Paraná distribui cartilha com legislação sobre bicicletas para motoristas infratores

Detran de Pernambuco insere questões sobre bicicletas e ciclistas nas provas para obtenção da CNH. Imagem: Vá de Bike

Detran do Paraná vai distribuir cartilhas educativas a motoristas infratores. Imagem: Vá de Bike

Qual ciclista nunca quis ter na mão os artigos referentes a bicicleta do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) durante um conflito no trânsito? “Em 2004, fiz uma síntese dos artigos para uma futura palestra. Mas já pensamos na possibilidade de diminuir o arquivo para que as pessoas pudessem ter acesso, imprimindo e carregando ao pedalar”, conta a cicloativista Claudiléa Pinto.

Com base nesse material, surgiu o CTB de Bolso, produzido com apoio da Transporte Ativo (TA). “Hoje, temos milhares de exemplares publicados em várias parcerias efetuadas pela TA”, diz a ativista. O livrinho deu tão certo que foi adotado oficialmente até em programas de reeducação no trânsito para motoristas infratores.

O Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) tomou a iniciativa que pode ser replicada e expandida: o órgão irá distribuir 200 mil exemplares da cartilha escrita por Claudiléa, com dicas e orientações sobre a convivência com a bicicleta. O material será entregue no final dos cursos de reciclagem obrigatórios para motoristas infratores.

“Em nosso país fazem-se leis. No entanto, pouca ou nenhuma campanha educativa é elaborada. Isso já tornou-se tão corriqueiro, que existem leis que a gente nem sabe que nos amparam nos diversos setores do nosso cotidiano”, diz Claudiléa.

Saiba aqui o que o Código de Trânsito diz sobre bicicletas e ciclistas

Outras medidas educativas

Nesse sentido, a cartilha se soma a outras medidas no Detran-PR que podem ajudar a mudar esse quadro: passam a ser obrigatórias questões envolvendo bicicletas, com pelo menos uma das 30 questões da prova teórica para emissão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) abordando o assunto. Essa mudança é fruto de negociações da CicloIguaçu (Associação de Ciclistas do Alto Iguaçu), e deve ser efetivada nos próximos meses. O Detran de Pernambuco também está reproduzindo a iniciativa: 13 perguntas envolvendo bicicleta foram incluídas no banco de questões para o teste teórico.

Para tornar a cartilha mais efetiva, parcerias como a feita com o Detran-PR são mais que bem-vindas. “De acordo com as nossas experiências, observamos o quanto os agentes multiplicadores são fundamentais. A cartilha pode ser direcionada de forma geral a empresas de ônibus, comércios de entregas, autoescolas e, principalmente, como uso educativo para estudantes do ensino fundamental, os futuros motoristas e/ou ciclistas da cidade”, acredita a ativista.

A cartilha do Paraná também será distribuída em ações educativas e eventos em parceria com órgãos como ONGs que trabalham pela segurança no trânsito, e pode ser reimpressa sempre que o órgão precisar. Ao isolar os artigos que envolvem o uso de bicicleta no tráfego, é possível orientar não apenas os ciclistas, mas os motoristas, que têm responsabilidade sobre a segurança de veículos mais frágeis.


3 comentários para Paraná distribui cartilha com legislação sobre bicicletas para motoristas infratores

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>