombiana Olga Sarmiento e outros outros nomes expressivos no cenário mundial da bicicleta.

Em conjunto com expoentes brasileiros do tema, como Alexandre Nascimento, Thiago Benicchio, Daniel Guth, Zé Lobo, Odir Zuge Junior, entre outros, eles debatem sobre temas como economia, saúde, urbanismo, a evolução do ativismo e o desafio de promover e estudar os diferentes aspectos da bicicleta como meio de transporte e, principalmente, de transformação da sociedade.

Atividades paralelas

Os quatro dias de atividades do Fórum incluem também dezenas de eventos paralelos, como mostras, exposições e oficinas práticas. A Bicicletaria Cultural recebe a Bike Custom, voltada à customização de bicicletas, e a Oficina Mão-na-Roda, de São Paulo, que acontece no fórum em edição especial; a Cinemateca de Curitiba abrigará a mostra Ciclecine, que terá sessões diárias às 17h e 19h, com uma retrospectiva de filmes e documentários sobre o universo da bicicleta e mobilidade e lançamentos programados para o próprio evento. Para o primeiro dia do Fórum, a tradicional festa de abertura ocorre na Pizza Trajano, com a apresentação da banda Nomad Magush.

No pátio da reitoria da Universidade Federal do Paraná (UFPR), uma feira mostrará a economia da bicicleta na prática, com empreendimentos, produtos e serviços capazes de suprir a demanda impulsionada pelo aumento do uso da bicicleta nas cidades.

Rolezinhos e rolezões

Foto: Divulgação

Partida de Bike Polo. Foto: Divulgação

No Fórum Mundial da Bicicleta também, obviamente, pedala-se! E os dias do evento estarão recheados de oportunidades para quem quer percorrer a capital paranaense com o charme da propulsão humana

A Bicicletada ocorre na sexta-feira 14 e sai da Praça Dezenove de Dezembro, no centro de Curitiba; ainda na sexta à noite, o “arrancadão Cross-Dress” propõe que fixeiros e fixeiras façam uma brincadeira de gêneros em alta velocidade;  no sábado é a vez das tandems, com um passeio programado saindo do Centro de Línguas da UFPR;  o passeio noturno PedaLua se transfere momentaneamente de Florianópolis (SC) para Curitiba, e é indicado a quem quer curtir as ruas da cidade em um ritmo leve de pedalada. No domingo, oficinas do Bike Anjo, partidas de Bike Polo, além de um desafio de ciclonavegação urbana traz muito pedal para os interessados.

Histórico

O Fórum Mundial da Bicicleta, cuja primeira edição ocorreu em 2012 na capital gaúcha, foi realizado um ano depois de um fato trágico: o atropelamento intencional dos participantes da Massa Crítica em Porto Alegre, cometido por um funcionário do Banco Central. A violência do ato, registrado em vídeo, chocou pessoas no mundo todo e intensificou a discussão sobre a humanização do trânsito e políticas de inclusão da bicicleta como meio de transporte.

O FMB foi uma forma de transformar a experiência traumática do incidente em uma pauta positiva, estimulando a troca de ideias e experiências em direção a um espaço urbano mais humano e a um transporte mais eficiente e sustentável. A segunda edição ocorreu na capital gaúcha em 2013, com cerca de sete mil participantes. O Fórum Mundial da Bicicleta é custeado por financiamento coletivo, não sendo patrocinado por nenhuma empresa ou instituição e podendo receber apoio estrutural (salas, prédios, quadras esportivas, empréstimo de equipamentos) de instâncias governamentais e privadas.

Onde e quando

3º Fórum Mundial da Bicicleta - “A Cidade em Equilíbrio”

Atividades principais (Painéis e oficinas teóricas) no Teatro da Reitoria da UFPR, Memorial de Curitiba (Largo da Ordem) e Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba-PR

De 13 a 16 de fevereiro de 2014

Mais informações no site oficial e na programação completa

Estaremos presentes cobrindo o evento. Nos vemos por lá! \o/


2 comentários para Fórum Mundial da Bicicleta tem 75 atividades inscritas e seis painéis temáticos

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>