Foto: Willian Cruz/VdB

Como a Portaria 122 quase proibiu de vez a bicicleta nas estradas paulistas

Saiba de onde veio a regulamentação, como tentamos evitar que saísse assim e o que aconteceria se ela não tivesse sido revogada

Um assunto repercutiu em vários canais e perfis de ciclismo essa semana, deixando muitos ciclistas preocupados aqui no estado de São Paulo. Foi a chamada Portaria 122, uma regulamentação do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) que substituía a antiga Portaria 33 e poderia ter como consequência até uma total proibição do direito de usar as estradas em bicicleta.

As novas regras tinham potencial para afetar não só quem pratica ciclismo esportivo, mas também os adeptos do cicloturismo até mesmo quem quisesse simplesmente viajar de uma cidade a outra, fosse em grupos ou até mesmo sozinho.

Mobilização nas redes trouxe revogação

Após grande repercussão negativa, gerada pela indignação dos ciclistas nas redes sociais. o governo do estado decidiu revogar a Portaria. No último sábado, 30 de outubro, foi publicada uma nova Portaria no Diário Oficial, que apenas cancela a anterior sem estabelecer novas regras.

Mas não respire fundo ainda: esse recuo do governo estadual é apenas temporário. Uma nova Portaria será elaborada muito em breve, podendo ser tão restritiva quanto a 122. Temos que nos manter atentos.

No vídeo abaixo contamos de onde veio a regulamentação, como os ciclistas membros do Ciclocomitê Paulista tentaram evitar que o texto saísse assim e o que aconteceria ao ciclismo e ao uso da bicicleta em geral se ela não tivesse sido revogada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *