Pedalando de Buenos Aires ao Rio, pela mobilidade sustentável

Apoie nosso trabalho,
doe um libre!

Julian Grobe

Nicolas BiciActivistas

Nicolas Dubois

Enquanto estive em Buenos Aires, conheci Nicolas Dubois, um urbanista francês de 25 anos que junto com o arquiteto argentino, Julian Grobe, criaram o Projeto BiciActivistas, no qual pretendem pedalar quase 3000 km entre a Argentina e o Brasil a partir do dia 5 de novembro com data de chegada ao Rio de Janeiro prevista para 31 de dezembro de 2012 – o último dia do ano.

“O nosso objetivo é estudar as estratégias mais eficientes para incentivar o uso do transporte público, da bicicleta e lutar pela proteção dos pedestres, já que todos nós somos, antes de tudo, pedestres!”, explica Nicolas. A iniciativa da El Grand Viaje pretende ser um estudo de caso in loco sobre o desenvolvimento sustentável das mais de 50 cidades por onde passarão, entrevistando moradores, representantes de organizações e prefeituras.

Nicolas e Julian criaram o projeto a partir da vivência e dos conflitos diários sofridos por quem usa o espaço público para se deslocar. Ambos utilizam a bicicleta como meio de transporte e acreditam nela como um instrumento de integração social, de respeito mútuo, que provoca sensibilização e mudanças sócio-culturais.

Ao longo da aventura, os “biciactivistas” vão buscar e divulgar novas idéias e ações mais eficientes e bem sucedidas de mobilidade urbana e desenvolvimento sustentável, para tentar implementar na cidade de Buenos Aires a fim de melhorar a qualidade de vida dos porteños. Algo semelhante ao que a jornalista Natália Garcia vem fazendo no projeto Cidade Para Pessoas, buscando boas práticas pelo mundo para resolver os problemas de São Paulo.

Cidades brasileiras

Das cidades pelas quais os ciclistas predentem passar estão algumas litorâneas, como Florianópolis, Cananéia, Ilha Comprida, Iguape, Peruíbe, Mongaguá, Santos, Ilha Bela, Ubatuba e outras, até chegar a Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro.

Eles também passarão por Curitiba, onde pretendem estudar o sistema local de transporte público, tido como exemplo bem sucedido de mobilidade urbana. Saiba mais detalhes da El Grand Viaje na página do projeto.

Financiamento coletivo

O projeto está sendo financiado por crowndfunding na plataforma idea.me com recompensas que vão desde o DVD, produzido com o conteúdo da viagem, até camisetas e outros mimos.

“Vamos produzir artigos, fotos e vídeos que serão publicados diariamente no nosso site e nas redes sociais. Faremos um curta-metragem mostrando nossa experiência durante essa grande viagem, que será apresentado em Festivais”, concluiu Nicolas.

* O nome “Biciativistas” pode ser entendido como “Cicloativistas” em português.

Para ajudar a tornar realidade esse projeto, qualquer pessoa pode fazer uma doação pelo Idea.me. Afinal, estamos todos na mesma luta.

Gostou da matéria? Doe um libre
e ajude nosso projeto a continuar!

5 comentários para Pedalando de Buenos Aires ao Rio, pela mobilidade sustentável

  • Artigo de Va De Bike (Sao Paolo) Sobre os BiciActivistas! - BiciActivistas | BiciActivistas

    […] http://vadebike.org/2012/10/biciativistas-pedalando-de-buenos-aires-ao-rio-pela-mobilidade-sustentav… […]

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Goura

    Curitiba, continua sendo modelo no imaginário geral!!
    Venham, companheiros, venham ver a realidade.
    Pelo menos agora, nesta eleição, alguma coisa vai mudar pra melhor. Talvez voltemos a ser ‘modelo’ de alguma coisa.
    Mas deveríamos abandonar esta idéia de ‘modelo de transporte coletivo’.
    Curitiba é a cidade mais motorizada do Brasil!!
    Isto é fato!

    Thumb up 3 Thumb down 0

    • Aline Cavalcante

      Legal Goura. Quando visitei Curitiba ano passado, fui esperando encontrar outra coisa tb, essa ideia de “modelo de transporte publico” ainda é vendida, mas descobri como a realidade é outra…
      Os meninos vão ver isso de perto e, quem sabe, fazer as críticas construtivas merecidas
      e os elogios tb
      🙂

      Thumb up 3 Thumb down 0

    • EMERSON RIBEIRO

      Olá Goura.
      Mas o que está acontecendo com Curitiba. Pararam os investimentos para ampliarem aqueles corredores de ônibus (se é que é o ideal), para as ciclovias, enfim, o que acontece por ai ?
      Estive pela cidade há mais de 15 anos e foi muito rápido, não pude explorar muito com a bike, mas para um cidadão que mora dentro de um mar de cana-de-açúcar, rodeado de caminhões e pick-ups e um calor infernal (Ribeirão Preto-SP), achei tudo ótimo. Lembro até de ter me cadastrado no “Clube do Ciclista” com carteirinha e tudo, mas até então, não tive mais oportunidades de visitá-la novamente.
      Que pena que as coisas desandam com esse políticos FDPs … O País só está enriquecendo para os políticos e para os mesmo ricos, onde o dinheiro faz dinheiro.
      Lutemos para que a vida melhore …

      Abs.,

      Emerson Ribeiro
      Ribeirão Preto ´SP

      Thumb up 1 Thumb down 0

  • Lohan Filippo

    Genial! Se der certo, na volta eu pedalo com eles aqui do Rio até Buenos Aires pra ver um jogo na La Bombonera! HAHAHA

    Thumb up 2 Thumb down 0

Enviar resposta

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>