Com muitas brincadeiras e oficinas, Pedala Zezinho 2015 acontece no próximo sábado

Apoie nosso trabalho,
doe um libre!
Foto: Aromeiazero

Edição de 2012 do Pedala Zezinho. Foto: Aromeiazero

No próximo sábado (31), às 10h, será realizada a quarta edição do Pedala Zezinho, evento que promove a cultura da bicicleta entre crianças e jovens. O festival é realizado pela Casa do Zezinho e pelo Instituto Aromeiazero desde 2011 no Capão Redondo, zona sul de São Paulo, com a proposta de apresentar todas as possibilidades que a bicicleta oferece, desde transporte e esporte até profissional.

Voluntários da bike, da Casa do Zezinho e funcionários da Shimano, empresa que apoia o evento desde o início, vão realizar uma oficina mecânica comunitária de bicicleta com conserto e orientação de crianças e jovens sobre como fazer pequenos reparos. Também estão previstos jogos de bike polo, aulas de bike trial (esporte cujo objetivo é ultrapassar obstáculos, tanto naturais quanto artificiais), e registros da Instabike. “O evento vai bombar e vamos dar continuidade ao que temos feito desde 2011”, diz Murilo Casagrande Modolo, diretor do Instituto Aromeiazero.

O evento de 2015 será o início de uma nova fase do projeto. A partir de março será iniciado um semestre de formação de jovens sobre educação e cidadania no trânsito. Serão 10 encontros de quatro horas cada para 20 jovens, totalizando 40 horas de aulas práticas e debates.

Imagem: Aromeiazero

Imagem: Aromeiazero

Também haverá aulas de mecânica básica em bicicletas que foram doadas ao Pedala Zezinho e que ao final das oficinas serão dadas para os alunos. Estão previstas oficinas sobre pedalar com segurança, legislação de trânsito, uso de equipamentos de segurança, empreendedorismo com empresas de ciclistas entregadores, bike trial e bike polo, além de passeios de bicicleta e uma visita a uma pista de BMX.

A comunidade ainda poderá participar do Cinema de Bicicleta, atividade que exibe um filme seguido de debate com convidados, uma pedalada no Parque Villa-Lobos e outra oficina comunitária a ser realizada em julho e que celebrará a formação de novos ciclistas no Capão Redondo.

Todas as atividades serão gratuitas graças à participação vencedora em um edital da Alstom na França. “Eles abrem para os funcionários mandarem sugestões de projetos sociais e meu irmão indicou para um amigo que pirou no projeto e apadrinhou”, explica Modolo.

O Pedala Zezinho precisa de voluntários. Caso queira participar, entre em contato com o projeto por sua página no Facebook. Um bonde vai sair do Largo da Batata no sábado às 8h. O pedal dura em torno de uma hora. A volta será de metrô, pois é possível embarcar com a bicicleta.

Quando e onde
Dia 31/01/2015, das 10h às 14h na Casa do Zezinho
Rua Anália Dolácio Albino, 30 – Capão Redondo, São Paulo

Gostou da matéria? Doe um libre
e ajude nosso projeto a continuar!

4 comentários para Com muitas brincadeiras e oficinas, Pedala Zezinho 2015 acontece no próximo sábado

  • Geraldo

    Prezado William,
    Leio diariamente o vá de bike.Me interesso pelo assunto e vocês têm um trabalho muito bom. Mas vejo que o foco é só São Paulo. Exemplo disso é a notícia do “Pedala Zezinho”, e explico. Para saber que o evento é em SP é preciso abrir a notícia e chegar à 3ª linha. Penso que se vocês têm uma visão de mundo e querem alcançar mais interessados, as notícias devem indicar já na chamada a que local se refere. Sou carioca, mas moro em Minas e percebo que paulistas e cariocas, como regra, não entendem isso. Não se tocam que essa prática revela respeito ao resto dos brasileiros. É como nas transmissões de TV no futebol. A Globo já começou a sacar isso, embora ainda seja um pouco bairrista. Avançou, talvez mais preocupada com audiência. Mas eu pergunto se não seria o caso de pensar nos outros, ainda que só para ganhar a audiência, como faz a Globo. Pensar grande para conquistar mais seguidores envolve essa avaliação de desfocar SP, a não ser que seja mesmo o alvo do VdB só SP. Um abraço e parabéns pelo trabalho.

    Thumb up 0 Thumb down 0

    • Willian Cruz

      Oi, Geraldo. Obrigado pela crítica positiva. Como a maioria de nossos jornalistas fica em São Paulo, as notícias daqui acabam naturalmente surgindo com mais facilidade, principalmente com todas as mudanças que têm acontecido nos últimos 8 meses. Tentamos de forma crescente falar sobre outras localidades, tanto que temos dois jornalistas do Rio e uma de Porto Alegre na nossa equipe, além de recebermos sugestões de pauta de leitores em todo o país.

      Mas você tem toda razão em reclamar que o título não explicava ser em São Paulo o evento. É um cuidado que tentamos sempre tomar, mas que dessa vez nos escapou. Perdoe a falha. 😉

      Thumb up 0 Thumb down 0

  • edilene

    Gostaria de saber como faco pra ser voluntaria

    Thumb up 2 Thumb down 0

Enviar resposta

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>