Ciclovia da Radial Leste chegará finalmente ao Centro de São Paulo

Ciclovia da Radial Leste será ligada à estrutura cicloviária do Centro. Foto: Felipe Aragonez

Ciclovia da Radial Leste será ligada à estrutura cicloviária do Centro. Foto: Felipe Aragonez

A ciclovia Caminho Verde, mais conhecida como “ciclovia da Radial”, na Zona Leste de São Paulo, deve finalmente ser estendida até o centro. O anúncio foi feito essa semana pelo secretário de Transportes do município, Jilmar Tatto, e divulgado pelo Estadão.

De acordo com o jornal, uma nova ciclovia será construída ligando o Parque Dom Pedro à estação Tatuapé, onde hoje começa/termina a ciclovia da Radial Leste. Com isso, será criada uma ligação direta e segura para circulação de ciclistas que irá desde Itaquera até o centro. E com a futura ligação da estrutura cicloviária do Jardim Helena com a ciclovia da Radial, teremos um grande eixo de circulação ligando o centro da cidade ao extremo leste paulistano.

Ainda segundo o Estadão, o novo trecho terá entre seis e oito quilômetros de extensão e se conectará com as ciclovias já criadas no centro pela Rua Tabatinguera, que sai na Praça João Mendes, com possibilidade de conexão com outras áreas, como a 25 de Março.

Não há mais detalhes e nem prazo de início, pois o projeto ainda será elaborado. O assunto deverá ser tratado nos próximos dias com o Metrô, para liberação de área para construção dessa ciclovia. “Estava faltando isso [conectar a ciclovia ao centro]“, afirmou Tatto ao jornal. “Agora estamos encontrando uma solução, com a ajuda do Metrô.” A obra deverá ser integrada ao corredor de ônibus da Radial Leste (BRT), que já começou a ser construído no Parque Dom Pedro, já que todos os novos corredores terão ciclovia - intenção que já foi reafirmada pela prefeitura diversas vezes nos últimos meses.

Hoje, ao chegar no Tatuapé, parte dos ciclistas continua pela Radial, enquanto outra parte cruza a linha do trem em busca de um pouco mais de segurança, aumentando bastante seu trajeto. A falta da estrutura expõe a vida dessas pessoas ao trânsito bastante agressivo da região. Já estava mais do que na hora.

Demanda e promessas antigas

Ciclistas pedem que a ciclovia chegue no centro praticamente desde sua inauguração, em 2008. No início de 2012, a gestão Kassab chegou a prometer a expansão da ciclovia, citando até o custo de R$ 8 milhões para sua construção. A ideia é que ficasse pronta até 2014, junto com as obras do Itaquerão, mas a obra não chegou a ser iniciada.

Na mesma época, membros do coletivo CicloLiga se reuniram com o então presidente do Metrô de São Paulo, Sérgio Avelleda, e com o diretor de operações da companhia, Mário Fioratti, em reunião solicitada próprio Avelleda para esclarecer detalhes da recente liberação das escadas rolantes, discutir questões relacionadas à intermodalidade e estreitar a relação entre o Metrô e os ciclistas. No encontro, o presidente da companhia falou sobre a expansão da ciclovia até o centro, como você pode acompanhar no vídeo abaixo (a partir de 4:36). Mas, um ano depois, Avelleda deixou o cargo, sem que a obra tivesse sido iniciada.

 


15 comentários para Ciclovia da Radial Leste chegará finalmente ao Centro de São Paulo

  • ALEKSANDRO

    Seria muito bom se a CPTM e o governo do estado investi-se na ciclovia paralela aos trilhos dos trens, pois nesses espaços o terreno tem bastante largura entre as paredes, e possuem vários trilhos que acredito nem sejão usados. Era só fazer uma pista dentro dos muros, colocar grade para as pessoas não invadirem os trilhos e fazer desvios por fora das estações. Os terrenos já são planos, e imagina quantos Km’s de ciclivias podem ser criados em trajetos que já são de uso dos trabalhadores. Como o metro e os trens são obras do poder do estado, ele possui grande potencial de se mostrar inovador e proporcionar essa ligação entre municipios.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Edir

    Na questão dos horários permitidos no Metrô e CPTM, seria uma ideia muito maluca manter o primeiro vagão disponível em tempo integral para uso preferencial incluindo entrada das bikes? Eu penso da seguinte maneira, o primeiro vagão teria uma redução de 1/4 dos bancos, abrindo espaço para bikes e cadeiras de rodas — ou bancos retráteis como tem nos ônibus –, nos demais bancos, metade deles seria preferencial e o restante livre. Este primeiro vagão seria como incentivo a uma cultura da boa vizinhança, um modo de educar as pessoas a compartilhar o uso. A curto prazo seria necessário fiscalização durante todo o dia, mas a longo prazo será que as pessoas não passariam a entender a função do primeiro vagão e fariam uso apenas quando necessário a elas, ficando a fiscalização apenas durante os horários de pico?

    Thumb up 3 Thumb down 0

    • Fabio

      A ideia é boa, porém hoje na atual situação do metrô, ainda me parece impraticável, talvez em alguns anos com o aumento da demanda de ciclistas, será mais viável um negócio desses.

      Thumb up 0 Thumb down 0

    • Fabio

      Outra questão é que em horário de pico o primeiro vagão é reservado para idosos, gestantes, deficientes e etc. e não há como tirar o “privilégio” dessas pessoas.

      Thumb up 0 Thumb down 0

    • Renato

      Não há como liberar o primeiro ou qualquer outro vagão do metrô durante a semana nos horarios de pico porque o metrô fica superlotado nesses horarios e já é dificil o embarque de usuários sem bike, imagina com?

      Não vejo liberação de bike em horário de pico em nenhuma grande rede metroviária no mundo, considerando os 10 metrôs com maior demanda, dentre elas o de SP.

      Thumb up 1 Thumb down 0

  • nardel gonçalves silva

    logo que termina a ciclovia no tatuape a calaçada se estreita,para transpor este detalhe,vem a solução que ja deu certo e e muito eficiente,falo de ciclopassarela que levaria a um outo ponto de menos confluencia de veiculos,isto e do outro lado da linha,pois bem o caminho seria este rua engenheiro belem , atravessa o viaduto novo e segue ate a rua toledo barbosa paralela a radial leste ja no bairro do belem,proximo ao metro va em frente por um bom trecho e entre a direita na rua são leopoldo segue em frente e entre a esuerda na rua vinte um de abril depois a dirita na rua do hipodromo em frente novamente rangel pestana esquerda viaduto com equipamento cicloviario instalado segue nofinal centro de são paulo,este percurso e o que menos impacta a radial e da mais alternativa aos ciclista ja que passara por zonas estrategicas do comercio local,se esta for a melhor proposta espero ter ajudado,moro na regiaõ e sei como e estar neste trecho da radial em horario de pico,

    Thumb up 3 Thumb down 1

  • Manoel Mota

    Prezados, não vejo a hora deste dia chegar. Moro no bairro da Penha, pego o metrô todos os dias para o meu escritório na Liberdade, tenho automovel mais não utilizo para ir ao trabalho. Assim que a ciclovia chegar ao centro, vou pagar minha bike e vou trabalhar todos os dias.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • JOSE AUGUSTO

    Nossa! que noticia maravilhosa!! agora posso ir para o centro de bike. Tem todo meu apoio.

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • [...] excludentes tanto para pedestres quanto para ciclistas. Portanto fazer ciclovias em 12 pontes, ligar a radial leste ao centro através de ciclovias é mais do que uma mudança na via. É uma mudança social, cultural. É [...]

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • Ariádna

    Seria legal também se está extensão fosse conectada com a Av. Aricanduva !!!

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • Zé Eduardo Torres

    CLAP CLAP CLAP como morador da Penha e ciclista , aplaudo de pé!!! Milhares de pessoas vão poder ir pro trabalho de bike! Viva!

    Comentário bem votado! Thumb up 8 Thumb down 0

  • Fernando

    Uma vez tentei voltar da casa do meu pai, no Carrão, até a minha, no Butantan e a volta foi muito grande. Confesso que fiquei com medo de continuar na Radial depois do Tatuapé e seguindo conselhos de ciclistas locais, uma vez que era sábado, segui pela Rangel Pestana (tendo que fugir pra calçada quando os onibus passavam) e depois segui por várias ruas pela contra mão, até chegar na Armenia e dai segui pela Tiradentes até o Centro, depois Consolação, Rebouças…. Essa notícia é simplesmente fantástica. Vou poder ir e voltar à casa do Velho sem essa preocupação. Parabéna ao Prefeito, ao secretário, a você William pela luta, e a todos nós ciclistas.

    Comentário bem votado! Thumb up 6 Thumb down 0

  • Valdemir

    Isso sim é uma ótima noticia ! Tomara que comecem o mais rápido possivel ! Uhuuu ! A Ciclovia da Radial que uso de vez em quando merecia esta extensão a anos, finalmente a coisa vai andar !

    Comentário bem votado! Thumb up 5 Thumb down 0

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>