Todos os dias, prefeitura de São Gonçalo/RJ abre rua para pedestres e ciclistas

Pista da Caminhada, ocupada por crianças. Foto: Andreia Quelhas

Pista da Caminhada ocupada por pedestres e ciclistas. Foto: Andreia Quelhas

Você já pensou em como seria se uma cidade abrisse diariamente uma rua para seus moradores praticarem atividades físicas sem a interferência de carros e motos? No município de São Gonçalo, no estado do Rio de Janeiro, isso já acontece. A cidade não possui uma rede de ciclovias, e nem está nesse caminho como a vizinha Niterói, mas a rua conhecida como “Pista da Caminhada” faz história entre as pessoas que usam a bicicleta como meio de transporte e lazer.

Todos os dias a rotina é a mesma. Das 7h às 9h e das 18h às 20h, justamente no horário de pico, a rua Jaime de Figueiredo é fechada aos carros e aberta às pessoas pela Prefeitura. Apenas vans escolares e moradores podem circular com veículos motorizados pela via.

Estímulo ao deslocamento ativo

Com pouco mais de 2 km de extensão, a rua que começa na entrada do bairro Porto da Pedra e vai até o bairro Gradim é alvo de muita polêmica. Enquanto os frequentadores adoram o espaço, os motoristas acham um desperdício, pois seria mais uma rota de carros rumo a Niterói.

Para os ciclistas e pedestres, no entanto, a via aberta é um estímulo em vários sentidos. É um ótimo espaço para caminhar e pedalar com segurança e sem a preocupação de ter que se proteger, de levar uma fina ou de ser atropelado. Ciclistas iniciantes podem usar a rua para seus primeiros treinos, já que a ausência de carros, alguns quebra-molas e muitos pedestres não permitem alta velocidade. Não é raro ver pais e mães junto com seus pequenos aproveitando a rua para um pedal tranquilo em família.

Outro benefício é a escolha da melhor rota para se deslocar de bicicleta entre alguns pontos da cidade. A quantidade de carros que ruma de São Gonçalo para Niterói e para a Ponte Rio-Niterói nos horários de pico é enorme. Isso faz com que um trajeto de aproximadamente 10 km seja feito em quase 2 horas! Com Pista da Caminhada, no entanto, o trecho acaba entrando na rota de quem quer encurtar caminhos ou fazê-los menos congestionados. Pensando nisso, eu mesma troquei o carro pela bike há uns três anos, e toda minha experiência de pedal até o escritório passa sempre pela Pista da Caminhada. E não sou só eu: todos os dias centenas de ciclistas-trabalhadores se dirigem para Niterói usando a rua como uma parte tranquila de sua rota.

Para ficar atento

  • A Pista da Caminhada, quando está aberta para carros, possui ciclovia em toda sua extensão, mas a separação entre a rua e a ciclovia é feita por olhos de gato gigantes e colocados muito próximos uns dos outros. Sem cuidado, é fácil cair durante o pedal.
  • Fora do horário em que a rua está fechada para carros, a ciclovia é usada como estacionamento, dificultando seu uso pelos ciclistas.
  • Se seu objetivo for treinar, a Pista não é lugar para você. Como a rua é compartilhada entre ciclistas, pedestres, skatistas, adultos, crianças e idosos, fazer um pedal veloz pode colocar em risco a integridade das pessoas que querem fazer um uso mais tranquilo da via.

1 comentário para Todos os dias, prefeitura de São Gonçalo/RJ abre rua para pedestres e ciclistas

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>