World Bike Tour São Paulo decepcionou participantes

Muitos participantes tiveram que improvisar para conseguir pedalar as bicicletas novas. Foto: Rachel Schein

Muitos participantes tiveram que improvisar para conseguir pedalar as bicicletas novas. Foto: Rachel Schein

Defeitos nas bicicletas e falta de informação foram os principais problemas do evento de 2014 na capital paulista

Depois de um adiamento de última hora, finalmente chegou o dia do passeio. Mas o que era para ser uma festa terminou em decepção para muita gente. A falta de informação e de organização, que já marcavam as semanas que antecederam o evento, também causaram dificuldades no início da pedalada.

Problemas como pneu murcho, roda empenada, guidão e banco soltos, entre outros, fizeram com que alguns participantes desmontassem outras bicicletas para conseguir montar uma que funcionasse, já que não havia controle de retirada e a quantidade de defeitos era grande. O organizador do passeio, Diamantino Nunes, classificou essas ações como “vandalismo”, em entrevista ao G1, afirmando que todas as bicicletas foram entregues “em condições de uso”, horas antes do passeio.

No vídeo de Rachel Schein, nesta página, é possível perceber que o horário de saída já havia chegado e ainda havia gente sem bicicleta. Muitos desistiram e voltaram para casa. Ainda na matéria do G1, Diamantino Nunes afirma que a organização identificou apenas 16 pessoas com problemas – e que ainda será decidido se essas 16 receberão o dinheiro de volta ou ganharão uma bicicleta nova.

Procon

A Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor de São Paulo (Procon) notificou, na segunda-feira, 3 de fevereiro. a “Bike Tour Eventos Esportivos Ltda” para prestar esclarecimentos. A entidade pediu informações como a quantidade de participantes que não receberam o kit, quais canais foram disponibilizados para reclamações e onde foi realizada sua divulgação, quantas reclamações foram recebidas e qual o procedimento que será adotado para ressarcimento. A empresa terá uma semana para se justificar e, caso isso não ocorra ou forem comprovadas irregularidades, poderá ser multada, em um valor que poderá variar de R$ 480 a até R$ 7 milhões.

Os participantes que tiveram problemas podem procurar o Procon-SP, com algum documento que comprove que tenham feito inscrição. O que pode ser conseguido é o ressarcimento do valor pago. Aos que se sentiram lesados, recomenda-se procurar o Juizado Especial Cível, seja para pedir devolução do valor da inscrição ou mesmo por eventuais danos morais.

O Procon disponibilizou uma página para instruir os participantes que desejem contar com sua ajuda: clique aqui.

Teve problemas? Concluiu o passeio? Conta pra gente.


21 comentários para World Bike Tour São Paulo decepcionou participantes

  • NÁO SOU CONTRA NENHUM COMENTÁRIO FEITO ,MAS VAMOS PENSAR O SEGUINTE O SER HUMANO É COISA QUE NÃO DEU CERTO TENTE ,LIDAR COM GADO E VOCÊS VÃO VER QUE É BEM MAIS FÁCIL ,AGORA SE TRATANDO DE BRASILEIRO E FICA MUITO DIFÍCIL MESMO AI NINGUÉM SEGURA LAMENTO!!!!!!!

    Thumb up 0 Thumb down 1

  • Ricardo

    Errata:

    Justamente por não aceitar….

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Ricardo

    É realmente lamentável um episódio desses, na verdade, não é de hoje que isso acontece, muitas informações de bastidores são manipuladas e raramente divulgadas em prol a ganância de lucros maiores e exposição na mídia, afinal temos que concordar o projeto é FANTÁSTICO.

    Trabalhei em três (03) edições “2011, 2012 e 2013″ como coordenador (assessorando operacionalmente a diretoria) e particularmente presenciei além de registrar inúmeras ocorrências, como falta de planejamento, de informação, problemas sistêmicos, centenas de bicicletas desalinhadas, pneu muxo, breques travados e desregulados, bicicletas tortas, equipe de profissionais despreparadas, fornecedores malandros e mau treinados, entre outros inúmeros problemas que antecedeu a realização desse evento de tamanha grandeza, além de presenciar também atitudes DESPRENDÍVEIS do cidadão brasileiro (por incrível que pareça senhoras, mulheres e homens mais velhos) querendo levar vantagem, tentando furtar bicicletas sem estar cadastrado ou com o registro, entre outras pequenas ocorrências. Em duas (02) edições promovi relatórios de quase 04 páginas no intuito de alertar os erros e corrigi-los, monitorar melhor a operação e promover um evento equilibrado, perfeito, propondo-se realmente a oferecer a excelência dos serviços prestados aos seus clientes e parceiros……..e sem nunca ter sido houvido pela diretoria, eu infelizmente já tinha previsto o desfecho e alertado sobre o fracasso eminente.

    Fico triste pelo ocorrido, mas ciente de que fiz o melhor pelo evento e pelo projeto, afinal sou apaixonado por bicicleta!!
    Justamente por aceitar é que resolvi deixar de participar da organização.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • gostaria de participar em 2015 se tiver aqui no brasil , por favor nós informe .

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Daniel

    Triste e lamentável registro de um evento absurdamente mal organizado!

    Ano que vem: Boicotem, vamos andar em Sampa por meio de um passeio democrático, gratuito! Acho que este presente site (vadebike.org) é o meio ideal para agilizarmos isso! Demorou!

    Vamos parar de dar lucro para empresários que só querem ganhar e nada dar em troca! Além disso o WBT é um evento que promove muito mais a exclusão ciclística do da inclusão ciclística, vide valores de inscrição e demais absurdos (compra-se uma bicicleta para poder passear na cidade). Detalhe: ela não funciona, e põe em risco o ciclista.

    #naoaowbt2015

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • bruno miranda

    Off-topic: Já foi dito isso aqui antes mas acho que vale à pena repetir, o blog tem alguma função de atualização automática que já me fez perder comentários e ter que carregar esse vídeo novamente quando eu já tava na metade.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • rosemeire ramos ponzeto

    Tenho curiosidade em saber que horas o Luciano chegou, já que alega ter chegado cedo e que os atrasados causaram a muvuca. Minhas filhas chegar antes das 7h30 de manhá e náo conseguiram pegar a bicicleta e nem táo pouco participar. Talvez o Luciano estivesse com a pulseira dos privilegiados, haja vista que seguraram as pessoas que estavam com pulseira azul e deixavam os outros entrarem.

    Para mim foi uma bagumça, uma vergonha e eu tenho como lembrança apenas o prejuizo que espero recuperar na justiça.

    Thumb up 1 Thumb down 1

    • rosemeire ramos ponzeto

      Tenho curiosidade em saber que horas o Luciano chegou, já que alega ter chegado cedo e que os atrasados causaram a muvuca. Minhas filhas chegaram antes das 7h30 da manhá e náo conseguiram pegar a bicicleta e nem táo pouco participar. Talvez o Luciano estivesse com a pulseira dos privilegiados, haja vista que seguraram as pessoas que estavam com pulseira azul e deixavam os outros entrarem.

      Para mim foi uma bagunça, uma vergonha e eu tenho como lembrança apenas o prejuizo que espero recuperar na justiça.

      Thumb up 0 Thumb down 0

  • Estava bastante desorganizado , mas para quem chegou cedo como eu cheguei, peguei minha Bike de boa sem muita bagunça, tinha problema sim nas bikes quando eu peguei a roda da frente estava travada mas era por causa do freio desregulado e o aro fora de centro, mas como sou prevenido levei chaves regulei o freio o outros ajustes estavam bons , enchi mais os pneus com uma bomba que pedi emprestado sem maiores problemas . O que decepcionou foi não ter conseguido chegar no local de largada a tempo, devido a muvuca que se formou por causa das pessoas que chegarão em cima da hora e teve problemas para retirar a Bike e como sempre a falta de educação das pessoas que reclamaram até com certa verdade mas a falta de educação e maior. Tirando isso foi muito bom Pedalar nos locais que passei por la. Muito bonito mesmo, a maioria das pessoas felizes por está lá. e pra quem não foi criticar, ver pelas reportagens noticias que foi ruim ou bom e querer dizer ainda bem que não fui e besteira. Não da para agradar a todos. Minha bike está aqui a lembrança e fotos do meu 1° de possíveis próximos WBT.

    Thumb up 0 Thumb down 0

    • rosemeire ramos ponzeto

      Tenho curiosidade em saber que horas o Luciano chegou, já que alega ter chegado cedo e que os atrasados causaram a muvuca. Minhas filhas chegaram antes das 7h30 da manhá e náo conseguiram pegar a bicicleta e nem táo pouco participar. Talvez o Luciano estivesse com a pulseira dos privilegiados, haja vista que seguraram as pessoas que estavam com pulseira azul e deixavam os outros entrarem.

      Para mim foi uma bagunça, uma vergonha e eu tenho como lembrança apenas o prejuizo que espero recuperar na justiça.

      Thumb up 0 Thumb down 0

  • Marcio

    Um bando de gente que nunca andou de bike, quer participar de um evento como este, quer andar de bike compre a sua em loja pedale a semana e final de semana exija do estado ciclofaixas e ciclovias permanentes, não precisamos destes eventos sem responsabilidade, com interesse de nos enganar, e mudar o foco, pois o ciclista esta esquecido não tem força e nem união, brasil é cada um por si por isto esta pagando por seu desinteresse, denovo brasil que vergonha e a culpa é sempre nossa.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • CONDE TERRANOVA

    To de saco cheio de ouvi sobre vandalismo, tudo hoje em dia é vandalismo, vandalismo… Aff!!

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • Nossa que dor de cabeça, isso é o que chamado de pagar pra se f!

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Rafael

    Se tivesse ficado até umas 10 horas teria filmado um monte de gente saindo sem a roda da frente, outros saindo com 1 ou 2 rodas a mais. Foi uma bagunça total, para fazer um evento desse jeito era melhor ter cancelado.

    Thumb up 3 Thumb down 0

  • Alexandre

    A organização está dizendo que houve vandalismo. O fato é que não vi ninguém quebrando nenhuma bicicleta ou agindo com raiva. Pela situação caótica, até que as pessoas se portaram com calma. Vandalismo foi por parte da organização que, no mínimo, deveria entregar bicicletas reguladas e adequadas para o uso.

    Comentário bem votado! Thumb up 5 Thumb down 1

  • Sama

    É minha opinião e apenas um devaneio:

    Acho q além do prejuízo material que muitas pessoas tiveram, tem o prejuízo simbólico do evento p/ ciclismo urbano, se posso assim dizer.

    Esse tipo de evento ajuda muito a atrair as pessoas p/ prática do ciclismo, seja como esporte ou meio de transporte, ajuda a gerar consciência nos motoristas a respeitar mais os ciclistas porque coloca muito motorista na nossa pele por alguns momentos, e coloca a bicicleta em evidência.

    Quando um evento desse não é bem sucedido, as pessoas se sentem desmotivadas e frustradas e desistem, deixam de atrair muita gente “p/ nosso lado”. Deixam de gerar uma consciência positiva sobre a bicicleta em SP.

    Isso é muito ruim até mesmo p/ quem já pedala em SP e não dá a mínima/ não precisa desse tipo de evento, pq precisamos da consciência da pessoas p/ nos respeitar mais.

    Eu sei q tem muita gente q acredita que esse tipo de evento é uma grande besteira, e q quem quiser, se vira, compra uma bike e começar a pedalar, mas a coisa não é tão simples p/ todo mundo e esse tipo de pensamento mais afasta as pessoas do ciclismo que as atrai.

    Acho uma pena mesmo o descaso da organização, a responsabilidade deles vai muito além de bicicletas quebradas, eles estão indiretamente nos prejudicando tb.

    Comentário bem votado! Thumb up 6 Thumb down 1

  • Valdemir

    Ainda bem que eu faço todo final de semana o meu Bike Tour São Paulo 2014 particular, e com a minha bike que está sempre reguladinha e turbinada, kkkkkkkk.

    Tudo que gera bagunça e falta de organização somado a falta de educação das pessoas só pode dar nisso !

    Tô fora ! Prefiro ficar no meu Tour particular mesmo! KKKKK

    Comentário bem votado! Thumb up 11 Thumb down 1

  • Elisa

    Ano passado eu tentei muito ser sorteada e não consegui! Fiquei decepcionada, mas depois de ler os relatos de quem foi, até achei um alivio. Este ano eu consegui finalmente ser sorteada e simplesmente não tive a mínima vontade de ir! Nem paguei o boleto. E ainda bem, não quero pagar por uma bike meia boca e depois passar por todo esse transtorno.

    Ano passado a Globo estava como parceira e não divulgaram nenhum problema, pareceu tudo simples e lindo! Neste ano já foi bem diferente. Acho que nada mudou, talvez pela alteração na data tenha ficado bem pior, mas os problemas sempre foram os mesmos.

    Falta um mínimo de profissionalismo para organizar um evento desse porte! Tem que ter apoio da Prefeitura em todos os momentos, tem que contratar (muita) mão de obra para orientar e atender as pessoas, tem que ter um mínimo de estrutura para acomodar 8.000 pessoas + 8.000 bicicletas, gradil e separação de grupos, além de uma baita organização! Gente, não pode ser assim! Os caras vem de fora e acham que é só chegar com uma boa ideia pra dar certo?

    Ainda bem que não caí nessa!

    Comentário bem votado! Thumb up 7 Thumb down 0

  • Tive no primeiro WBT, no Rio, 2011, as reclamações eram as mesmas, várias bicicletas quebradas, gente disputando à tapa, filas enormes na entrega. Mas a mídia comprou a idéia e a cobertura deu num lindo passeio à beira-mar….Curioso que o DN tenha colocado a culpa em vândalos, e no Rio foi o quê então ? nem havia tido essa onda de protestos, acho que o portuga quis pegar uma carona nesse linchamento midiático dos insatisfeitos. Valeu, William, nos vemos em RP !

    Comentário bem votado! Thumb up 6 Thumb down 0

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>