Como funciona o empréstimo de bicicletas integrado ao Bilhete Único em São Paulo

Estação Parque Trianon: uma das três escolhidas para os testes do Bilhete Único com o sistema Bike Sampa.

Estação Parque Trianon: uma das escolhidas para os testes do Bilhete Único com o sistema Bike Sampa.

Veja também
Prefeitura de SP protegerá ciclistas
com ciclovias e redução de velocidade

Prefeitura de São Paulo anuncia
400km de vias cicláveis até 2016

Todos os novos corredores de ônibus
em São Paulo terão ciclovias

Desde o dia 6 de maio já é possível retirar bicicletas no sistema Bike Sampa com o Bilhete Único. Mas calma, não adianta (ainda) correr para a estação de empréstimo com o cartão na mão: a novidade está sendo testada!

Nessa primeira fase, 100 pessoas cadastradas no sistema foram selecionadas para realizar os testes, que durarão quatro semanas. Nesse período, serão monitoradas a estação, data e hora de retirada, juntamente com a estação, data e hora da devolução da bicicleta, para avaliar a utilização do novo sistema.

A utilização do Bilhete Único no Bike Sampa é um primeiro passo para caracterizar o sistema de bicicletas compartilhadas da cidade como uma opção de transporte público.

Estações

Foram escolhidas três estações do Bike Sampa para testar o uso do Bilhete Único: Parque Trianon, Shopping Eldorado e Shopping Santa Cruz. Elas foram escolhidas pela proximidade com corredores e terminais de ônibus e com estações de trem e metrô.

Veja no mapa que preparamos as estações que iniciam os testes:


Clique aqui para exibir o mapa em outra janela.

Um leitor do Bilhete Único foi embutido de maneira discreta no totem da estação.

O leitor foi embutido no totem de maneira discreta. Uma ilustração do Bilhete Único indica o local onde o cartão deve ser encostado.

A partir de junho, mais 100 estações começam a ser instaladas na cidade, nos bairros de Bela Vista, Consolação, Sé, República, Santa Cecília, Higienópolis, Pinheiros, Vila Madalena, Bom Retiro, Luz, Brás e Mooca. Todas elas já virão com o leitor do Bilhete Único.

Funcionamento

O Vá de Bike acompanhou uma retirada na estação Trianon, na manhã em que a novidade foi inaugurada. Pudemos verificar que o processo é bastante simples, mais rápido até que a operação por ligação telefônica ou aplicativo de smartphone: basta encostar o cartão no sensor, aguardar a mensagem e encostar uma segunda vez para confirmar. Pronto, uma bicicleta é destravada e seu número indicado no pequeno display.

As regras para quem liberar as bicicletas com o Bilhete Único são as que já valem atualmente no Bike Sampa: o veículo pode ser usado por 30 minutos e poderá ser devolvido em qualquer estação do projeto, mesmo que ela ainda não possua um validador do cartão.

Finalizados os testes, a expectativa é de que a novidade seja liberada para todos. Para utilizar o Bilhete Único será necessário cadastrar previamente o número do cartão no site do Bike Sampa.

Bilhete Único
Bilhete ÚnicoÉ o sistema integrado de bilhetagem de todos os meios de todos os meios de transporte público da cidade de São Paulo (ônibus, metrô e trens).

Utilizando um cartão, com sistema de leitura nas catracas de estações e dentro dos ônibus, o cidadão obtém benefícios como a automatização do recebimento do vale transporte e tarifas integradas, que concedem desconto ou isenção da tarifa ao utilizar mais de um meio de transporte público em sequência.


19 comentários para Como funciona o empréstimo de bicicletas integrado ao Bilhete Único em São Paulo

  • Desi

    Tento cadastrar meu BU ao bikesp mas não consigo.
    nao sei exatamente qual é o numero mas tentei todos os números que estava no cartão.
    se alguém souber dessa informação, agradeceria a resposta.
    obs: meu bilhete unico é de estudante.

    Comentário bem votado! Thumb up 9 Thumb down 0

  • jane Lourenço

    Acho um absurdo ter que pagar pela propaganda de um banco deveria de ser de graça se fosse da prefeitura tudo bem pela cobrança mas além de pagar caro ainda fazemos propaganda de graça e pior ainda esta usando um espaço público para fazer propaganda gratuita o nosso prefeito deveria de pensar melhor no projeto .

    Thumb up 3 Thumb down 1

  • E quem mora ou trabalha na zona leste, zona norte, extremo sul da cidade? Entrei no site do Bike Sampa e só existe possibilidade pra uma determinada região da cidade, aquela que tem maior poder aquisitivo por sinal. Até entendo que muitas pessoas usam para se locomover ao trabalho nessas regiões, mas levar esses benefícios para outras regiões seria o ideal.

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • luciano

    e quem não possui cartão de crédito? fica excluído? deveriam oferecer mais opções para as classes baixas! opa esqueci o sistema é ligado a um banco ou seja dinheiro + cartão de crédito, etc…

    Comentário bem votado! Thumb up 11 Thumb down 1

  • Phillipe Soares

    Acredito que é unânime que a idéia é ótima, porém vejo um grande problema na locomoção dos ciclistas entre as estações. Mas que pode ser “bom” e trágico com todos usando o sistema.

    Vamos ver.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  • Giu

    Toda a ideia, é m uito boa.
    No entanto, há um problema que ninguém parece dar bola!

    O sistema custa CARO!!!!
    Comparando com o que havia no Metrô que permitia rodar com a bike por uma hora sem pagar nada e renovar sem nenhuma intervalo, além do ótimo valor de R$ 2,00 por hora excedente!

    Essa do Itaú, custam R$ 5,00 e permitem gratuidade em apenas 30 minutos! E, caso queira renovar, deve esperar plantado por 15 minutos!!!

    Muitos vão dizer que se é empresa privada, que o dinheiro ajuda na manutenção, etc…
    Nada disso é significativo!

    O banco esta ganhando uma publicidade só pelo fato das bikes estarem paradas, com o logo exposto. O usuário que utilizar a bike por mais de 30 minutos, pagará para “trabalhar” para o banco, fazendo propaganda pela cidade .

    Se pelo menos, fosse mais em conta, apenas pra dizer que não é de “graça” (o banco esta ganhando muito com essa publicidade), como os valores citados no início, seria um pouco mais justo.

    Comentário bem votado! Thumb up 14 Thumb down 4

  • Paulo

    Bacana. Mas cadê as ciclorrotas sinalizadas para o ciclista se deslocar com mais segurança entre as estações?
    Penso que isso era mais fundamental e urgente do que a integração com o bilhete único.
    Há bicicletas pintadas no chão aqui e ali, mas é indispensável sinalização ostensiva, redução de velocidade na via, novas proibições de estacionamento, etc…

    Comentário bem votado! Thumb up 9 Thumb down 1

  • Mauro

    Como acontece a “amarração” entre o cartão de crédito e o bilhete único? Tipo, cadastrei meu cartão de crédito para poder utilizar o sistema. Precisarei cadastrar o bilhete único também?

    Comentário bem votado! Thumb up 5 Thumb down 0

  • Camila Sátolo

    Tomara mesmo que dê certo! E que os pontos se espalhem mais pela periferia da cidade.
    Parabéns pela iniciativa!

    Comentário bem votado! Thumb up 7 Thumb down 0

  • Anderson Araújo

    Fui um dos 100 convidados para testar o sistema, a idéia é ótima, você chega e aproxima o bilhete único, em segundos a bike está liberada, praticamente não se perde tempo. Pelo que a atendente me explicou pelo telefone, a tarifação continua sendo pelo cartão de credito, o bilhete único é apenas um cartão de liberação da bike, dispensando o celular como ocorria antes. Como o projeto está em fase de testes, creio que novas funcionalidades podem ser adicionadas ao bilhete único com o tempo.

    Porem não foi possível escolher a bike a ser liberada, o sistema escolhe por você. Sou alto e algumas bikes tem um canote do selim um pouco baixo, acabei pegando justamente uma das bikes baixinhas que não gosto. Alias se não me engano esses quadros são tamanho 15, muito pequenos pra quem tem mais de 1,8m de altura como eu, mas isso já é reclamação para outra conversa.

    Quando for responder ao feedback dos usuários, vou sugerir um teclado pequeno que permite ao usuário escolher a bike a ser retirada, ai sim o novo sistema ficaria perfeito.

    Outra coisa que me anima muito a implantação de novas estações, em pinheiros as estações do bike sampa são fora de mão para quem vem da linha amarela e vivem lotadas na volta, esta será mais uma novidade muito bem vinda.

    Comentário bem votado! Thumb up 20 Thumb down 0

    • Cícero Soares

      Opa, valeus, Anderson! E já deu pra ver que teu feedback pro período de testes vai ser dez, viu?

      E é isso aí, tem que se dar ênfase à massificação do serviço, repensando melhor a logística das estações, descentralização do conjunto delas pra áreas, digamos, menos nobres, fazer uso integral do bilhete único (habilitação e tarifação), etc.

      Comentário bem votado! Thumb up 8 Thumb down 0

    • Anderson Araújo

      Hoje a tarde já recebi a ligação de uma atendente do Bike Sampa perguntando como foi a experiência com o bilhete único. Já deixei a minha sugestão de um teclado ou botão para escolha da bike, ela anotou a minha sugestão e me disse que sistema está em fase de testes e pode ser melhorado, vamos aguardar pra ver.

      Também me avisou que caso o sistema libere uma bike com defeito, basta colocar a bike de volta na mesma posição e aguardar 5 minutos para repetir o processo com outra bike.

      Comentário bem votado! Thumb up 14 Thumb down 0

  • Fábio

    Pelo que deu pra entender, nesse caso não vai dar pra escolher a bicicleta que vai ser retirada, é isso? O sistema escolhe pra você?

    Isso pode ser um incômodo, pois já aconteceu de uma bicicleta estar com o pneu furado ou fora de condições de uso por algum outro motivo.

    Comentário bem votado! Thumb up 11 Thumb down 0

  • Cícero Soares

    Então, Willian, mas tem uma coisa que eu ainda não entendi. Tá, o bilhete único servirá pra tarifação (claro, além da liberação da bike) quando excedido os 30 minutos gratuitos. Mas e pra habilitar o passe, os 10 contos de depósito de garantia continuarão exclusivamente através de cartão de crédito, ou o bilhete único também se prestará como mais uma opção?

    Comentário bem votado! Thumb up 9 Thumb down 0

  • Muito bom! Um ótimo passo em direção a uma cidade mais amiga do meio ambiente e com menos trânsito.

    Parabéns a todos envolvidos!

    Comentário bem votado! Thumb up 6 Thumb down 0

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>