Informe problemas e faça sugestões no mapa interativo da Prefeitura de SP

Ferramenta recebe a colaboração da população através da internet, permitindo marcar o local no mapa. Imagem: reprodução

Ferramenta recebe a colaboração da população através da internet, permitindo marcar o local no mapa. Imagem: reprodução

Como parte da revisão do Plano Diretor Estratégico (PDE), a Prefeitura de São Paulo disponibiliza uma ferramenta para participação popular via internet. Trata-se de um mapa interativo, onde o cidadão pode enviar suas sugestões e reportar problemas clicando no mapa e relatando o que considera importante. O visitante pode ainda ler as sugestões enviadas por outros cidadãos, filtrando por tema e data de postagem.

O mapa destina-se a criar uma base de dados de referências para o Plano Diretor Estratégico. Envios de propostas devem ser feitos nas oficinas presenciais ou no formulário de propostas. Se você tem uma proposta importante (ex: ciclovia do Jabaquara até o Centro) recomendo fortemente que, além de marcar no mapa, preencha o formulário.

As contribuições passam por uma avaliação antes de serem publicadas, principalmente para evitar mensagens ofensivas ou conteúdo impróprio. Portanto, seja paciente, pode levar alguns dias para aparecerem no mapa.

Ciclovias, bicicletários e segurança

Navegamos pelo mapa e descobrimos várias solicitações de cidadãos para melhorar a vida dos ciclistas em São Paulo. No dia 11 de julho foi registrada uma solicitação para a criação de um acesso à Ciclovia Rio Pinheiros, na Ponte Eusébio Matoso. “Dessa vez, o desenho do acesso poderia facilitar mais a vida dos ciclistas, ao contrário do que acontece nos outros acessos”, diz o texto. Há outra solicitação de acesso na altura do Parque Villa-Lobos.

Na Av. Eliseu de Almeida, um cidadão reforça a necessidade de construção da mitológica ciclovia. Na Av. Paulista, o texto de uma solicitação afirma que, durante as manifestações do mês de junho, percebeu-se que “podemos viver com uma faixa de automóvel a menos sem transtornos”, sugerindo que uma delas seja transformada em ciclovia.

Além dos pedidos de novas ciclovias, há solicitações de reforma e manutenção das existentes, solicitações de bicicletários e informações sobre pontos da cidade onde o viário coloca a vida dos ciclistas em risco. É importante sinalizarmos esses problemas e suas soluções através desse mapa. Há problemas que só quem usa a bicicleta nas ruas consegue identificar.

Clique aqui para acessar o mapa e fazer sua sugestão.

Participe!
Vamos ajudar a mudar essa cidade para melhor!

Atenção: pedidos de serviço, obras, fiscalização ou vistorias não serão atendidos por este mapeamento (reparos em iluminação pública, tapa-buraco, poda de árvore, etc) e devem ser formalizados no Sistema SAC, na Central 156 ou nas Praças de Atendimento das Subprefeituras. Com o registro do pedido através desses meios, você obterá um número para acompanhamento da solicitação.

Plano Diretor Estratégico

Aprovado em 2002, o PDE é o principal instrumento para organizar o planejamento urbano dos espaços da cidade. O documento traz, por exemplo, regras sobre como construir nos terrenos, como fazer grandes construções e garantir a preservação do meio ambiente.

Na primeira etapa de revisão do plano, realizada entre abril e junho, foram promovidas dez avaliações temáticas para discutir os seguintes temas: uso e ocupação do solo; instrumentos de política urbana; habitação; meio ambiente; mobilidade urbana; e os investimentos prioritários, planos regionais e planos de bairro. Participaram desta fase 1.804 pessoas, que contribuíram com 1.847 sugestões.

Atualmente, o programa de revisão do PDE está em sua segunda etapa, que consiste na realização de oficinas públicas para o levantamento de propostas e contribuições nas regiões das 31 subprefeituras da cidade.


19 comentários para Informe problemas e faça sugestões no mapa interativo da Prefeitura de SP

  • Carlos

    Outra plataforma nos mesmos moldes, mas voltado para setor privado:
    http://www.bikeit.com.br/#lat=-23.54195666652524&lng=-46.76502227783237&zoom=14

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Carlos

    Vejam como é importante veicular ( ops ! desculpe pelo trocadilho ! ) os problemas e soluções:
    http://www.bomviverbem.com.br/qualidade-de-vida/moradores-do-butanta-querem-mais-mobilidade/

    Esta é a oportunidade de expressar, dar o feedback. Vou colocar um comentário lá sobre o site da prefeitura.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Carlos

    Bom, já coloquei umas 10 sugestões/ problemas. E vou colocar mais para os problemas da minha região.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Carlos

    Por falar neste serviço que consome muita banda e sobre tablets, cadê a internet sem fio gratuito da populacão ?
    Houve promessa de campanha da Marta … e neste mandato ?
    Isto seria muito interessante para nós ciclistas pois podemos colaborar mais com a cidade com essas conexões diretas com qualquer serviço!

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Cícero Soares

    Putzgrila, o mapa é bacana, mas… Como o sítio é instável, hein?! Não sou especialista, mas acho que ele ficar “rateando” é por causa daquele carregando de trocentos itens, típico nesses mapas. (Ou a banda é ruim mesmo, sei lá.)

    E o link de login, que aparece nas soluções ou problemas já enviados, dá pau, não tem como entrar por aí. Mas descobri dá pra fazer login sim, só que ao se clicar primeiro no Enviar Solução ou Problema e depois cancelar o envio. Aí pode-se comentar à vontade. Por exemplo, para reforçar uma proposta, dar complemento a elas ou mesmo rebatê-las, em vez de ficar entupindo o mapa com os mesmos registro.

    Thumb up 1 Thumb down 0

    • Cícero Soares

      Aliás, outros pequenos paus que dão lá é quando as janelas transparentes são sobrepostas. Salvo engano (como já disse, minha falta de conhecimento técnico), acho que elas exigem muita memória, e então o navegador dá umas travadas. Mas sei lá se é isso, sei lá.

      Thumb up 1 Thumb down 0

      • Carlos

        Sim, essa aplicação demanda memória. Não se os técnicos da Prodam ou o que presta este serviço para prefeitura, levaram isto em conta. No Wikicrimes (http://wikicrimes.org/) esse era uma dos problemas. Não sei hoje em dia, com os computadores mais potentes com processadores multi-core e mais memória ( 4GB para cima ), dão conta do recado. Ou seja, parece que funciona bem para os aficcionados ( leia-se nerds e geeks ) e jovens que adquirem seus computadores ou notebooks. Acho que com a nova Classe Média seja mais fácil. ( Tenho que conferir nos tablets, o dispositvo ideal, mas temo que talvez não dê conta. ) Dada a inclusão digital, segundo a FGV, é possível. Contudo, dado a inclusão social, creio que vamos passar por um bom tempo tendo problemas e falta de interesse, apesar de ser mais fácil de usar.

        O SAC da prefeitura na internet, que é o ideal para qualquer computador, é pouco usado, dado o tamanho da população da metrópole de São Paulo de por volta de 20 milhões de pessoas, tem entre 24 mil a 40 mil, solicitações por mês, e dividido entre mais de uma centena de categorias. Só que o SAC da prefeitura, engloba somente o município de São Paulo, pois vários casos quando é cadastrado um endereço limítrofe com outro município, geralmente dá “Endereço Não Encontrado !”. Este aqui dado ao convênio com outros municípios ( isto somente conferindo, pois pode ter os mesmos problemas do SAC ), a quantidade de solicitações/sugestões podem ser maiores e o banco de dados e/ou servidor do provedor ( data center ) pode não estar adequadamente dimensionado, levando a demoras ( que nem sempre é do computador do cidadão ). Questão de custo. Malandragens da política. Podendo se tornar algo semelhante ao SAC, e ao Wikicrimes. Efeito tostines torrada: se não é usado, não serve para muita coisa. Temo que isto vire um outro SAC, dadas estas dificuldades na interface. Aí a prefeitura pode jogar na cara da população dizendo algo do gênero, esse pessoal é muito mané, mostramos que somos uma prefeitura moderna, melhor que essa cidade teve, e vamos ganhar dividendos políticos, com a grande maioria da população dita culta, que não usa o serviço. Coisa que só para inglês ver. E talvez, ser usado como barganha para aporte maior de dinheiro que será desviado para outros fins.

        Posso estar totalmente enganado, e, espero que esteja: Que a população vai usar o serviço até estourar a boca do balão, e reclame em alto e bom som pelo descaso do serviço.

        Eu, vou usar e abusar deste serviço. E, ainda não sei como tirar estatísticas deste serviço. Ainda vou analisar este novo serviço da Prefeitura ( ou das prefeituras ). Será que a administração do Haddad está alinhado com a administração Lapas ( Osasco ) ? E algo que ainda vamos ver … pois tenho um interesse especial no entorno da Estação Presidente Altino.

        Thumb up 0 Thumb down 0

  • Anderson

    Já mandei a solicitação da ciclovia na Eliseu de Almeida, se essa ciclovia saísse do papel 90% dos meu problemas de mobilidade urbana estariam resolvidos.

    Thumb up 3 Thumb down 0

  • Alê

    O pedido, por exemplo, de um semáforo em um retorno que cruza uma ciclovia onde não há semáforo (caso de alguns retornos na ciclovia da Av. Faria Lima), poderia ser incluído nesse mapa, ou seria feito através do sistema SAC ou Central 156?

    Thumb up 2 Thumb down 0

    • Carlos

      Pelo jeito é voltado para circulação, tráfegos, vias, … então semáforos poderiam ser feito neste mapa interativo e colaborativo, quanto ao resto é como disse William:

      “Atenção: pedidos de serviço, obras, fiscalização ou vistorias não serão atendidos por este mapeamento (reparos em iluminação pública, tapa-buraco, poda de árvore, etc) e devem ser formalizados no Sistema SAC, na Central 156 ou nas Praças de Atendimento das Subprefeituras. Com o registro do pedido através desses meios, você obterá um número para acompanhamento da solicitação.

      Estou interessado nessa parceria com muncípios vizinhos, para ir para o trabalho tenho uns 3 municípios: São Paulo, Osasco, Carapicuiba e Barueri. Vou testar se funciona mesmo.

      Thumb up 2 Thumb down 0

    • Creio que nesse caso seja SAC/156, Alê. Mas uma solicitação mais abrangente, como “replanejar todos os retornos e cruzamentos sem semáforo nessa ciclovia, pois colocam em grande risco os ciclistas com os automóveis passando em velocidade e sem os cuidados necessários”, entraria no mapa. ;)

      Thumb up 3 Thumb down 0

      • Alê

        Já coloquei algumas sugestões lá (mas ainda não estão no ar). E uma delas foi quase que exatamente isso que você falou, de replanejar os cruzamentos sem semáforo dessa ciclovia.

        É engraçado que os cruzamentos sem semáforo na ciclovia da Faria Lima possuem placas de PARE tanto para os carros quanto para os ciclistas. Isso não faz sentido em dois níveis: primeiro porque o ciclista, por ser a parte mais frágil, devia ter sempre a preferência. Segundo porque ao colocar placa de PARE para as duas partes, a preferência continua indeterminada e não resolve muita coisa.
        Outro dia quase fui atropelado em um desses retornos que não tem semáforo (a maioria tem, mas tem uns 2 ou 3 que não tem). O que mais me assustou foi que depois o motorista reclamou que eu não respeitei o semáforo. Respondi que não tinha semáforo no retorno nem na ciclovia, e pra minha surpresa esse motorista acreditava que o semáforo que havia um pouco depois do retorno, em uma faixa de pedestres, automaticamente servia para os carros fazendo o retorno também. Pra ele nem a placa de PARE virada para os carros no retorno provava que ele estava enganado. Esse nível de ignorância sobre como funcionam as sinalizações básicas de trânsito por parte de um motorista supostamente habilitado é altamente preocupante.

        Thumb up 3 Thumb down 0

  • Rafael

    Ótima idéia. Dessa maneira o gestor consegue planejar melhor as suas futuras ações :)

    Comentário bem votado! Thumb up 4 Thumb down 0

  • Carlos

    Ô demorô.
    Este esquema de interação com a população já conhecia há dez anos, e, voltado para a criminalidade: http://wikicrimes.org/
    Mostrando que estatísticas move as políticas públicas, embora as pessoas não colaborem em alimentar estas estatísticas em forma de SAC, 156, 1188, …

    Thumb up 3 Thumb down 0

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>