Passeio Cicloturístico Rota Márcia Prado 2012

No mês de dezembro, o Instituto CicloBR promove tradicionalmente a descida oficial da Serra do Mar pela Rota Cicloturística Márcia Prado, em direção ao litoral paulista. Nesse dia, milhares de ciclistas de várias cidades percorrem a Rota, que começa na cidade de São Paulo, passa pela Área de Proteção Ambiental Bororé-Colônia, por São Bernardo do Campo, Parque da Serra do Mar, Cubatão e, finalmente, Santos. E alguns ainda esticam até outras cidades!

A descida desse ano está sendo organizada pelo CicloBR para o dia 9 de dezembro, domingo.

Mais informações
Use nossa lista do que levar e não esqueça nada em casa!

Ciclo-oficina Mão na Roda dará apoio mecânico 

Bike Anjos darão apoio aos iniciantes

Dúvidas? Veja as respostas para as perguntas mais frequentes

Mapa da Rota Márcia Prado no Google Maps

Leia também
Saiba quem foi Márcia Prado 

Veja como foi a descida em 2011

Galeria de fotos do evento de 2011

A Rota Márcia Prado é uma sugestão de rota cicloturística feita pelo Instituto CicloBR, para que as autoridades criem um meio atraente e seguro para o ciclista chegar ao litoral paulista. O percurso é inspirado no trajeto da última viagem que a ciclista Márcia Prado realizou em vida.

O caminho é MUITO bonito, principalmente se você o fizer por inteiro, passando pela Ilha do Bororé. Há até duas passagens de balsa pela represa. É um passeio que vale muito a pena e vai ficar na sua memória para sempre.

Inscrições

Todos os anos, era necessário preencher um termo de responsabilidade na entrada do Parque da Serra do Mar (no início da Estrada de Manutenção), o que acabava por consumir tempo e causar filas em alguns momentos. Por isso, neste ano o Instituto CicloBR disponibilizou uma inscrição online para agilizar esse processo.

Ainda será possível participar sem ter feito a inscrição prévia, porém será necessário preencher o termo de responsabilidade na entrada do Parque. Para não perder tempo ali na entrada, recomendamos a todos que se antecipem fazendo a inscrição online. A participação é gratuita e a inscrição tem o objetivo apenas de organizar melhor o evento.

ATENÇÃO: INSCRIÇÕES PELO SITE ENCERRADAS!

Mas calma, isso não significa que você não possa participar! :D Apenas terá que fazer o cadastro e assinar o termo de responsabilidade no início da Estrada de Manutenção, para poder ter acesso ao Parque Estadual da Serra do Mar, em vez de poder antecipar online… :p

Participe!

Prepare sua bicicleta – com atenção especial aos freios – e participe do Passeio Cicloturístico da Rota Márcia Prado. É uma viagem que você não vai esquecer.

Este ano é esperada uma massa de mais de seis mil ciclistas. Junte-se a nós e vamos mostrar o quanto queremos essa rota estabelecida em definitivo e nos permitindo acessar o litoral com nossas bicicletas. Faça parte desta luta, para que possamos comemorar juntos quando a rota for aberta oficialmente!

Nos vemos pelo caminho!

 

O trajeto

A Rota Cicloturística Márcia Prado tem início oficialmente na estação Grajaú da CPTM. Aos domingos, o embarque de bicicletas é permitidos nos trens da CPTM e do Metrô durante todo o horário de funcionamento, permitindo poupar o esforço do caminho até o Grajaú.

Outro ponto de partida é a Ciclovia da Marginal Pinheiros, junto à estação Vila Olímpia, com uma saída simbólica às 7h da manhã. Você pode aproveitar e sair junto com a grande massa de ciclistas que partirá de lá nesse horário – e recomendo, será bem mais divertido! Os Bike Anjos estarão por lá também, descendo em grupo junto com os iniciantes em cicloturismo – saiba mais aqui.

Se você não quiser ou não conseguir sair com essa massa, não se preocupe: a rota estará toda sinalizada com placas brancas com setas amarelas. Voluntários do Instituto CicloBR estarão pelo caminho ajudando os participantes a se manterem no trajeto previsto.

A única preocupação é chegar até o Parque da Serra do Mar até as 15h: só será permitida a entrada no Parque até esse horário, para não haver risco de precisar pedalar dentro do parque à noite.

Por isso, a sugestão para quem está iniciando no Cicloturismo é sair logo às 7h da manhã, com a turma que sairá da entrada da Ciclovia Rio Pinheiros, para haver tempo suficiente de chegar ao parque com calma e sem forçar muito no pedal, guardando uma margem de segurança para resolver possíveis imprevistos que possam surgir no caminho. Além dos voluntários do CicloBR que estarão no trajeto, outros ciclistas poderão lhe ajudar. Somos todos um.

Na imagem acima, alguns dos mil participantes da primeira edição da RMP, em 2009, no início da Estrada de Manutenção da Imigrantes. Foto de Carlos Alkmin.

 

Há sempre camisetas comemorativas disponíveis para venda na entrada da estrada de manutenção, uma boa lembrança do desafio vencido. A renda é revertida pra o Instituto CicloBR.

Distância e grau de dificuldade

Partindo da estação Vila Olímpia, a rota tem cerca de 100km. Alternativamente, você pode fazê-la a partir da estação Grajaú, diminuindo o percurso para 80km, bastando embarcar com a bicicleta no trem até lá (Linha 9 – Esmeralda). É possível utilizar o Metrô, fazendo baldeação na estação Pinheiros (Linha 4 – Amarela).

Apesar de o litoral ficar “lá embaixo”, o trajeto é longo e há várias subidas, além de trechos de terra (que cansam mais que asfalto). O percurso pode ser considerado de dificuldade média para o cicloturismo.

 

Dicas para os iniciantes no cicloturismo

A rota é indicada para pessoas que já pedalam com certa regularidade e que não tenham nenhum problema físico. Uma boa maneira de saber se você conseguirá fazer o trajeto com tranquilidade é realizar um pedal na cidade de cerca de 40 quilômetros, em um tempo de 3 horas. Se conseguir fazer sem grandes dificuldades, é bem provável que esteja apto a percorrer o trajeto.

Recomendamos começar o passeio bem cedo, para fazer o trajeto com tranquilidade e tempo suficiente para chegar à entrada do parque, de forma que possam receber apoio tanto dos demais ciclistas como dos voluntários do CicloBR ao longo do trajeto, caso tenham algum problema.

Este ano haverá novamente o apoio do Fernando Bikes, que terá uma tenda de oficina mecânica para as quem estiver com algum problema na bicicleta. Ele estará em algum ponto estratégico dentro da APA Bororé – Colônia.

A oficina Mão na Roda também terá um ponto de apoio na Ciclovia Rio Pinheiros. Às 12h, os voluntários descem para passar ajudando quem tiver problemas no caminho. Saiba mais.

Os Bike Anjos descerão auxiliando os iniciantes, saindo às 7h da V. Olímpia e as 8h da estação Grajaú. Saiba mais.

 

Alguns trechos são bem escorregadios. Desça devagar e esteja com os freios em dia!

Como me preparar? O que levar? Como voltar?

Faça desde já uma revisão na sua bicicleta, principalmente nos freios. Se necessário, troque as sapatas/pastilhas por outras, novas e de boa qualidade, pois serão bem exigidas na descida da serra.

Na entrada do Parque da Serra do Mar, voluntários do Instituto CicloBR farão uma avaliação em cada bicicleta, verificando principalmente o sistema de freios; se não estiverem em boas condições, não será permitido que o ciclista acesse o parque, para evitar acidentes.

Leve uma câmara de ar reserva, mesmo que não saiba trocar. Você pode comprá-la em qualquer boa loja de bicicletas. Para evitar contratempos, recomendamos fortemente a instalação de fita anti-furo, disponível também em bicicletarias.

A maior parte do trajeto é de asfalto, mas há cerca de 20 quilômetros em estrada de terra. O ideal é que a bicicleta tenha pneus híbridos, já que o trecho de terra, se não estiver chovendo, pode ser percorrido com pneus de asfalto sem grandes problemas. Pneus totalmente cravados aumentam o arrasto e, consequentemente, o esforço.

Se você pretende passar a noite no litoral e precisa levar roupas, instale um bagageiro na bicicleta e coloque sua bagagem nele. Nas costas, leve no máximo uma mochila de hidratação. Levar muito peso na mochila pode deixar suas costas e ombros doendo.

As empresas de ônibus na rodoviária de Santos estão habituadas a transportar bicicletas e não criam caso com isso. Mas leve elásticos com ganchos (conhecidos como "aranhas") para que a bike não fique pulando dentro do bagageiro ao longo do caminho.

Se pretende voltar no mesmo dia, a sugestão é pegar um ônibus da rodoviária de Santos até o terminal Jabaquara, em São Paulo. Se você vier de fora da cidade, o melhor a fazer é estacionar o carro nas proximidades da estação Jabaquara e de lá seguir pedalando até a estação Vila Olímpia da CPTM. Mas não pedale pela Avenida dos Bandeirantes, use essa rota sugerida para ir até a estação. Por ela, você ainda vai conhecer a ciclofaixa de Moema, pois o trajeto passa por ela.

Se hidrate muito durante a viagem e alimente-se pelo caminho. Se você tiver uma mochila de hidratação, leve-a. Se não tiver, sugiro levar uma garrafa grande de água no bagageiro. Jamais pedale com sede ou com fome: são indicadores de que você passou da hora de se hidratar ou de se alimentar. Coma antes de sentir fome, beba antes de sentir sede.

Leve frutas secas, barras de cereais, géis de carboidrato ou mesmo um lanche, se for possível. Você vai sentir fome no caminho e não haverá onde comprar comida por um longo trecho. Tente levar algo salgado, nem que seja biscoito de polvilho. Se sentir fome, pare e se alimente. Se sentir sede e a água tiver acabado, peça um pouco para alguém. Não pedale com fome ou sede em hipótese alguma, o percurso é longo.

Leve protetor solar, pois você pedalará por horas. Leve também uma capa de chuva, pois é comum haver tempo úmido no topo da serra. Tudo que você levar na mochila deve ser embalado em sacolas plásticas para não molhar em caso de chuva. Leve ferramentas e, muito importante: uma câmara de ar reserva, que você pode comprar em qualquer loja de bicicletas!

Veja mais dicas aqui. Se ainda tiver dúvidas, mande um e-mail para rotamarciaprado@ciclobr.org.br e os voluntários do Instituto irão ajudar a esclarecê-las, ou envie sua pergunta na página do evento no FaceBook - e aproveite para confirmar sua presença, clicando em “participar”! :)

Mais informações na nossa lista de perguntas frequentes!

Nesse túnel, na estrada de manutenção, tem uma bica de água potável. É a terceira, na parede do lado direito. Foi um funcionário da Ecovias, que saía de carro desse túnel, quem nos indicou, na edição 2010. Fica a dica! ;)

Vai dar praia?

Se você descer cedo, consegue ainda curtir a praia. As cidades do litoral tem muitas ciclovias e você pode aproveitar para passar por elas, conhecer um restaurante bacana, tomar uma água de coco, colocar os pezinhos na areia. Você pode voltar no mesmo dia ou passar a noite em algum hotel ou pousada para curtir a praia no dia seguinte.

Só é importante comprar com antecedência a passagem da volta e ficar atento para não perder o horário do ônibus, pois muita gente estará voltando na mesma noite e os ônibus costumam lotar!

O cenário é muito bonito. E o melhor: de bicicleta, você pode parar em qualquer lugar para tirar fotos. Leve sua câmera!

Histórico

Rota Cicloturística Márcia Prado: driblando proibições

Em 2008, centenas de ciclistas tentaram realizar uma descida coletiva a Santos pela Estrada de Manutenção, que precisa ser acessada pela Rodovia dos Imigrantes. Embora utilizassem o acostamente e estivessem exercendo seu direito legal de uso da rodovia, foram arbitrariamente barrados pela Polícia Rodoviária, a pedido da Ecovias. Alguns poucos ciclistas conseguiram driblar a proibição e chegar à praia.

Em 2009, após longa negociação com órgãos públicos e contornando tentativas de proibição até a noite anterior à data programada, o Instituto CicloBR realizou um evento teste, sinalizando todo o trajeto proposto para a Rota Márcia Prado para demonstrar sua viabilidade e seu potencial. Publiquei muitas fotos do evento e do trabalho de sinalização, do qual participei ativamente. Mais de mil ciclistas chegaram ao litoral paulista, tornando o evento um sucesso e fazendo com que o CicloBR decidisse organizar anualmente um grande passeio cicloturístico por esse trajeto – mesmo quando a Rota finalmente for aberta em definitivo à população.

O único empecilho para a viabilização da Rota seria uma alternativa para que o ciclista que chega à Imigrantes possa acessar o Parque da Serra do Mar, já que a Ecovias continua insistindo em não permitir o trânsito de bicicletas na estrada. Veja aqui a argumentação utilizada para nos negar esse direito. Na descida anual, o Instituto CicloBR negocia uma permissão especial para que os ciclistas trafeguem pela Imigrantes, geralmente com escolta da Polícia Rodoviária. Portanto, é bom aproveitar essa oportunidade de conhecer a Rota!

 

Saiba mais


71 comentários para Passeio Cicloturístico Rota Márcia Prado 2012

  • EURÍPEDES B. JÚNIOR

    A proibição da ECOVIAS em nós ciclistas usarmos as SP’s: 150/160 é por que se não COMO ELES ARRECADARÃO MAIS DINHEIRO, visto que um dos principais acionistas da CCR é o sr. MÁRIO COVAS NETO e, a priori, o “tino” do PSDB é: PRIVATIZAR OU LOTEAR TUDO O QUE É PÚBLICO, entrentanto, SE O GOVERNO DO ESTADO DIZ QUE É NECESSÁRIO FAZER PARCERIAS, POR QUE ENTÃO NÃO SE REATIVA A ESTRADA DE FERRO SANTOS A JUNDIAÍ – para transportarmos nossas bickes para chegarmos ao litoral e, assim, não seria necessário usarmos as SP’s?! Seria por que a paasagem teria que ser obrigatoriamente mais barata do que as das empresas de ônibus que descem ao litoral, contrariando ainda, outros interesses, tais como a arrecadação absurda dos pedágios, sem nenhum sinal de diminuição dos congestionamentos ou outras melhorias que já deveriam ser feitas a décadas?!

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • Luis Guilherme

    A ideia e o trajeto foram fantásticos,mais a organização deixou a desejar,para os próximos coloquem o ponto de partida em um local apenas,melhorem as placas de sinalização e mais pontos de apoio principalmente no trecho de terra da ilha do bororé onde muita gente se po proximoerdeu.

    mas com certeza estarei no próximo

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Paulo Caixeta

    Parabéns pessoal, o passeio foi ótimo. Segue vídeo da rota 2012. http://www.youtube.com/watch?v=eUcVYE5t01s

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Edivaldo de Souza Valença

    Participei e e minha esposa,foi tremendo,recomendo tem que gostar de aventura,rsrsrsrs

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • marcos

    eu fiz , coisa de louco,rsrsrsrsrs, show de bola aconselho,

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • heitor franco

    eu fui no passeio e nao gostei mal organizado a fila da 1 balsa demorou 3 horas e asegunda balsa mais de 1 hora fora o arrastao no fim do passeio tentarao me assaltar perto da rodoviaria conseguirao levar i bike de uma ciclista os malas estavao com arma de brinquedo so escapei porque disse que iria esfaquear o marginal e eles correrao

    Thumb up 0 Thumb down 2

  • olá eu nuca fuil este ano eu vou deve ser nuito louco

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • [...] 9 de dezembro de 2012, acontece a quarta edição da Rota Márcia Prado. Ano passado, fiz esse caminho com mais 3 mil ciclistas. Desta vez, mais de 6 mil se [...]

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Nelson Vasques

    Pessoal levem capa de chuva pois segundo o climatempo vai chover o dia inteiro, putz é brincadeira né

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Fabiano

    Galera do ABC. Sairão de onde? Sou de Santo Andre, com certeza terá algum grupo daqui da regiao. Enviem o local e hora de saída ok ? Obrigado….

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Bom dia !!!!!! vai ser mtoooo bom… so não consigo efetuar mha inscrição…

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • [...] Todo ano o Instituto Ciclo BR organiza a descida da Serra do Mar partindo de São Paulo e chegando a Santos pela Rota Márcia Prado. Se quiser saber mais, leia este ótimo post no Vá De Bike. [...]

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • OLÁ,
    ESTOU INICIANDO E FIZ MINHA INSCRIÇÃO MAS NÃO PEGUEI O NUMERO COMO FAÇO PARA RECUPERÁ-LO?

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Lucas

    Galera, sou iniciante de tudo e vou descer, alguem sabe quanto tempo leva? e a vistoria q é feit ela é muito exigente? meu amigo tem uma caloi 10 será que desce? sou iniciante.. e tem como voltar pedalando?

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • ALGUÉM SABE INFORMAR COMO ESTÃO AS NEGOCIAÇÕES COM A POLICIA MILITAR. TEM UM COMENTARIO NAS REDES SOCIAS QUE ELA VAI BARRAR O PESSOAL NA IMIGRANTES. ISTO PROCEDE?

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • OLÁ PESSOAL SOU DE PRESIDENTE PRUDENTE-SP, ANO PASSADO FIZ O PASSEIO SOZINHO. ESTE ANO ESTAMOS INDO EM DOIS ONIBUS. 70 CICLISTAS. BOM PASSEIO A TODOS.

    NO CAMINHO RESERVE UM TEMPO PARA AGRADEÇER A DEUS POR ESTE ANO MARAVILHOSO E PRINCIPALMETE PELA SAÚDE EM PODER FAZER ESTE PASSEIO MARAVILHOSO COM OS AMIGOS E CONTEMPLANDO AS MARAVILHAS DE DEUS.

    QUE DEUS ABENÇOE A TODOS.

    ANDRÉ

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • Ronaldo

    Olá Pessoal,

    Alguém sabe informar se teremos como acessar o passeio pela portaria no “Parque Estadual da Serra do Mar” que fica no final da “Rodovia caminho do Mar”. Moro em São Bernardo e o acesso
    para mim por essa portaria seria muito mais fácil. Grato, Ronaldo (ronaldofidelis@uol.com.br)

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Aldino

    Ciclista Drica, Alex Levison, Julio Dotti…vamos nessa então?

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Evandro

    Caramba, nunca fui e quero conhecer, sempre vou para a Aparecida do Norte de bike, lindo o lugar tmb pessoal. Mas só de ver esse visual lindo da vontade de ir sim, com certeza irei sim.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Claudio

    Vale também a dica de andar em grupos maiores na região de Cubatão, pois já houve assaltos em ciclistas que andavam de duplas (infelizmente). Outra dica é pegar o ônibus para voltar ao Jabaquara na ponta da praia (bem na orla), pois os ônibus saem de lá e depois vão pra rodoviária, lá tem tempo pra arrumar as bicicletas no bagageiro com calma. Levar também câmara reserva e ferramentas para manutenção, na primeira Marcia Prado meu pneu furou duas vezes. Cuidado no Grajaú, pois os motoristas não respeitam os ciclistas e a via lá é ruim pra andar de bike.

    Thumb up 1 Thumb down 0

    • Rondineli

      No ano passado eles (a empresa de ônibus) não deixaram embarcar com a bike. Então não é muito bom confiar nesse ponto de embarque! Melhor conta com os ônibus do Jabaquara.

      Thumb up 1 Thumb down 0

  • MARCELO

    FALA PESSOAL BLZ ADORO PEDALAR ESTOU VOLTANDO A ATIVA APOS UMA PEQUENA PAUSA DE ALGUNS ANOS KKKK GOSTARIA DE SABER SE VAI SAIR ALGUMA CARAVANA DO ITAIM PAULISTA QUANTO MAIS BIKE MELHOR CONFIRMADO JA TEM TRES, VAMOS VER ATE LA OQUE VAI ROLAR ATE VALEUUUU PESSOAL

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • vai ser maravilhoso vou adora

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • daitx caverneiro

    poxa que pena não passarmos pela estrada velha, fiz este caminho a mes atrás passamos escondido dos guardas e fomos pelo calçada do lorena depois estrada velha, é um caminho muito bonito vle a pena, pena que ta proibido ou seila se é frescura, proibem os ciclista que fazem um passeio alternativo e usam a bike como um meio de transporte Ecologicamente correto, mas não proibem os “pai de santo” de fazerem suas rezas que sempre está lioncado a sugeira e outras coisas que poluem o ambiente. não que eu tenha algo contra a religião, mas sim com a quantidade de lixo que eles deixam nesses lugares, principalmente cachoeiras.

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • juninho

    FMZ NELSON VLW!!tenho outra duvida pessoal, v vcs podem me ajudar eu estou em Santo André tm algum acesso mais proximo p encontrar vcs? desculp encher o saco mas é a primeira vez q vou a esse passeio…

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Leandro OABC

    \o/ inscrito !

    Thumb up 3 Thumb down 0

  • juninho

    gostaria de saber se tem onibus la na baixada p o terminal prefeito saladino em santo andré?

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Marcelo

    Alguém vai fazer esse percurso sem grupo de amigos? Meus amigos estão receosos em fazer o percurso, e eu estou pensando em ir mesmo sem eles. Gostaria de saber quantos leitores estão em situação parecida.

    Thumb up 2 Thumb down 0

    • Nelson Vasques

      Boa noite colega, vou estar chegando na Estação Pinheiros da CPTM as 6:30 com um pessoal e iremos ate o Grajau de trem para economizar uns 20Km, caso queira pode me dar uma ligada ok 995171821 / 77976917

      Thumb up 2 Thumb down 0

    • Marcelo, você não estará sozinho, pode descer com o grupo de Bike Anjos. Vem com a gente! Saiba mais aqui: http://vadebike.org/2012/11/bike-anjos-darao-apoio-na-rota-marcia-prado-2012/

      Thumb up 2 Thumb down 0

    • Marcão

      Bom dia

      Estou na mesma situação, alem de estar fora de forma e a muito tempo sem pedalar, porem minha força de vontade e o sonho de descer de bike é maior … Mas como todos nós somos unidos, um vai ensentivando o outro … Domingão vou sair da estação de Osasco até o Grajau para dar uma economizada no folego …
      Até domingo …

      Thumb up 0 Thumb down 0

    • Marcão

      Bom dia

      Estou na mesma situação, alem de estar fora de forma e a muito tempo sem pedalar, porem minha força de vontade e o sonho de descer de bike é maior … Mas como todos nós somos unidos, um vai incentivando o outro … Domingão vou sair da estação de Osasco até o Grajaú para dar uma economizada no folego …
      Até domingo …

      Thumb up 0 Thumb down 0

      • Marcos e Luciano

        Se vocês estão totalmente parados ou pedalando muito eventualmente, melhor deixar para o próximo ano. Não há carro de apoio nem como embarcar em um ônibus no meio do caminho em caso de desistência. Como base de comparação, costumamos dizer que se você aguenta pedalar 40km num espaço de 3h, está apto a descer. Se vocês estiverem nessa situação, descansem sexta e sábado e nos veremos pelo caminho!

        Thumb up 0 Thumb down 0

  • Paulo Alves

    — ATENÇÃO NA AV. DONA BELMIRA MARIN! —

    É isso aí galera!
    Dia 09/12 estaremos reunidos nesse fantástico passeio!
    Sairei daqui do Grajaú (onde moro) quando a galera começar a chegar! =)
    Conheço bem essa região dos bairros Grajaú, Jd. Eliana, Jd. Lucélia, Ilha do Bororé e Taquaquecetuba (São Bernardo) até a Imigrantes, que é por onde irão passar nossos amigos ciclistas.

    Porém o trecho mais perigoso e que recomendo MUITO cuidado fica ainda na periferia durante a passagem pela Av. Dona Belmira Marin. Isso porque a via é estreita, bem movimentada, mal conservada e os motoristas não respeitam ciclistas e nem sequer faróis. Portanto também deve-se ter atenção redobrada nos cruzamentos, como o que existe logo no final da primeira subida na avenida, que fica um pouco após o Banco do Brasil. Depois vem a primeira descida da avenida, onde muitos carros costumam descer em alta velocidade mas procure concentrar-se também em evitar os buracos e bueiros ao lado direito da pista nessa descida. Além disso, evite de forma alguma utilizar o meio fio da avenida, pois além de perigoso, ele é totalmente intransitável por estar cheio de buracos.

    Outro ponto muito perigoso é a entrada da garagem da Viação Cidade Dutra (esquina com a Rua Elísia Gonçalves Barcelos) pois além da propabilidade de ter vários ônibus entrando e saindo para a avenida, logo após terá carros virando à direita no acesso para o Jd. Noronha (Rua São Caetano do Sul). Portanto muita atenção nesse trecho, pois o ciclista terá que continuar na avenida enquanto que alguns carros irão acessar à direita como numa saída da marginal, podendo causar fechadas ou forçar a passagem.

    Também é preciso cuidado no cruzamento do Extra Supermercados em frente à segunda loja da Marabraz na avenida (esquina com Rua Bilac), pois na minha opinião é o farol mais desrespeitado da via, devido à falta de fiscalização no local.

    Fora essas questões de periculosidade, a única preocupação física que o ciclista terá que enfrentar são somente as subidas como a que existe já logo no início da via e uma outra no trecho um pouco depois da descida do Extra Supermercados. Mas empurrar a bicicleta não é vergonha pra ninguém e além disso, o ciclista estará economizando energia pois esse é apenas o trajeto inicial dessa incrível cicloviagem!

    Essas são apenas algumas dicas de um ciclista e morador da região para os que deverão passar pela Av. Dona Belmira Marin no dia 09/12/12.
    Desejo um bom passeio a todos e até lá!

    Comentário bem votado! Thumb up 7 Thumb down 0

  • andré gomide

    No próximo ano me programo melhor para sair daqui de POA/RS. Bom pedal para vcs.

    Thumb up 1 Thumb down 1

  • Daniela Guedes

    Olá Galera!!

    Neste incrível passeio terá alguém que more aqui no Butanã, próximo à USP que pretenda voltar para SP no mesmo dia. Podemos voltar juntos.

    Valeu!!

    Thumb up 3 Thumb down 0

    • Nelson Vasques

      Daniela estarei chegando com um pessoal de São Caetano do Sul na estação Pinheiros da CPTM as 6:30 e iremos pegar o trem sentido grajau, caso queira nos encontre por lá ok 77976917 / 995171821

      Thumb up 3 Thumb down 0

      • Daniela Guedes

        Olá Nelson,

        Valeu pelo contato, mas acho que sairei daqui da Vila Olímpia (Ciclovia Pinheiros). Mas caso mude de ideia já anotei seus tels e qualquer coisa te ligo. Estou para fazer uma prova na USP e espero que eles não marquem para o dia 09/12 senão não conseguirei ir. Abraço!!

        Thumb up 1 Thumb down 0

  • Peterson Barbosa

    amigos vou sair do metro conceição como faço vou pela imigrantes …. pego ali a alça para ir a anchieta e ali no meio esta a saida para estrada de manutenção seria este o caminho ..até a entrada do parque

    Thumb up 0 Thumb down 1

  • Leo Novarino

    William, vou sair do Rio com amigos para participar da Rota Márcia Prado, mas não temos conhecimento de um bom lugar para nos hospedar de Sábado para Domingo, que seja próximo ao local de saída na Vila Olímpia e que seja por um preço bacana tb?

    Pela experiência das edições anteriores, vc conhece algum lugar ou pessoa que possa nos ajudar?

    Thumb up 0 Thumb down 0

    • Leo, não tenho hotel para recomendar, mas aviso que ali naquela região quase todos são caros. O negócio é dar uma pesquisada pelo Google Maps mesmo e sair ligando para ver se conseguem fechar um pacote mais em conta.

      Thumb up 1 Thumb down 0

    • Paulo Alves

      Leo Novarino,

      Conforme o William Cruz disse os hotéis próximos à estação Vila Olímpia são muito caros.

      Na região do Autódromo de Interlagos (Av. Interlagos e Av. Senador Teotônio Vilela) existem diversos hotéis de baixo custo. Eles cobram algo em torno de 50 a 70 reais (per noite). Pesquise e visualize como são essas ruas no trecho próximo ao Autódromo de Interlagos, através do Google Maps.

      Assim você poderá acompanhar os ciclistas a partir da estação Grajaú, que faz parte do trajeto inicial do passeio.

      Thumb up 3 Thumb down 0

    • Eduardo Russio

      Léo, bom dia!
      Moro aproximadamente uns 5km (de reta/15min de bike) da Estação Vila Olímpia CPTM e ao lado da minha casa tem uma Pousada “AERO HOSTEL” onde tem quartos com diárias que cabem perfeitamente no bolso de um ciclista.
      Como irei para a “ROTA MÁRCIA PRADO” com alguns amigos, podemos sair todos juntos.
      Seguem os contatos “AERO HOSTEL”:
      Nida e/ou Beto
      Fone:(11)5031.7719
      E-mail: aerohostelpousada@hotmail.com

      Thumb up 1 Thumb down 0

  • André

    IMPERDÍVEL!!!!!!!!
    ANO PASSADO FIZ O PASSEIO FOI MARAVILHOSO.
    NÃO DEIXE DE PARTICIPAR.
    SOU DO INTERIOR DE SP 600KM PRESIDENTE PRUDENTE, ESTAMOS FRETANDO UM ONIBUS, VAMOS EM 35 CICLISTAS.
    ABRAÇOS
    ANDRÉ

    Thumb up 3 Thumb down 0

  • Inscrição número 890. Sim tem que se inscrever… cada leva pelo menos mais um e…

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Johnnie Bikers

    Sou da equipe Johnnie Bikers e a equipe começou qdo fizemos o primeiro Bike Tour e na sequencia a rota Marcia Prado em 2010 e posso dizer que esse passeio pela serra do mar é o melhor de todos, ja fizemos trilhas na serra do Japi em Jundiaí, ja fomos para Paranápiacaba, mas essa descida pelo meio da serra é a melhor, tem duas subidas de 1ªmarcha e um trecho de 5 km de pura descida, eu recomento a todos.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • biking for life

    Muito bom essa iniciativa dos criadores desta rota. A cidade de São Paulo precisa de mais saúde e através da bicicleta com certeza iremos conseguir e com isso dar uma boa amenizada do transito porem temos que ter força e apoio por isso eu dou meus parabéns a todos membros organizadores desta grande iniciativa no ciclismo paulista…..

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Luis

    Maravilha de ciclorota ano passado foi D+ espero que não chova desta vez, pena ser no domingo mas estarei lá.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Estou muito ansioso com esse passeio. o ano passado quase que eu fui mas fiquei sabendo encima da hora foi triste pra mim quando passei no terminal grajau no dia do passeio e vi todos se preparando para descer, mas este ano não passa.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Ja fui 2 vezes a praia de bicicleta pela estrada velha de Santos, nos vamos passar por ela?

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Julio Melo

    Será que alguém do RJ vai?

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • Ainda não fiz esta rota com esta configuração, mas participei de uma pedalada histórica há uns dez anos atrás da turma da lista bikeonelist saindo de Santo André, onde tivemos que fugir dos guardas e passar as bikes com cordas em um buraco de erosão enorme. Depois descemos a calçada do Lorena. Foi uma das pedaladas mais legais que já fiz, entre outras.

    Thumb up 3 Thumb down 0

    • Carlos

      Boa tarde Alvaro.

      Sempre quis descer a serra por essa rota, a calçada do Lorena, saberia me dizer se ainda é possível ou me indicar alguém que conhece a trilha??

      Abraços

      Thumb up 0 Thumb down 0

  • Vinícius

    E me aparece um aniversário de 50 anos de um tio numa chácara no dia 09/12.

    FUUUUUUUUUUUUUUU!!!!!!!1!11!!!one!!!!!!

    Thumb up 1 Thumb down 2

  • [...] ainda o Vá de Bike! preparou um especial para a viagem: trajeto, alimentação, preparar bagagem, enfim, como sempre [...]

    Thumb up 2 Thumb down 0

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>