Pedalada Pelada 2014 acontece em cinco capitais brasileiras

Participantes expressam, por meio da nudez, fragilidade das pessoas em meio à violência do trânsito. Foto: Autor desconhecido/ Reprodução Facebook

Participantes expressam, por meio da nudez, fragilidade das pessoas em meio à violência do trânsito. Foto: Autor desconhecido/Reprodução Facebook

Atualizado: Veja como foi a Pedalada Pelada 2014 em Florianópolis e em São Paulo (relatos, galerias de fotos e vídeos)

No sábado 8 de março, Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Rio de Janeiro (RJ) e Belo Horizonte (MG) realizam sua versão local da World Naked Bike Ride (WNBR), abrasileirada para Pedalada Pelada. Em São Paulo (SP), a pedalada acontece no dia 15, outro sábado. Nas capitais gaúcha e mineira, o evento está na segunda edição; na capital catarinense, é a terceira vez que o WNBR é realizado; no Rio de Janeiro é a segunda, e na capital paulista o evento já está em sua sétima edição.

Tão nu quanto você ousar. Foto: Willian Cruz

Tão nu quanto você ousar. Foto: Willian Cruz

Sobre a Pedalada Pelada

O objetivo da manifestação é chamar atenção para a situação de fragilidade e quase invisibilidade do ciclista no país, tanto por parte dos motoristas como pelo poder público.

Várias razões levam as pessoas a participarem da Pedalada Pelada, seja aqui ou lá fora: reivindicar melhores condições para o uso das bicicletas nas cidades, denunciar o descaso e a omissão do poder público, promover a visibilidade dos ciclistas, denunciar as guerras por petróleo, celebrar o corpo e a bicicleta, estimular reflexões sobre a cultura do automóvel, alertar sobre os perigos do aquecimento global e outras mais.

Nus ou seminus, os manifestantes costumam pintar os corpos com frases de efeito, passando cada qual sua mensagem.

Mas por que sem roupa?

A nudez representa a fragilidade do ciclista em meio à agressividade do trânsito. Também é uma forma de chamar atenção para a invisibilidade dos ciclistas nas ruas, que só passam a ser notados por muitos motoristas, por parte da imprensa e especialmente pelo poder público ao pedalar sem roupa.

Preciso ficar totalmente pelado?

Com o objetivo de ser inclusivo, o princípio da WNBR é o “quão pelado você ousar”, ou seja: a nudez total não é obrigatória, mas é encorajada ao menos parcialmente. Veja as galerias de fotos abaixo e inspire-se!

Galerias de fotos

Edição 2013

Edição 2012

Dúvidas?

Neste endereço há respostas para perguntas frequentes e muitas dicas para quem pretende participar. Nesta página há um “tutorial jurídico”. Converse também com os demais participantes na página de cada evento, no Facebook.

Em São Paulo, a Pedalada Pelada está em sua sétima edição. A nudez como protesto tem sido respeitada pelas autoridades e o evento ocorre tranquilamente, em clima de festa. Foto: Rachel Schein

Em São Paulo, a Pedalada Pelada está em sua sétima edição. A nudez como protesto tem sido respeitada pelas autoridades e o evento ocorre tranquilamente, em clima de festa. Foto: Rachel Schein

Serviço

Para saber horário e local de concentração da WNBR, acesse as páginas dos eventos de cada cidade:

Rio de Janeiro

Florianópolis

Belo Horizonte

Porto Alegre

São Paulo

 

Vídeos


37 comentários para Pedalada Pelada 2014 acontece em cinco capitais brasileiras

  • nice

    ola pessoal. que tal no proximo evento fazer a manifestacao por exemplo na ciclovia da marginal pinheiros…. Desta forma seria um protesto nao tao publico como na avenida paulista mas com visibilidade afinal ela passa ao lado das estacoes de trem desta forma tornando publico o ato mas a certa distancia dos transeuntes…. No caso a cptm ou prefeitura iria controlar o acesso das pessoas que irao participar do evento. Ou mesmo fazer um evento paralelo em horarios diferentes…. E a localizacao seria melhor pelo fato de possuir banheiros no inicio e no meio do percurso de aproximadamente 15km(somente a ida).

    Thumb up 0 Thumb down 1

  • Saul

    É mesmo , preciso concordar com o Adalberto. mulheres sejam mais corajosas no ano que vem tirem a calçinha.

    Thumb up 2 Thumb down 3

  • [...] Blog VÁ DE BIKE de Willian Cruz e querida equipe: Pedalada Pelada 2014 acontecerá em cinco capitais brasileiras [...]

    Thumb up 3 Thumb down 2

  • Sirinei

    [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

    Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 0 Thumb down 7

    • Jorge

      Quem é que vota ? quem positiva ou negativa isso? É voces administradores do site? Não quero acreditar nisso. Censura na net? só querem comentarios que se adecuem a sua linha de pensamento?

      O Sirinei falou o que eu penso e que eu queria dizer, me recuso a acreditar que os internautas é que votam como se todos tivessem a mesma opinião.

      MULHERES TOTALMENTE NUAS JÁ. Que tal iniciarmos essa campanha.

      Thumb up 1 Thumb down 0

      • Jorge, a votação é feita pelos visitantes do site. Respeitamos opiniões e manifestações, ainda que diametralmente opostas às nossas, desde que feitas com respeito.

        Cada endereço de internet (IP) só pode votar uma única vez, impedindo “sabotagem”. Tampouco há na ferramenta de administração alguma maneira de alterar esses votos, o sistema é fechado.

        Acredite, o comentário do Sirinei não fez sucesso. Muito provavelmente foi negativado pelas mulheres que visitam a página, que não devem ter gostado do posicionamento que ele emitiu, já que a Pedalada Pelada não é um desfile de mulheres nuas mas sim um protesto, onde cada integrante adota a nudez que lhe for confortável para aquele momento. Grande abraço.

        Thumb up 0 Thumb down 0

  • Sirinei

    Também tenho notado isso, acho uma sacanagem por parte das mulheres roerem a corda na hora do evento. Algumas até tiram tudo mas é raro.
    Eu só participo vestido, o mais nu que eu fui foi de bermuda e sem camisa, até participaria pelado se todos e (todas) ficassem completamente sem roupa.Na europa é parelho, quase meio a meio, Homens e mulheres completamente sem roupas.

    Thumb up 1 Thumb down 2

  • Adalberto

    Foi a ultima vez que participei desse evento. A cada ano fica mais fraco,na hora H só os homens tiram a roupa, as mulheres ficam fazendo corpo mole e inventando um monte de disculpinhas sobre machismo e blá blá blá. Todos ficamos espostos, todos somos vitimas do aasédio(tem muitas mulheres com celulares e cameras nos filmando pra depois postar na net)e mesmo aasim nós encaramos a batalha. Se no ano que vem não tiver um bom numero de mulheres completamente nuas(sem a calçinha) eu e meu grupo já decidimos que não vamos participar( as gurias do nosso grupo tiram tudo na hora, e depois ficam constrangidas por serem as unicas mulheres nuas completamente)já disseram que se isso continuar não võ mais no evento.
    Isso é lamentável, a cusa é nobre mas se todos e todas não abraçarem a idéia original do naked bike, isso vai defihar a cada ano que passa.
    Teve uma das organizadoras do evento que chegou falar em entrvista que só tirou a blusa e ficou de sutiã, pois os meninos já haviam tirado tudo ha ha… Pô que sacanagem .

    Polêmico. O que acha? Thumb up 5 Thumb down 8

  • Hélio Costa

    Agora que eu li no site o motivo de andar sem roupa, entendi e faz sentido. Mas uma dica é: porque não levar essa explicação para as ruas com cartazes e megafone durante a passeata?

    É fundamental colocar em letras garrafais o motivo de estar sem roupa, senão, até os próprios ciclistas acharão isso uma atitude contra a seriedade da bike como transporte nas cidades.

    Uma atitude que daria certo e EU participaria é: um dia de educação do trânsito para ciclistas. Ficarmos em alguns pontos de ruas e ciclovias instruindo ciclistas que andam na contra mão da rua, na calçada pedalando, fura o semáforo ou utilizando a rua quando há ciclovia na mesma. Pois um cara andando na contra mão gera mais “ódio” do motorista do que 5 fazendo a coisa certa.

    Eu mesmo NUNCA saio antes daquele segundo que antecede a abertura semafórica. Assim os motoristas não ficarão naquela de “alá, quer direitos, mas não quer deveres”.

    Comentário bem votado! Thumb up 8 Thumb down 2

    • Cícero Soares

      Cara… eu sei que off-topic, mas… Cara, esse negócio de sair um segundinho antes de abrir o semáforo… me fez lembrar o quanto eu deixei de ficar estressado quando deixei disso. Eu ficava lá atento, atendo, atento ao amarelo do cruzamento e… E agora ficou verde, só dou uma olhadinha pra ver não tem nenhum motorizado apressadinho que vai furar no vermelho e então começo a pedalar na boa. E que se dane se o motorizado atrás se estressar, nem ligo mais…rs.

      Thumb up 1 Thumb down 5

  • Leandro OABC

    Acho muito legal a mensagem que passam e a atitude que tomam!

    Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 7

  • CONDE TERRANOVA

    Pedalar em orla de praia vez ou outra no fim de semana e sair pelado de bike é fácil… Encarar a jornada que eu encaro todo dia, com esse tipo físico desse pessoal aí fora o pulmão marijuanado, nao aquentam 200m…

    Comentário bem votado! Thumb up 9 Thumb down 1

    • Rodrigo

      Cidadão me desculpe, mas preciso expressar o quanto me incomodou seu egóico e preconceituoso comentário. Você tem todo direito de querer se achar o cara por andar de bike todo dia e deixar de fazer isso ou aquilo, mas isso não lhe concede nem o mínimo direito de julgar, e muito menos de se colocar numa posição que o faça parecer ser melhor que alguém. É como se você estivesse se colocando na posição de um herói, só porque usa a bike todo dia. Como se diversas pessoas, usuários de drogas ou não, não fizessem o mesmo que você, ou até mais, todo santo dia. Já vi muitos casos de atletas por aí que por exemplo infartam cedo, e não bebem, não fumam, nem fodem. Humildade é muito bom ok? Não tenha medo de praticá-la.

      Thumb up 2 Thumb down 1

  • Valdemir

    Mas ninguém aqui torce ou torceu para que o evento da pelanca fosse um fracasso ou desse errado! Eu pelo menos não desejo isto, acho que cada um paga o mico que gosta, no caso deste evento Agringado é um baita KING KONG, mas cada um cada um, eu só dei minha opinião do que eu acho a respeito, que é um desperdicio de tempo, de mico e que este evento não agrega a nada, só esculacha mais ainda a imagem do ciclista que não é das melhores aos olhos dos motoristas.
    Como alguém vai levar a sério um protesto onde um bando de gente sem noção fica se expondo de forma tão exdruchula??? A pode falar que é para mostrar a vulnerabilidade do cilcista no transito, que o ciclista fica invisivel e tal, que não cola, sem chance muda o disco!

    Como disse cada um faz o que quer, mas não sou obrigado a concordar não, tenho minha opinião e é esta ! PONTO!

    Comentário bem votado! Thumb up 8 Thumb down 1

  • Leonardo

    Não condeno quem tenta mas eu mesmo não participaria… e tenho sérias restrições a essa Pedalada Pelada, não creio que seja realmente um jeito válido de protestar.

    Mas desejo, de coração, que os participantes possam fazer a Pealada sem transtornos e de forma saudável… não é porque eu não apoio que vou desejar que dê errado. Boa sorte aos participantes.

    Comentário bem votado! Thumb up 18 Thumb down 1

    • Cícero Soares

      [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

      Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 4 Thumb down 14

  • marcelo_X

    Em resumo: só vejo pontos negativos da pedalada pelada.
    Favor mostrar um ponto EFETIVAMENTE positivo para o “dia a dia” das pessoas que se locomovem de bicicleta?

    Comentário bem votado! Thumb up 11 Thumb down 7

    • Cícero Soares

      [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

      Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 4 Thumb down 10

      • marcelo_X

        Cícero, ri muito da suas comparações!
        Mas tudo bem.
        O ponto que deve ficar bem claro é que no momento do “protesto” tenha a certeza que estão sem o apoio de muitas pessoas que utilizam a bicicleta como transporte.
        E se alguem da impresa vier perguntar, seria justo vcs (do protesto) deixar isso claro, que esta forma é individual e só representa os que ali estão protestando.
        boa sorte!

        Comentário bem votado! Thumb up 9 Thumb down 2

  • CONDE TERRANOVA

    Ativismo se faz antes de tudo em cima de uma bike enfrentando o transito diário e dando exemplo, pedalando 30km por dia como eu, quer fazer parte do transito SEJA o transito, mas não vai conseguir se não largar a maconha…Tomem vergonha na cara e entendam que o direito de protestar não dá direito de agredir a visão de pessoas recatadas e de crianças que tem o mesmo direito de usar a via pública!

    Comentário bem votado! Thumb up 16 Thumb down 11

    • Cícero Soares

      Bom… defendo até a morte seu direito constitucional de opinião. (Hum, mas não arriscaria nem um arranhão pelo seu asco acrítico em relação à nudez inocente.)

      Polêmico. O que acha? Thumb up 9 Thumb down 11

    • Valdemir

      Conde faço de suas palavras as minhas concordo plenamente! Pedalar e exigir os direitos é UMA COISA !!!!
      Expor-se ao RIDICULO e de grátis, é este evento copiado dos gringos ( Diga-se de passagem ) …ou seja modinha mesmo!
      Ninguém leva isto a sério, só serve de chacota mesmo, não surte nenhum efeito sobre o transito e muito menos aos motoristas, só serve para o Ciclista não ser mais ainda levado a sério isso sim.

      Comentário bem votado! Thumb up 16 Thumb down 9

      • tiagobarufi

        [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

        Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 2 Thumb down 8

    • Neil Peladista

      “direito de agredir a visão de pessoas recatadas”
      Apesar do que diz a cultura popular, ser feio não é ilegal, ser bonito não é obrigatório e “não quero ver isso” se resolve olhando para o outro lado, e não invocando a moral e os bons costumes de eras distantes.

      Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 7

  • Cícero Soares

    Uai (2)… mas pra que tanta aversão, pra que tanto preconceito? Eu que sou um tanto careta, e desde jovem (e já tem um bom tempo que deixei pra trás minha juventude), pelo menos entendo a metáfora e aceito na boa o direito dessa livre manifestação. E vocês não.

    Pior: e o chilique de vocês parece igualzinho ao daqueles motorizados horrorizados que, quando dá de conseguirem ver a gente compartilhando a rua, dá chilique: “Que indecência, um ciclista invadindo meu espaço!”

    Agora, pra indecência, pra obscenidade, pra sem-vergonhice, pra depravação, pra falta de pudor, pra libertinagem, pra pornografia, pra imoralidade, pra sacanagem de ainda sermos invisíveis no trânsito e de seus resultados trágicos e nada invisíveis, como bem a Rosana falou, parece que nada, né?

    Polêmico. O que acha? Thumb up 14 Thumb down 14

  • Valdemir

    Podem tentar arrumar a desculpa que for…mas não desce este tipo de protesto, é simplesmente ridiculo! Para mim quem participa disto só quer mesmo é aparecer mais que a bicicleta e a causa ! Faz favor né existem maneiras muito mais criativas e sensatas do que querer chamar a atenção mostrando a PELANCA e as BUZANFAS CAIDAS!
    Como tem gente besta que adora pagar mico mesmo…ve os gringos fazerem merda lá fora, ai se reunem aqui e vão fazer também, a para com isto!
    Me negativem ai até cair o dedo, mas que eu sinto vergonha de ser ciclista quando vejo o bando pelado sinto mesmo, este tipo de coisa não agrega absolutamente nada, só rende piada, e piora nossa já tão esculacha da imagem de ciclista no Brasil.
    Quer chamar atenção façam um evento sério , que ajude em alguma coisa tipo doar sangue, ajudar alguma instituição de caridade, não ficar ai expondo as BANHAS em público, prá isto já existem praias de nudismo.
    Dá licença! É bom saber onde e quando vai ser para eu ir pedalar bemmm longe disto !!!!

    Comentário bem votado! Thumb up 26 Thumb down 18

  • marcelo_X

    É um protesto desses não traz beneficio algum para ciclomobilidade. Só traz criticas da grande maioria da sociedade. Colocam o cidadão que utiliza bicicleta como uma pessoa “alternativa”. E pessoas deste tipo merecem uma atenção tb “alternativa” dos governos…

    Polêmico. O que acha? Thumb up 15 Thumb down 13

  • CONDE TERRANOVA

    Os que participam disso aí grande parte desfilam nus sobre suas bikes enferrujadas de meses paradas na dispensa, cultivam hábitos e vícios nada haver com ciclismo, estão interessados em aparecer e não me representam como ciclista sério.

    Polêmico. O que acha? Thumb up 18 Thumb down 21

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>