Londres planeja construir superciclovias para aumentar o uso da bicicleta

Super ciclovias vão cruzar Londres de norte a sul e de leste a oeste, conectando a periferia ao centro da cidade. Imagem: Divulgação/Transport for London

Superciclovias vão cruzar Londres de norte a sul e de leste a oeste, conectando a periferia ao centro da cidade. Imagem: Divulgação/Transport for London

O prefeito de Londres, Boris Johnson, é ciclista e é visto frequentemente pedalando de sua casa para o trabalho. Isso faz com que ele tenha uma visão diferenciada do deslocamento em bicicleta, por vivenciá-lo na prática e entendê-lo “de dentro para fora”. Não à toa, Johnson tem investido na construção de ciclovias e na melhoria da infraestrutura para bicicletas na cidade ao longo de seu mandato.

A prefeitura estima que em 2031 a população da capital inglesa vai aumentar de quase dois milhões para 10 milhões de pessoas. Isto significa um aumento de 5 milhões de viagens extras por dia até 2030, além dos 26 milhões que já ocorrem diariamente. Para dar conta dessa demanda, a cidade está colocando em prática o Plano de Modernização de Ruas, uma série de iniciativas para melhorar o tráfego na cidade e tornar as ruas mais seguras e verdes. Serão investidos £ 1,8 bilhão em um período de 10 anos, sendo £ 913 milhões em obras pró-bike.

Segundo Andrew Gilligan, comissário ciclístico da Transport for London (TFL), 24% dos veículos na hora do rush da manhã, no centro de Londres, já são bicicletas. “No verão, as bicicletas chegam a ser dois terços dos veículos nesse período.” Bairros fora do centro de Londres também são vistos com grande potencial para se pedalar. Nessas regiões, calcula-se que a maioria das viagens de carro são de no máximo 3 km.

Tendo isso em vista, entre os vários projetos relacionados à mobilidade está a construção de quatro novas superciclovias, bem como melhorias em outras quatro rotas existentes. Estima-se que 4,3 milhões de viagens podem ser feitas de bicicleta e 8% dessas viagens levariam menos de 20 minutos. O plano inclui ainda mudanças em 33 dos cruzamentos mais movimentados de Londres para melhorar as estruturas para ciclistas e pedestres, removendo rotatórias e melhorando os espaços públicos.

Até 2016 ciclistas também terão 80 mil novas vagas de estacionamento espalhadas por regiões residenciais, comerciais, estações, locais de trabalho e pontos de interesse.

Para Johnson, a bicicleta vai se tornar parte integrante da rede de transportes em Londres. “Deve ser algo normal na vida cotidiana, algo que as pessoas se sentem confortáveis fazendo com roupas comuns.”

Melhorias na infraestrutura podem incentivar mais crianças e idosos a pedalarem nas ruas. Imagem: Divulgação/Transport for London

Melhorias na infraestrutura podem incentivar mais crianças e idosos a pedalarem nas ruas. Imagem: Divulgação/Transport for London

Superciclovias

Duas grandes ciclovias vão cruzar Londres de norte a sul e de leste a oeste, conectando a periferia ao centro da cidade. Esta última terá pouco mais de 24 km e promete ser a maior ciclovia urbana da Europa.

Também serão construídas as superciclovias 5 e Barclays, além do prolongamento da 2.

As superciclovias foram desenvolvidas para serem completamente segregadas, em formato bidirecional e com o mínimo de intersecções possível nos trajetos. Além disso, esses corredores vão integrar a infraestrutura cicloviária existente em ruas tranquilas ao longo do trajeto.

Os cruzamentos ganharão atenção especial, tornando-se mais seguros e práticos, seguindo o padrão holandês. As novas rotas de bicicleta são parte da visão do prefeito de uma ‘aldeia na cidade’, criando corredores verdes, com mais árvores, mais espaço para pedestres e menos tráfego. As obras têm previsão de início agora em abril.

Com as melhorias, representantes da Transport for London esperam um aumento no número de ciclistas idosos, mulheres e crianças.


4 comentários para Londres planeja construir superciclovias para aumentar o uso da bicicleta

  • Alexsandro

    Opa, só citando novamente: no texto a frase está errada. Não vai “aumentar de quase 2 milhões”. Ela vai “aumentar em quase dois milhões”.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Arnoud Arnoud Rodrigues

    “população da capital inglesa vai aumentar de quase dois milhões para 10 milhões de pessoas” e “Serão investidos £ 1,8 bilhão em um período de 10 anos,” Cara, estes números não estão exagerados? Se forem verdadeiros a cidade vai quintuplicar em 15 anos!

    Thumb up 1 Thumb down 1

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>