Praça do Ciclista é a praça da cidadania

Apoie nosso trabalho,
doe um libre!


A Praça do Ciclista, em São Paulo, é local de encontro de ciclistas há muitos anos. Desde antes de ser chamada assim. Aliás, é por isso mesmo que ela ganhou esse nome.
Mas isso todo mundo já sabe.

Além de local de encontro, a Praça do Ciclista é ponto de partida da Bicicletada mensal, do passeio das Pedalinas, das homenagens a Márcia Prado, da World Naked Bike Ride São Paulo (Pedalada Pelada), da Bicicletada do Dia Mundial Sem Carro, de manifestações e ações esporádicas como a homenagem a Renata Falzoni e o Café da Manhã para Ciclistas, promovido pela Ciclocidade no último dia Mundial Sem Carro, e até de cicloviagens em grupo. E mais alguma coisa que eu devo ter esquecido.

Ufa! Mas isso todo mundo (ou quase) já sabe.

A novidade é que a recorrência do uso da Praça do Ciclista pela Bicicletada e por outras manifestações relacionadas ao cicloativismo tornou-a ponto de referência para outras ações de luta pela cidadania.

Em dezembro, no dia 16, cerca de 180 pessoas saíram da Praça do Ciclista em direção à Prefeitura de São Paulo, no centro da cidade, em manifestação contra o aumento da passagem de ônibus.

Em janeiro, outra manifestação contra o aumento, no dia 17, dessa vez reunindo milhares de pessoas. Saindo da Praça, os manifestantes percorreram toda a extensão da Avenida Paulista.

Para fevereiro, já está sendo divulgada uma marcha contra a homofobia para o dia 19, um sábado, às 15 horas, tendo a Praça do Ciclista como ponto de concentração e de saída (mais informações no link).

Eu acho tudo isso ótimo… Que mais gente se anime a lutar pelos seus direitos, por respeito e por dignidade!

As ruas são de todos. E a Praça do Ciclista também. Sejam bem vindos!

Gostou da matéria? Doe um libre
e ajude nosso projeto a continuar!

5 comentários para Praça do Ciclista é a praça da cidadania

Enviar resposta

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>