Foto: Silvia Ballan

Veja em vídeo como foi a Pedalada Pelada 2015 em São Paulo

Saiba o que pensam os participantes e como foi a manifestação em que ciclistas protestam nus por mais respeito e segurança nas ruas.

Mesmo com a chuva que caiu no sábado, 14 de março, cerca de 400 pessoas estiveram na 8ª edição da Pedalada Pelada paulistana, segundo os participantes.

Nus e seminus, com mensagens pintadas em seus corpos, os participantes saíram da Praça do Ciclista e circularam pela Av. Paulista, Vila Madalena, Jardins e região.

Veja fotos da Pedalada Pelada 2015
no Rio de Janeiro e em São Paulo

Mas por que sem roupa?

A nudez representa a fragilidade do ciclista em meio à agressividade do trânsito. Também é uma forma de chamar atenção para a invisibilidade dos ciclistas nas ruas, que só passam a ser notados por muitos motoristas, por parte da imprensa e especialmente pelo poder público ao pedalar sem roupa.

Tirar a roupa pra protestar não é novidade e nem faz parte só do universo das bicicletas. Veja neste link alguns protestos feitos pelo Brasil e pelo mundo usando o corpo como arma política e forma de expressão: Uso do corpo nu em protestos é uma forma de comunicar, diz especialista

Veja como foi a Pedalada Pelada de 2014
em Florianópolis e em São Paulo

Vídeos de anos anteriores (no final da matéria)

Outras galerias de fotos

Edição 2014 (São Paulo)

Edição 2014 (Florianópolis)

Edição 2013 (São Paulo)

Edição 2012 (São Paulo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *