Denunciando os donos das ruas

Sabe aquele restaurante que estaciona os carros dos clientes na calçada? Ou aquela loja, que fez da calçada seu estacionamento? Às vezes dá até vontade de descontar naquele carro que está ocupando a calçada e te obrigando a se espremer para passar, muitas vezes fazendo até com que os pedestres tenham que passar pela rua.

Mas, além de ser incorreto, descontar no carro que está ignorando a existência dos pedestres não traria resultados práticos. Primeiro que nem sempre o dono do carro é conivente com esse desrespeito e os manobristas não vão nem ficar sabendo (ou vão ignorar) o que aconteceu. E, mesmo que o dono tenha estacionado ali por vontade própria, riscar seu “patrimônio” não lhe trará a educação que ele precisa ter, pois dificilmente ele associará o risco ao desrespeito que comete (que, para ele, é algo normal).

Talvez passar andando por cima do carro, já que ele está na calçada? Seria poético! Algumas vezes já fiquei morrendo de vontade de fazer car walking, em situações que realmente mereciam, mas isso pode trazer problemas. Vão dizer que você está estragando o carro (mesmo que não estrague nada) e, claro, não vão fazer nada pra tirar o carro dali… É mais produtivo direcionar essa raiva para algo que realmente trará algum resultado prático.

Inspirado por este post no Blog de Ecologia Urbana e também pelo que vejo quando passo em algumas ruas que fazem parte de meu trajeto diário ou eventual, resolvi divulgar uma das formas que temos para relatar esses estupros recorrentes do espaço público.

Quando é algo eventual, como um carro que estacionou em local proibido ou em cima da faixa, não tem nada que possa ser feito mesmo: se você ligar na CET, vão dizer que “não tem viatura pra atender a ocorrência”. Mas se tiver algum agente da CET por perto, aí sim você pode exigir providências. Sim, EXIGIR! É a função dele e ele tem que cumpri-la.

No Restaurante Lilló, (R. Borges Lagoa, 1321), cobram dez reais para estacionar seu carro na calçada (foto de 03/set/08, às 20h26)
No Restaurante Lilló, (R. Borges Lagoa, 1321), cobram dez reais para estacionar seu carro na calçada (foto de 03/09/2008)

Quando é algo recorrente, como o citado nesta denúncia, recomendo abrir uma reclamação no SAC da Prefeitura. Pode até demorar um pouco, mas atendem. Escolha como assunto “CET – Fiscalização”. Na tela seguinte, escolha a opção, que por sinal é nova, “veículos estacionados em cima da calçada ou canteiro”. Na próxima tela, o sistema vai pedir os dias e horários em que isso acontece e pergunta também se há sinalização de trânsito no local. Juro que não entendi isso, já que calçada é calçada e não depende de sinalização, mas enfim. Na tela seguinte, você tem espaço para detalhar sua reclamação.

Vale a pena usar os meios oficiais para denunciar. Imagino que fornecendo dia e horário da ocorrência, a CET se programe para fazer um flagrante, porque afinal não adianta nada passar lá em um horário em que isso não acontece. Se possível, tire uma foto com o celular, suba para algum site (se não tem para onde subir, recomendo este site) e cole a URL na descrição da reclamação. No final do processo você ganha um número de protocolo, que pode ser utilizado para consultar o andamento do processo.

Se você fizer alguma denúncia e quiser colocar o número do protocolo como comentário nesse post, daqui algum tempo eu publico um novo post comentando quais foram as respostas recebidas e se surtiu efeito ou não.

Me parece que a CET tem apertado a fiscalização, o que é ótimo. O Restaurante Lilló, que sempre estacionava os carros dos clientes nas calçadas, parece que não está mais fazendo isso. Passo em frente uma vez por semana e não vejo isso acontecer há pelo menos um mês. E a Rua Amauri agora tem sempre um agente da CET nos horários de maior movimento. É triste terem que sempre destacar agentes para fazerem plantão em uma mesma rua, mas agora não há mais problemas como ônibus incomodando os clientes… Será que o problema era mesmo com os ônibus?


28 comentários para Denunciando os donos das ruas

  • ricardo

    oq fazer quando vc nao é atendido pela cet…a 5 anos tenho problemas onde mora sao carros em cima da calçada …..na sua guia rebaixada virou terra de ninguem aqui…ja chegeui em casa as 2.00 da manhã e tive q pular meu portão por ter carro na minha calçada e meu portao so abrir pro lado de fora…ja fiz 500 chamadas na cet nunca fui atendido vc coloca placa de nao estacione as placas somem…vc pede pra nao estacionarem dizem q a rua é publica ate ameaça de morte ja recebi…por morar no campo limpo e ser um bairro não nobre sinto q a sub-prefeitura ta nem ai pra vc ja fiz reclamação pelo site da sub prefeitura de carro abandonado na calçada a mesma depois de certo tempo q a reclamação estada em estado de indeferido…oq significa isso??? pois o carro continua na calçada 2 anos depois…vivo um inferno num estado de nervos e hiper estressado com isso eu com 51 anos tenho q aturar vizinhos q se acham donos da rua.Oque se pode fazer num caso desses???

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • karin

    Bom dia,
    Gostaria de solicitar a intervencão do DSV na Travessa Carmelinda Marques Pereira 46, o morador da residencia estaciona regularmente o seu automovel na calçada impedindo a entrada e saida de outros moradores, devido a ser uma travessa estreita. Em uma das casa defronte reside uma idosa cadeirante, com necessidades especiais. Ontem presencie a dificuldade em locomove-la, ja que é impossivel estacionar o carro corretamente para a entrada da mesma.
    OBS. Tentamos conversar com o cidadão mas infelizmente não obtivemos resultado.
    Agradeço a providencia.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Poliana

    Venho através desta fazer a denúncia que todo dia que chego por volta de uma 23hs, tem um carro preto estacionado bem perto de uma garagem e o pior não é só o carro não a calçada não da para passar pois tem um caminhão tbm, fazendo a calçada ficar totalmente fechada, onde é um perigo pois a rua tem muito movimento e passa ônibus, o carro é preto a placa não da para ver direito, mas é um carro preto a placa parece ewx1081, e tem mais um caminhão na calçada, onde a noite os noias se esconde atras deles, para assaltar as pessoas, peço por favor que seja tomadas devidas providências grata. O endereço é na rua mogi guaçú, o numero próximo é 80 a 84, bairro jardim são domigos guarulhos sp 07142210 e vcs vão ver logo em seguida os dois carros na calçadas, muito obrigada

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • alexssandro

    travessa estrada mogi das cruzes tem rua pamas cep 03674080 vila frugoli tem uma par de carro em cima das calçadas e continuando essa rua tem a rua professor pinheiros domingues e um absurdo as pessoas tem que andar pelas ruas e as piruas patriarca desce quase levando as pessoas

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • helio pires de campos

    na av; Professora Marta Maria Bernardes no bairro vila natal no numero 30 ate o 300 quase não se consegue andar na calçada , quase todos lugares estão com carro sobre a calçada , não reclamo so por mim mas sim pelas vidas das crianças , porque fico indiguinado em ver estes marmanjos deixando os carros sobre a calçada e as crianças tendo que passar pela avenida muitas vezes proximo aos pneus dos onibus , ao ponto de serem esmagadas sera que alguen pode rezouver isso ates que a desgraça aconteça . obrigado ds de já

    Thumb up 0 Thumb down 2

  • Cláudia

    Olá boa noite!!!
    Moro num caminho fechado, onde tem um “DONO DA RUA” que estaciona seu caminhão no caminho,dificultando a passagem.O que posso fazer??

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Larissa Couto

    Boa tarde. Eu gostaria de fazer uma pergunta. Perto de minha casa tem uma Igreja seu só tenhho essa passagem para carro. Sendo que,na rua eles colocam os carros, ficam conversando parados e não respeitam o direito das outras pessoas. Nesse caso não é calçada e sim rua. O que devo fazer? Tem algo legal (lei) que eu possa fazer?

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Fabiano

    Bom dia a todos!
    Gostaria de avisar as autoridades de no endereço Rua Jose de Oliveira China em continuação da rua Foz do Douro numero aproximado 460 e 470, no Jardim dona Sinhá, os moradores colocam os carros em cima da calçada tanto os carros que utilizam quanto os carros que faltam peças e nem andam mais, atrapalhando os pedestres e os pontos comerciais, impossibilitando a locação dos galpoes que existem la, pois qualquer interessado que chega para avaliar o local acaba desistindo na hora quando se depara com dezenas de carros impossibilitando qualquer tipo de empreendimento trabalhar neste local. Gostaria de pedir encarecidamente para as autoridades que guinchem esses ferro velho que se encontrem nesse local, pois acredito que dessa forma a vizinhança acabam tendo mais cuidado, pois ficaram com medo em colocar seus veículos na calçada. Muito grato pelo espaço e oportunidade de expressão.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • oswaldo

    carro para sobre calçada pedestres transita na rua se alguém da
    minha familia for atropelado eu vou processar a prefeitura porque não
    cumpre dever de manter a calçada para livre acesso para pedestre porque não se
    aplica se multa em bairro sobre veiculo em calçada ia ganha muito
    mais que fica almentando impostos aqui e uma rua movimentada as te
    que transitar rua e não nas calçadas por falta de espaço veja afoto
    carros so para em nossa sala esta

    Thumb up 3 Thumb down 0

  • MAURICIO

    VEJO AQUI ONDE MORO QUE AS CALÇADAS SÃO ATE BEM LARGAS MAS SE TORNAM ESTREITAS POR CAUSA DOS VEICULOS QUE SÃO COLOCADOS NAS CALÇADAS INDEVIDAMENTE. AI TENHO QUE IR PARA RUA. E QUANDO UMA MULHER QUER PASSAR COM CARRINHO COM NENEM? PARECE QUE NINHGEUM COBRA. SE EXISTE LEI, ESSES CARROS DEVEM SER REBOCADOS. SE PELO MENOS ELES,DEIXASSEM UM PEDAÇO PARA NÓS! MAS AI UM POE E ATE DEIXA ESPAÇO, MAS OUTRO VEM E POE PROXIMO FECHADO TUDO. ABSURDO!!

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • MAURICIO

    existe uma lei se não me engano que é proibido estacionar em calçadas. artigo 181 inciso Vlll. isso vale para todas as calçadas? e se vale porque não é cobrado? pois os carros ocupam calçadas onde ha esstradas movimentadas com risco para o pedestre. e os pedestres tem que andar nas ruas. estamos á deriva? em são joão de meriti,por exemplo á margem da rua são joão batista, carros estacionam nas calçadas e os pedestres tem que andar na rua. e quando aparece algum guarda, não sabemos o que acontece que fica por isso mesmo!

    Thumb up 1 Thumb down 0

    • Willian Cruz

      Vale para todas as calçadas, em todo o país. O que falta é fiscalização. É preciso pressionar o órgão de trânsito local e a prefeitura para que cumpram sua obrigação.

      Thumb up 2 Thumb down 0

  • Priscila

    Olá, boa tarde,
    Em São Caetano tem uma casa noturna que coloca cones para que seja “guardado” lugar para cliente especial da casa na rua, na porta do estabelecimento. Porém a vaga é faixa branca, a guia não é rebaixada, ou seja, uma vaga normal. Um estabelecimento pode “guardar lugar” dessa forma? Já vi outras pessoas fazendo isso, como por exemplo o dono de uma banca de jornal que guarda a vaga na frente da banca dele com cone também. Como proceder? A vontade é retirar o cone e parar o carro, mas aí fica o medo de danos no veículo…

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Bia Nunes

    Bom dia, Gostaria de sabe se tem lei para as pessoas coloca placa de estacionamento nas calçada e cobra 10,00 reais???

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Cleide

    Ola,
    Moro na Rua Padre Jose Giomini do lado de uma Marmoraria e quase de frente de uma oficina. Durante a manha,demoro muito para conseguir sair com meu carro, pois vários carros estacionam nos dois lados da rua e o transito e infernal por conta disso. Inúmeras vezes, caminhões e clientes da marmoraria estacionam em frente a minha garagem. Ja pedi varias vezes para não estacionar la, pois já tive que pegar táxi pois não encontrei quem havia estacionado, mas infelizmente, a falta de respeito ao próximo prevalece.
    Gostaria de saber o que devo fazer, pois esta insuportável conviver com isso.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Ossi

    Fui na casa do meu pai quando deparei com carro descendo e estacionando em cima da calçada do meu pai,assim que essa pessoa desceu do carro logo eu vi que se tratava da minha prima fora os outros 2 irmãos dela que não converso briga familiar,assim que desceu do carro falei calmo “Bom logo em cima da calçada atrapalhando entrada e saída de carro ela com voz de arrogante e insulto respondeu:”- a calçada é publica e coloco aonde eu quiser e entrou logo pra casa dela,Me deixou falando sozinho com cara de taxo e ela chamou pai mãe irmãs pra ficar olhando lá de cima achando que eu ia arranhar o carro,mas como meus pais mim deram educação para isso e outra o carro não tem culpa pela estupidez dessa pessoa o que eu faço,mim ajudem?

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Antonio Gilberto Gallo

    O que devo fazer? Na Rua Paula Lima CEP 08071-290 ,rua ésta que tem faixa dupla e placa de proibido estacionar.Existe neste local a mais de trez meses veiculos abandonados e desmontados estacionados em baixo da placa ,e mais ainda ,na esquina da Rua Manuel da Paixão CEP 08071-260,que tambem existe diversos veiculos abandonados em cima da calçada e alguns na contra mão. Já Ligue p/ a CET e nenhuma providencia foi tomada.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Lilian G. Silva

    Moro em Piedade próximoa altura no número 8.000 em frente ao supermarcado guanabara,ao lado da Renault.onde acontece um abuso por partes de uns desocupados que além de arruaceiros,estacionam seu automóveis em cima da calçada,impossibilitando a passagem de idosos,carrinhos de bêbe,cadeirantes e etc.gostaria de denúnciar e pedir ajuda da Prefeitura contra esse abuso.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • briitto

    otimo texto me ajudou muito. obrigado.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Waldson (Antigão)

    O formulário para reclamações sobre carros estacionados sobre a calçada é extremamente confuso. Passei boa parte da minha vida atuando em empresas desenvolvedoras de software e o achei confuso, imagine uma pessoa leiga em informática! Também não é sempre que o formulário funciona. O cidadão o preenche e quando clica em validar, NADA! Mormente em se tratando de finais de semana. É como se a Rede Mundial “fechasse” aos finais de semana e feriados. Na Av. dos Nacionalistas, próximo ao cruzamento com a Av. Inconfidência Mineira, lado do Banco do Brasil, DIARIAMENTE tem carros sobre a calçada, alguns até impedindo a passagem de pedestres, fazendo-os transitar na rua, sob pena de serem atropelados. Até Auto-Escola põe carros sobre a calçada, um verdadeiro abuso! Como não há uma fiscalização a altura, duradoura, o abuso persiste.
    Já me indispus com algumas pessoas por fazer valer o meu direito de cidadão, exigindo que motoristas tirassem o carro da calçada e o colocasse na rua. O que ouvi foram inúmeros palavrões e se eu insistisse, com certeza seria agredido fisicamente.
    Obrigado pela atenção e abraços.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Ana Lúcia

    na rua Padre Antonio de Gouveia , tem uma ofixina de carros ! o mecanico estaciona os carros na calçada toda
    são bairros de tem muitos idosos, Crianças …que tem que atravessar numa esquina que os carros andam na contra mão,
    próximo ponto final do õnibus Vila Clara- Pinheiros ( TUPI) , ainda passa caminhões Grandes, muitas vezes õnibus não consegue virar até fica aquele trânsito que atrapalha todos…já foram atropeladas varias pessoas…
    agradeço des de já…espero

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Carro na calçada? Chame a CET | + Vá de bike! +

    […] Eu costumo cadastrar no site do SAC da Prefeitura, que tem um formulário pra preencher sobre […]

    Thumb up 0 Thumb down 0

    • patricia

      Na rua Terra no bairro de São Mateus-sp a uma ofina de carros eles usan a calçada como espaço da ofina para trabalho e nos pedestres temos que andar na rua sem quase atropelada pois do outro lado a uma empresa e saide de caminhoes e tambem passa onibus no local qual a providencia a ser tomada

      Thumb up 1 Thumb down 0

      • Willian Cruz

        Patrícia, há duas medidas a serem tomadas e recomendo que faça as duas coisas:

        1) Ligar na CET, no telefone 1188. Seja insistente. Ligue hoje, ligue amanhã, ligue depois de novo, até resolverem o problema. Peça para outras pessoas ligarem também. Diga ao atendente que há grande risco de acidentes no local, porque as pessoas estão circulando o tempo todo na via, junto a ônibus e caminhões

        2) Cadastre reclamação no site da Prefeitura, no endereço http://sac.prefeitura.sp.gov.br . Selecione o assunto “CET / Circulação de Pedestre” e como especificação escolha “Dificuldade de circulação na calçada”. A próxima tela vai te pedir mais detalhes, como dias da semana em que isso ocorre, horários, etc. Dê a maior quantidade de detalhes possível. A reclamação fica registrada, demora um pouco pra atenderem, mas você passa a ter uma ferramenta para cobrar.

        Mesmo cadastrando no site da prefeitura, é importante ligar também na CET, que costuma ser mais rápido para resolver. Faça as duas coisas. Ligar na CET faz irem ao local e multar os carros parados ali, cadastrar no site faz agendarem visita para aplicação de multa.

        Thumb up 0 Thumb down 0

  • Chega de carros nas calçadas | + Vá de bike! +

    […] no Brasil, onde a prática de ocupar a calçada com o carro também é comum, já houve quem criasse iniciativa semelhante, que infelizmente não teve a […]

    Thumb up 0 Thumb down 0

Enviar resposta

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>