São Paulo aumentará a fiscalização contra o desrespeito a ciclistas

Medida foi anunciada durante o lançamento do programa Trânsito Seguro, na segunda-feira (18 de setembro).

A Prefeitura de São Paulo lançou nesta segunda-feira (18) o programa Trânsito Seguro, um conjunto de ações de segurança nas vias da cidade. Entre as medidas está a intensificação da fiscalização de desrespeito ao ciclista e ao pedestre, junto com uso de celular, respeito ao semáforo e falta de seta para conversão.

As mortes de ciclistas vem avançando nos últimos meses, tendo crescido 75% nos primeiros seis meses desse ano.

De acordo com o secretário de mobilidade e transportes, Sérgio Avelleda, a fiscalização será tanto do desrespeito à distância de segurança de 1,5m ao ultrapassar quanto de outras ameaças diretas como as fechadas, que serão enquadradas como condutas que colocam em risco a vida de quem está pedalando.

Avelleda comentou também que será lançada uma campanha para conscientizar quem pedala sobre a necessidade de proteger os pedestres, citando especialmente o comportamento de alguns ciclistas nas ciclovias das avenidas Faria Lima e Paulista.

Na quarta-feira quinta-feira (21) será feita a assinatura do decreto referente ao sistema de bicicletas compartilhadas, com uma exposição na prefeitura dos modelos de bikes que poderão vir a ser adotadas na cidade.

4 comentários em “São Paulo aumentará a fiscalização contra o desrespeito a ciclistas

  1. William, precisamos focar a fiscalização na ciclovia da Faria Lima, os motoristas estão atravessando o sinal vermelho sem nenhum cuidado, estão ignorando totalmente a ciclovia, fazendo conversão em locais proibidos, está um terror pedalar por ali, esse ano já quase fui atropelado duas vezes. Ainda perguntei ao policial sobre o problema, ele disse que é comum ter acidentes na ciclovia e falou com pouco caso, como se os ciclistas estivessem andando por ai feito loucos. A ciclovia da Faria Lima não é mais segura para pedalar.

    Comentário bem votado! Thumb up 4 Thumb down 0

  2. Acho que é sem dúvida um ponto, mas esse tipo de ação tem lá suas limitações, não podemos perder o foco em exigir ciclovias e vias com velocidade reduzida.
    Sobre a campanha com pedestres acho importantissímo, pois em certos casos a abusos dos cilistas, mas acho que vem a necessidade também de conscientizar os pedestres que a bike é um veiculo, por exemplo, no trecho da Berrini é comum pedestres fazerem a travessia olhando somente para os veiculos, e em certa localizações em pontos cego para o ciclista, todos devem usar o bom senso.
    Mas sinceramente espero que o programe aumente o cuidado dos motoristas com os cilcistas e não parem só por aí

    Comentário bem votado! Thumb up 4 Thumb down 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *