Brasil Cycle Fair vai até domingo em São Paulo

Minivelódromo é uma das atrações da feira. Foto: Willian Cruz

Minivelódromo é uma das atrações da feira. Foto: Willian Cruz

A feira de negócios Brasil Cycle Fair continua até esse domingo, 10 de novembro, no Pavilhão Verde da Expo Center Norte, em São Paulo. Nos três primeiros dias (7 a 9 de novembro), o acesso é restrito a profissionais do setor, mas no domingo o evento abre as portas ao público. Saiba mais.

O Vá de Bike, que está presente no estande do Bike é Legal (próximo à área de alimentação), visitou o evento na quinta-feira, dia 7, que tem como característica principal o atendimento ao profissional do mercado de bicicletas. Encontramos, por exemplo, o pessoal do “bike café” Aro 27, de São Paulo, comprando produtos para a loja no estande de uma empresa de lubrificantes. Havia bastante gente de outras cidades e até de outros estados circulando pela feira.

O Bom Dia Brasil (Globo) fez uma matéria sobre a feira, da qual participamos opinando sobre um dos produtos que chamou atenção da equipe do jornal. Clique para assistir. Imagem: Reprodução.

O Bom Dia Brasil (Globo) fez uma matéria sobre a feira, da qual participamos opinando sobre um dos produtos que chamou atenção da equipe do jornal. Clique para assistir. Imagem: Reprodução

Alguns destaques

Há estandes que chamam atenção não só pelo tamanho, decoração e atendentes, mas também pelas novidades que trazem. É o caso da Thule, com seus “Chariots” para transportar crianças – trailers para bicicletas que se transformam em carrinhos de bebê apropriados para a prática exercícios de corrida a pé.

Outro estande que atraía os visitantes era o da Cannondale, que tem entre suas marcas a Caloi. A curiosidade do público se dava principalmente pela da compra da empresa brasileira em agosto desse ano. Entre as dezenas de bicicletas espostas, havia duas Calois City Tour, bicicleta urbana que havia sido retirada de linha, com quadro e suspensão preparados para a adaptação de paralamas e bagageiro, além de pneus adequados para uso na cidade. As dobráveis também ocupavam o estande, junto com as bicicletas esportivas.

Ao lado do estande da “Caloidale”, diversas bicicletas expostas sob o singelo nome “Tito”. Poucas pessoas sabiam que o sobrenome seria o mesmo da marca que ocupa parte do estande ao lado. Tito Caloi é descendente dos fundadores da fábrica brasileira, tendo inclusive trabalhado nela até 1999, ano em que a família decidiu vender a empresa. Há alguns anos, resolveu lançar sua própria marca. Vale a visita, no mínimo pela curiosidade histórica.

A Shimano, com um estande bastante amplo, traz o conceito bikefitting.com, um conjunto de equipamentos e software projetados para encurtar o tempo de um bike fit (adequação ergonômica individual da bicicleta). A novidade tem como alvo os profissionais que prestam esse tipo de serviço, mas a fabricante está fazendo sessões de bike fit com quem visita o estande – mas é preciso entrar na fila.

Redução de impostos

A Aliança Bike trouxe à feira a importante discussão sobre a carga tributária sobre as bicicletas no Brasil. Matéria recente do jornal O Globo destacou que os impostos sobre a bicicleta são maiores que os do automóvel, o que acaba por comprometer a mobilidade.

Nos próximos dias abordaremos a fundo esse assunto aqui no Vá de Bike. Fique ligado.

Detalhe da exposição de bicicletas antigas. À frente, a reprodução de um celerífero, de 1780.

Detalhe da exposição de bicicletas antigas. À frente, a reprodução de um celerífero, de 1780. Foto:Willian Cruz

Antiguidades, minivelódromo e eventos

Há uma exposição de bicicletas antigas na feira, que inclui uma reprodução de um celerífero – um dos primeiros modelos de bicicleta, inventado em 1780.

Outra atração é o Mini Drome, que já foi visto aqui no Brasil em eventos como a Virada Esportiva de São Paulo (veja nossa matéria, com vídeo). Trata-se de um pequeno velódromo aberto ao público, para ser pedalado em bicicletas de roda fixa. Há bicicletas disponíveis no local. Aline Cavalcante, fixeira que escreve para o Vá de Bike e também para o Bike é Legal, deu sua voltinha na pista nesta quinta-feira.

Eventos variados ocorrem na área em frente ao estande do Bike é Legal e Vá de Bike, desde desfiles de roupa de ciclismo até as exibições de BMX, que são de tirar o fôlego.

Debate unirá esporte e mobilidade

O evento terá um debate em que se discute a integração entre ciclistas urbanos e esportistas. Comandado por Renata Falzoni, do Bike é Legal, o debate será no domingo, 10 de novembro, às 15h30, e contará com a participação de JP Amaral (Bike Anjo), Henrique Avancini (atleta da Caloi Elite Team), Willian Cruz (Vá de Bike) e Hélio Souza (treinador esportivo). Saiba mais.

Quando e onde

Brasil Cycle Fair 2013
7 a 10 de novembro de 2013, das 10 às 20h
Expo Center Norte – Pavilhão Verde
Próximo ao Terminal Rodoviário Tietê e da estação Tietê do Metrô

Vá de bike! Há espaço gratuito para deixar a bicicleta. Leve sua tranca!

Nossos novos adesivos estão sendo distribuídos no estande do Bike é Legal. Passe lá para pegar o seu!

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>