Expresso Tiradentes contará com bicicletários

Apoie nosso trabalho,
doe um libre!

O Expresso Tiradentes (nova versão do malfadado “Fura-Fila”) é um projeto de corredor expresso de ônibus, que em determinado trecho corre por via elevada. Estão previstos 32km de extensão, ligando o centro à Cidade Tiradentes. O sistema já está em fase de testes e a promessa é de entrar em operação em janeiro próximo.

O projeto do Expresso Tiradentes prevê bicicletários em 16 terminais ao longo do trajeto. Eles são definidos no Relatório de Impacto Ambiental do projeto como “espaços para estacionamento de bicicletas com dispositivos de guarda e segurança”. Esse documento não explica como serão os tais dispositivos, mas nem é necessário muito equipamento: uma solução simples como essa resolveria o problema.

Além do “sistema de segurança na guarda de bicicletas”, citado novamente em outro ponto do texto, também são citadas “ciclo-rotas de acesso”. Pelo que essa apresentação mostra na página 70, no entorno e no interior dos terminais haverá ciclofaixas e trechos de trânsito compartilhado com os automóveis (possivelmente com alguma sinalização vertical e/ou horizontal). A idéia parece ser guiar o fluxo de bicicletas de forma segura, tanto para ciclistas quanto para pedestres.

Ciclovia do Expresso Tiradentes
O tracejado em verde seria uma ciclovia

Há também a previsão de uma ciclovia na região do trecho da Av. Sapopemba. Infelizmente os documentos consultados não dão maiores detalhes – o máximo que encontrei foi o esquema ao lado, que está na página 69 da mesma apresentação.

E vejam que trecho interessante, no Relatório de Impacto Ambiental: “Em relação à melhoria da qualidade do ar na cidade de São Paulo, o empreendimento insere-se no esforço desenvolvido pela SPTrans na busca de alternativas mais limpas e de transporte sustentável. Ao lado de incluir em suas instalações facilidades que estimulam o uso de bicicletas, a escolha da frota (…)”. Esse texto mostra que a SPTrans entende a bicicleta como uma alternativa de transporte limpa e sustentável, que deve ser incentivada e contemplada nos projetos de transporte coletivo. Um grande passo!

O Relatório de Impacto Ambiental do Expresso Tiradentes é um documento muito rico em informações, onde podem ser encontrados, além dos esperados estudos sobre emissões de gases, poluição sonora, etc., desenhos do trajeto feitos sobre fotos de satélite, especificações técnicas das vias, desenhos esquemáticos em geral e muita informação. Vale a pena dar uma espiada.

Gostou da matéria? Doe um libre
e ajude nosso projeto a continuar!

2 comentários para Expresso Tiradentes contará com bicicletários

Enviar resposta

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>