Motorista que trafegava na ciclovia é impedida e vaiada em Higienópolis, em São Paulo (vídeo)

O vídeo, compartilhado no Facebook, foi registrado em outubro de 2014, no bairro de Higienópolis, em São Paulo, e teve mais de 1156 mil compartilhamentos. Pelo que se percebe pela cena, a motorista aguardava sobre a ciclovia, na Alameda Barros, para virar à direita na Av. Angélica, quando uma ciclista que vinha pela área exclusiva de bicicletas se postou à frente do carro, impedindo-a de prosseguir por ali. A ciclista protesta contra o abuso, dizendo que não sairá de lá e que ligará para o órgão de trânsito. A motorista não desce do carro e não o retira do lugar, aparentemente querendo que a ciclista desvie, circulando pela contramão em meio aos automóveis.

Uma das pessoas que assiste à cena diz para a ciclista não sair e se dispõe a procurar uma viatura. A moça reafirma que não sairá do local, deita a bicicleta na faixa exclusiva e se dirige até a janela do carro para fotografar a motorista. Nesse momento, a pessoa que está no carro dá ré abruptamente, subindo com a traseira na calçada. A motorista então cruza a ciclovia até a área onde deveria estar trafegando e vira na avenida, realizando o procedimento que deveria ter adotado desde o início, sendo vaiada pelos presentes enquanto se retira.

Alguns moradores e comerciantes da região se declaram contrários às ciclovias, por ocuparem o espaço onde antes estacionavam seus carros ou, segundo alegam, os de seus clientes. Os episódios mais emblemáticos foram o boletim de ocorrência registrado contra a prefeitura, por parte do Conseg da região, e as declarações de Aloysio Nunes (PSDB), que afirmou no Twitter que as ciclovias construídas no bairro onde reside eram um “delírio autoritário” do prefeito Fernando Haddad (PT).

Assista:

Clique aqui para assistir o vídeo

101 comentários para Motorista que trafegava na ciclovia é impedida e vaiada em Higienópolis, em São Paulo (vídeo)

  • Anna M Magalhães

    [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

    Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 2 Thumb down 9

    • Zensho Ichi

      - Acompanho à algum tempo o Vá de Bike. Há comentários/depoimentos de pessoas que apontam problemas ou desacordo quanto bicicleta como veículo e grande parte deles abrem uma reflexão boa sobre o assunto. Mas, falando sério, esse foi o relato mais egocêntrico e cretino que li no site. Você faz a idiotice e os outros é que são “idiotas”? Agride e tolhe a segurança da ciclista e é ELA que foi agressiva e intimidadora?… Acho que tenho que parar de “andar de carro”, faz mal pra “cabeça”!… – P*to da vida!

      Comentário bem votado! Thumb up 7 Thumb down 2

      • Anna M Magalhães

        Egocêntrico e cretino quem foi agora foi você, que nem viu a cena e quer me criticar!!!!!!!!!
        A idiota encrenqueira da ciclista vinha no sentido contrário, mas quando percebeu pela minha seta que eu ia fazer a conversão que é lógico que teria que cruzar sobre o maldito vermelhão, ela se pôs na minha frente para se fazer de vítima e como que procurando briga. Achou ora! Eu sou uma pessoa pacífica, mas NÃO aceito gente cretina se fazendo de vítima, só porque é menor. De amante do vitimismo me basta o Lula.

        Thumb up 2 Thumb down 4

        • Anna M Magalhães

          E tem mais!
          Eu fiquei muito mais “P*ta da vida” porque fiquei imaginando se a safada tivesse feito aquilo com um rapaz, ao invés de mim, o coitado ia ter que aguentar o desaforo só porque não poderia bater numa mulher, mesmo quando ela é super desonesta como ela foi naquela situação.
          Tenho quase certeza que ela pensou que estivesse desafiando um homem e se daria bem.
          Se ciclista for respeitoso deve exigir respeito, mas não pode desafiar motoristas ou motociclistas, mesmo porque pode estar mexendo com uma pessoa que está no limite de explodir, e aí, meu caro, ninguém controla.

          Thumb up 2 Thumb down 4

        • Robson

          Essa é a sua versão da história. Sem ouvir a outra parte, fica dificil saber quem errou. Você ou a ciclista.

          Porém, vamos lembrar que pelo CBT, o maior é inteiramente responsavel pela segurança do menor. Ou seja, pedestres e ciclistas tem preferência total em cruzamentos e é obrigação do motorista dar passagem, coisa que NÃO acontece no dia a dia.

          Ainda que pedestres e ciclistas também não sejam nada educados, eles apenas reagem a forma como são vistos e hostilizados numa cidade hostil e agressiva como São Paulo.

          Eu dirijo a anos e nunca perdi mais que alguns segundos para ultrapassar um ciclista ou parar para o pedestre passar. E é muito gratificante ouvir até sinais de agradecimento por algo que é OBRIGAÇÃO minha como motorista.

          A cidade é das pessoas, não dos carros. Fica ai a dica!

          Comentário bem votado! Thumb up 4 Thumb down 0

        • Felipe Maddu

          Minha filha se vc disse que apenas “ia fazer a conversão que é lógico que teria que cruzar sobre o maldito vermelhão (ai comunismo)” ou vc é mentirosa ou MUITO ruim do volante, pq pra cruzar o vermelho nao precisa ficar com as 4 rodas em cima da ciclofaixa.

          Thumb up 0 Thumb down 0

  • Fatima

    Domingo passado, de manhã pedalando em direção a ciclovia da Av Atlântica, fui ultrapassada por um ônibus fretado, que, a medida que passava foi fechando a pista a minha frente em clara intenção de me jogar para o meio fio! O que pensam as pessoas, que somolimitadores do espaço delas? Parece piada, mas os que estao em seus transportes motorizados, nos vêem como ameaça ao pseudo-conforto dos automóveis confinados nos engarrafamentos!

    Thumb up 3 Thumb down 1

    • Anna M Magalhães

      [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

      Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 1 Thumb down 7

      • ALEKSANDRO

        Mulher, vai rezar!! Onde já se viu declarar abertamente que vai ter guerra por não haver consenso entre você e a moça? Apenas adverto você, que pelo código penal sua atitude caracteriza lesão corporal culposa e é passiva de reclusão de até 1 ano, e o CTB diz que nós motoristas temos que dar preferencia aos veículos menores, você concordou quando pegou a sua carteira, agora cumpra sua obrigação…

        Thumb up 1 Thumb down 0

        • Robson

          Ela tem problema, carrocracia gera isso.

          Mas vai mudar. E terá que aceitar isso, tendencia mundial que veio para ficar, quer goste ela ou não.

          Acha que está respirando menos poluição dentro de um carro….qta ingenuidade e desinformação.

          Thumb up 3 Thumb down 0

      • Recebendo a fumaça do carro a sua frente, parado ou andando, num tempo de deslocamento que pode levar 2, 3, 4hs por dia na cidade você respira menos poluição que eu que pedalo?
        Seu carro é hermeticamente fechado, tem suprimento próprio de ar fresco e puro?
        Nesses dias termicamente insuportáveis que vivemos você não abre a janela de seu veiculo nenhuma vez?
        E estressando desse jeito com os outros na rua ou em frente do computador você nunca sua?

        Explique como isso seria possível.

        Thumb up 1 Thumb down 0

    • Felipe Maddu

      Eles têm inveja da gente.

      Thumb up 0 Thumb down 0

  • Cristhiano

    Usando o bom senso, lógico que o carro tem sua utilidade, ainda mais ser for uma ferramenta de trabalho, mas tem jeito de usar a bike como meio de transporte e ter um carro na garagem, mesmo que seja uma SUV da vida.

    Parece que a grande maioria aqui não sabe que vivemos em SOCIEDADE, e não importa se é um país desenvolvido ou não, que no nosso caso, o Brasil está longe de ser um país desenvolvido, onde estão investindo em ciclovias, mesmo em cidades como NY que tem a mesma proporção de São Paulo.

    Vale lembrar que eu abomino o PT por ser o partido mais corrupto do país (apesar que todos os partidos brasileiros sejam corruptos), nunca votei e nunca votarei no PT por isso, mas pelo menos está tentando fazer a mesma coisa nos países DESENVOLVIDO, os de 1ª mundo, apesar de fazer umas burradas em alguns trecho como o PT sempre faz, o que falta é que a população deixe de ser e pensar como um país subdesenvolvido, de 3º mundo. Por isso que o Brasil está uma porcaria e, que está, por ter um pensamento de subdesenvolvido que prefere ficar na sua SUV gastando gasolina sem necessidade por ficar preso no trânsito por 1~2 horas em vez de fazer outras coisas que a própria pessoa prefere curtir chegando em casa, curtindo a sua família/amigos, se não gosta de ninguém e prefere ficar sozinho, só tenho pena de uma pessoa tão infeliz.

    Fora que também atrapalha os outros que não tem nada haver com esse isolamento e mal humor dele, que estão usando o carro como ferramenta de trabalho e que querem chegar em casa por estarem cansado, mesmo estando no conforto do seu carro com ar-condicionado, rádio, abs e outras tralhas de segurança.

    E depois falam que pedalando numa bike deixa a pessoa cansada, sendo que existem estudos que quem vai de bike ou á pé (que não inclui ir á pé até o ônibus e/ou metro por parecerem sardinhas numa lata, apesar de suas boas utilidades) no trabalho, além de serem mais felizes, são mais produtivos. Então, não tem essa desculpa que um infeliz deu que quem usa a bike como meio de transporte deixa a pessoa cansada e de mal humor, pois eu sou ciclista e sou mais produtivo e com mais bom humor no meu trabalho quando ia de SUV, que vendi depois de ser muito visado por assaltantes, e comprei um carro de um valor médio que tem o mesmo ar-condicionado e toda tralha de segurança que as montadoras foram obrigadas a instalar de fábrica, ainda bem, pois tornamos um país menos subdesenvolvido.

    Thumb up 2 Thumb down 1

  • Fabio Degani

    Isso ainda vai acontecer muito… ontem eu vi em Higienópolis um motorista que parou o carro na ciclovia (“só uma paradinha”, ele diria) para ir numa banca de jornais.

    Como podemos denunciar quando vemos essas coisas? Tiramos foto do carro e da placa e…?

    Comentário bem votado! Thumb up 7 Thumb down 1

  • Vitor

    Que bonito, seu zpedro é uma pessoa “séria”, não consome alcoólicos pois gastam muita água para serem produzidos. Deveras, seu zpedro, deveras, são 155l de água/l de cerveja, desses, de 3 a 4l na cervejaria e o restante na agricultura (Ciclovivo). Opa, eu disse agricultura?!? Claro, afinal, de onde viriam a cevada e o lúpulo, não é mesmo?
    Agora, o que me diz do restante da sua alimentação? Você não vai deixar de comer arroz (1,6m³/kg) e feijão (de 0,8 a 2,8m³/kg – Inovagri) porque gastam muita água, né?
    E da água que o sr. bebe? É da torneira ou “mineral”? Pois é, gasta-se 1,39l de água para produzir 1l de água mineral! (WayCarbon) E sabe o que mais? Mais 3l de água para cada embalagem PET de 500ml. Tomara que, assim como eu, o sr. esteja tomando água da torneira que é tão ou mais saudável (Readers Digest, Exame) e consome menos água* (!!!).
    E a gasolina do seu SUV, sabia que ela também demanda água para a produção? Pois é, do poço até a bomba são consumidos de 2,6 a 6,6l de água/l de gasolina (American Chemical Society página 5). Isso das fontes nos EUA e nas arábias, imagine em terras brasilis… Bem, além de queimar 2l (considerando um trajeto ida e volta de 16km e consumo de 8km/l) de hidrocarboneto e liberar ~4,7kg* de CO2 na atmosfera (Slate) você jogou, no mínimo, 5,2l de água no ralo!

    *Pera aí, como 2l (~1,5kg) de gasolina se transformam em quase 5kg de CO2? A reação química da queima da gasolina implica em combinação do carbono da gasolina com o oxigênio atmosférico.

    Comentário bem votado! Thumb up 10 Thumb down 1

    • zpedro

      [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

      Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 1 Thumb down 16

      • ALEKSANDRO

        o bom cliente sempre volta….
        obrigado pela sua audiência zpedro…

        Thumb up 3 Thumb down 0

      • ROBERT

        Aqui não é só uma questão ecologica e sim de inteligencia !O caos já esta formado ou voce ainda não percebeu?Voce não precisa esperar bater as botas para constatar isso.É uma questão matemática.Hoje as vias não comportam mais a quantidade de veiculos motorizados.Não estamos perseguindo os veiculos ,mas sim queremos que sejam usados de forma eficiente.Eu tenho carro e tento planejar as viagens que faço com ele.Temos que liberar as vias, principalmente ,para as pessoas necessitadas e ambulâncias.Realmente, como voce, infelizmente, muitas pessoas não tem o espirito de cidadania.

        Comentário bem votado! Thumb up 5 Thumb down 1

    • Renato

      Vocês ainda perdem tempo com esse Troll? O cara é um frustrado, precisa de atenção..

      Isso ai é falta de mulher, hehe

      Don´t feeds the trolls!

      Comentário bem votado! Thumb up 8 Thumb down 1

  • Robert

    Eu acho que todos os meios disponiveis devem ser aproveitados de forma a mais eficiente possivel .É claro que um veiculo motorizado além de ocupar espaço, pesa uma tonelada no mínimo , isso quando não vemos aquelas SUVs enormes de quase 2 toneladas ,naquele anda e para do transito.Como eu trabalho proximo da minha casa, é claro que acabei substituindo o carro pela bicicleta. Tempo gasto para ir ao trabalho bicicleta=6min , a pé=15min e carro= de 15min a 1 hora(HORARIO DE PICO).E isso sem falar no custo do estacionamento que é de R$ 400,00 mensais,
    economia de combustivel R$ 250,00 mensais , economia de manutenção R$ 250,00 , tempo economizado=R$ 3000,00 e fora a forma fisica e humor que estão ótimos.

    Comentário bem votado! Thumb up 7 Thumb down 3

    • zpedro

      [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

      Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 1 Thumb down 13

      • zpedro

        [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

        Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 1 Thumb down 15

      • ROBERT

        Sem duvida , voce tem todo o direito de ter uma SUV ou tambem um tanque de guerra.E voce tem todo o direito tambem de ficar parado no transito por mais de uma hora , curtindo sua SUV , e eu vou estar em casa relaxado tomando uma cerveja.KKKKK

        Comentário bem votado! Thumb up 5 Thumb down 1

        • zpedro

          [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

          Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 1 Thumb down 10

          • ALEKSANDRO

            muito obrigado pela sua audiência zpedro…

            Comentário bem votado! Thumb up 4 Thumb down 0

          • ROBERT

            Olha faz tempo que não tenho esta sensação de ficar parado no transito.Deve ser tão legal!E com um bilhão de carros no planeta voce ta preocupado com a agua da minha pequena lata de cerveja.Mas pode ficar tranquilo, que a minha parte para salvar o planeta eu estou fazendo.

            Thumb up 3 Thumb down 1

  • Adriano

    Sinceramente, achei meio exagerada a atitude da ciclista (antes que falem eu sou ciclista e ando de bike todo dia), o carro estava circulando pela ciclovia ou só entrou na ciclovia para virar a direita? se ele estava circulando, ai ele estava totalmente errado, dai concordo totalmente com a atitude da ciclista (já fiz o mesmo, tranquei a passagem de uma moto que estava circulando na ciclovia) mas se ele entrou já ciclovia já proximo a curva e não e não fechou nenhum ciclista, ainda esta errado, mas não é para tanto…

    menos pessoal! boa convivencia acima de tudo, o extremismo é ruim para ambos os lados.

    Thumb up 2 Thumb down 5

  • Adriano

    Tributar ainda mais…

    Nós ciclistas pagamos 33% do valor da bicicleta em impostos, se for importada chega a 78%. O cara que compra um carro para 30% e ainda tem gênios da imobilidade propor mais impostos.

    Como nós somos os que menos destrói o asfalto, pouco espaço ocupa nas cidades, poluímos pouquíssimo o meio ambiente, não contaminamos os pulmões alheios, promovemos a melhora da saúde e ajudamos a reduzir os gastos públicos com remédios/atendimento, deveríamos ser isentados dos impostos.

    Acordem moradores reacionários de São Paulo, no vídeo só existe uma cidadão civilizada, e ela está de bicicleta.

    Para a senhora Nicole que teme o ciclista “demente”, veja os dados dessa pesquisa feita pela CET e reveja seus conceitos:

    http://www.cetsp.com.br/media/294272/nt_232.pdf

    ou… continue na sua fortaleza de lata.

    Comentário bem votado! Thumb up 12 Thumb down 7

    • zpedro

      [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

      Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 6 Thumb down 26

      • Fabio Boni

        Logo percebo que vc não tem a menor ideia das bobagens que escreve. Caso vc não tenha lido os outros comentários, ciclista paga imposto sim, e muito mais do que vc paga qdo compra seu carro zero. Pois a aliquota é bem maior. Sei disso na pele, pq não sou apenas ciclista, tenho carro também. E não pretendo deixar de tê-lo.

        Agora qto a impostos como IPVA e DPVAT, não existe o menor fundamento em cobrar isso de um ciclista, já que o próprio nome diz, são impostos para veículos AUTOMOTORES e até onde eu sei bicicleta não se encaixa. Não têm motor!

        E não existe o menor sentido em cobrar, de quem danifica menos o asfalto, polui menos, causa menos acidente e ajuda a diminuir o trânsito.

        Quanto as multas a ciclistas elas se mostram inviáveis, a aplicação dessas multas não geraria receita e daria muito trabalho aos orgãos que fiscalizam, então a educação é o melhor caminho.

        Qto ao seu conceito de futuro melhor eu estou de pleno acordo com uma coisa: Uma pessoa com seu tipo de pensamento é melhor que não tenha filho mesmo e que não beba e que só saia de casa se necessário.

        Comentário bem votado! Thumb up 14 Thumb down 7

        • zpedro

          [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

          Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 6 Thumb down 17

          • Fabio Boni

            Eu não sei como eu posso ter lhe ofendido… se vc mesmo que deu a sua definição de um mundo melhor,
            eu apenas concordei com vc nesse ponto…

            Vc sabe o que significa isso: % é o símbolo de porcentagem. E a aliquota de uma bicicleta é percentualmente maior que o do carro. CLARO QUE O VALOR DO CARRO É MAIOR, mas o percentual da bike é maior.

            E o que tem a ver com o assunto se eu bebo, ou não ou se eu pago as contas dos meus filhos (que eu nem tenho) ou dos outros? Esse é o seu argumento? E sim eu saio de casa até qdo não preciso.. Isso se chama VIDA SOCIAL.

            Vai aprender o que significa IPVA antes de sair falando o que não sabe.

            Parei por aqui… seus “ARGUMENTOS” me deixaram sem vontade de continuar perdendo meu tempo.

            Comentário bem votado! Thumb up 13 Thumb down 7

          • zpedro

            [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

            Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 6 Thumb down 17

          • zpedro

            [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

            Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 6 Thumb down 14

        • Renato

          Meu, que cara chato!

          SP tem mais de 17.000km de vias pavimentadas para carros, ou seja, vias para tudo qto é lado e fica de mimimi porque vai perder alguns centimetros (sim, se o plano cicloviário de 400km for implantado totalmente, ainda assim os ciclistas terão apenas 2,3% de vias exclusivas perto dos 17.200 dos carros. Motorista chora de barriga cheia.

          Ciclista NÃO PAGA IPVA porque não tem 17.000 de vias exclusivas para ele…porque tem que pagar, se não tem seu espaço exclusivo?

          Oras, cidades como Berlim e Londres tem mais de 500km, sendo que boa parte foi implantada retirando espaço dos carros.

          Nova Iorque fez a mesma coisa e tem quase 700km. Foi a mesma chiadeira e o mesmo mimimi daqui. Carrocratas xiaram….

          Tokyo tem mais de 1000 km de ciclovias, sem contar os espaços compatilhados de pedestres com ciclovias….mesmo com o espaço superlimitado e com uma enorme rede metroferroviária com mais de 2.000km (metrô, trem, vlt, monotrilho somados)….

          Oras, todas essas cidades com malhas metroviárias enormes implantaram ciclovias pois sabem que só vias para carros ou só metrô sozinhos NÃO RESOLVEM NADA. Os carros já foram priorizados por decadas, agora é a vez do transporte publico e das bicicletas, é simples assim. Tendência mundial e QUEIRA VOCÊ OU NÃO, VAI TER QUE ACEITAR, POIS NADA PODERÁ FAZER PARA MUDAR ISSO.

          E se PAGAR IPVA te dá direito de falar algo, então os pedestres (que também tem mais de 17.000km de espaço exclusivo, (diga-se calçadas)para eles), também deveriam pagar imposto.

          Bicicleta NÃO paga imposto por motivos obvios. NÃO POLUI e é um transporte LIMPO e sustentavel.

          As ciclovias não estão sendo implantadas para OBRIGAR ninguém a deixar seu carro. Porém, sua ignorância faz pensar que todos os motoristas serão obrigados a usar a bike. Oras, qta ignorância….

          As ciclovias apenas estão sendo implantadas para atender a uma demanda reprimida ENORME que existe hoje na cidade, algo em torno de meio milhão de ciclistas que utilizam as bikes para ir e voltar de seus trabalhos diariamente….sim, como meio de transporte.

          Vai lá na ciclovia da Av.Brigadeiro faria Lima e fique um dia de semana inteiro lá. Vai ver nada mais, nada menos que 2 mil ciclistas passando por ela, indo e vindo. Ou seja, 2 mil carros a menos nas ruas. 2 mil usuários a menos no metrô, trem e ônibus.

          Nas periferias, o uso é ainda maior….mesmo sem malha cicloviaria….

          Agora vamos colocar os 500 mil ciclistas nos carros (considerando 1 pessoa por carro, já que é a maioria) para ver o transito virar um inferno sem precedentes…Então, nos poupe de seu ódio e rancor contra os ciclistas.

          E antes de vomitar asneiras aqui, agradeça a aqueles que deixaram seu carro em casa e passaram a ir de bike para o trabalho….

          Uma bike na rua = UM CARRO a menos.

          Comentário bem votado! Thumb up 15 Thumb down 6

      • Fabio

        E aonde que uma faixa para bicicletas tira seu direito de usar o carro?

        Comentário bem votado! Thumb up 12 Thumb down 6

      • Você está dizendo que o cidadão que paga mais impostos tem mais direitos civis do que quem paga pouco ou é isento deles e portanto deve ter prioridade no uso das ruas. É isso mesmo?

        Comentário bem votado! Thumb up 15 Thumb down 6

        • zpedro

          [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

          Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 5 Thumb down 16

        • zpedro

          [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

          Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 5 Thumb down 11

      • ALEKSANDRO

        Tudo é uma questão de princípios zpedro, para mim carro é bom para ir no mercado para fazer compra do mês, viajar para a praia ou para o interior, sair com mais de duas ou três pessoas, e bike é otíma em pequenos trajetos, ir trabalhar alguns dias da semana, sair do sedentárismo e conhecer ruas e trajetos mais calmos. Tenho carro e bike, mas não pegaria minha bike para atravessar as faixas de carro cruzando na frente dos carros em ruas onde tem ciclovia, e não acho que os 37% de imposto que pago na gasolina do meu C3 me dão o direito de invadir a ciclovia e por em risco os ciclistas, sabe???!!!. Pelo contrário, os espaços devem ser demarcados e ampliados para se ter respeito e conciencia. DEIXA DE SER MESQUINHO TIO, COMPARTILHA AS RUAS COMIGO QUANDO EU ESTIVER DE BIKE TB……..

        Polêmico. O que acha? Thumb up 7 Thumb down 5

        • zpedro

          [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

          Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 4 Thumb down 13

    • zpedro

      [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

      Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 6 Thumb down 19

      • Renato

        E dai? Cada um escolhe o transporte que achar mais conveniente. Eu prefiro usar a bike para trajetos curtos e acessar locais sem pegar carro. Ou alguma estação de metrô mais próxima. Economizo tempo, dinheiro e ainda me exercito, economizando também a academia.

        Boa sorte no transito enquanto eu chego em casa em 20 minutos, vc leva 2 horas….Faz o trajeto da Berrini até a prefeitura em 20 minutos no horário de pico da tarde. Quero ver chegar em menos de 1 hora. De bike, eu levo 28 minutos e não gasto nenhum centavo com gasolina.

        Ainda bem que logo logo seu comentário vai ficar oculto, ehehe

        Comentário bem votado! Thumb up 15 Thumb down 5

  • Nicole

    [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

    Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 9 Thumb down 43

    • Marcelo N

      Nicole

      Não sei onde você tem vivenciado situações como essas com ciclistas kamikases. Portanto te convido a pedalar comigo na ciclovia da Faria Lima em um dia de semana no horário de pico, local por onde passam cerca de 2000 ciclistas por dia.
      Não costumo encontrar esses 0,01% de playboyzinhos tocando o terror, não vejo ninguém atropelando pedestre(muito pelo contrário, as pessoas reduzem e respeitam a travesia de pedestres). Nos perigosos cruzamentos em U, cruzam com cuidado (caso contrário seriamos atropelados pelos “gentis e conscientes” motoristas de carro que cruzam sem olhar e em alta velocidade.

      Monte numa bike, conheça ciclistas, experimente a infra-estrutura. Te garanto 2 coisas:
      - Você passará a entender porque as vezes tomamos atitudes como a da ciclista de higienópolis
      - Você vai perceber que não é do ciclista que precisa ter medo.

      Venha conhecer um mundo que você não conhece. Enquanto isso, aceite meu conselho: sugiro que preserve sua imagem não repetindo leviandades como essas em público.
      E lembre-se: Respeite o ciclista e não trafegue em ciclovia

      Boa sorte!

      Comentário bem votado! Thumb up 20 Thumb down 7

      • zpedro

        [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

        Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 7 Thumb down 20

      • Anna M Magalhães

        Pois é, né? Várias pessoas já morrerem atropeladas por bikes e hoje (7 out 2015) na Faria Lima uma senhora foi atropelada e teve traumatismo craniano, ainda não se sabe se ela vai sobreviver.

        Thumb up 1 Thumb down 0

    • Nicole… a motorista jumenta em questão estava na ciclovia. Ela perdeu toda a razão. Já tentou dirigir seu carrinho numa ferrovia e buzinar pra ver se o maquinista sai da frente?

      Comentário bem votado! Thumb up 21 Thumb down 7

  • Daniel

    [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

    Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 10 Thumb down 28

    • Fabio

      Daniel, concordo plenamente com a parte em que vc fala sobre punir ciclistas infratores, todo mundo que não se comporta no trânsito deve ser punido. Já sobre tributar o ciclista como o motorista de carro discordo totalmente. Saudações!

      Comentário bem votado! Thumb up 14 Thumb down 7

    • Fabio Boni

      Tributar o ciclista?? Essa é a maior besteira que já li. É uma ideia tão absurda e estapafúrdia quanto aquelas que são apresentadas por quem é contra as ciclovias.

      Comentário bem votado! Thumb up 18 Thumb down 7

      • zpedro

        [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

        Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 7 Thumb down 16

    • Anderson

      Vamos analisar, aumentar a fiscalização de ciclistas salvaria quantas vidas no transito? E aumentar a fiscalização de veículos automotores, salvaria quantas vidas?

      Polêmico. O que acha? Thumb up 9 Thumb down 7

      • Daniel

        Bom, meu avô de 82 anos que mora em Santos estava atravessando a rua NA FAIXA DE PEDESTRES quando foi atingido por um biker. Ficou 10 SEMANAS de cama e com várias dores e mais dificuldades de movimentação e locomoção. O ciclista é claro nem parou para socorrer meu vô.
        E por exemplo em Barcelona, onde já vivi, um dos meus amigos brasileiros tomou multa por DIREÇÃO PERIGOSA da bicicleta NA CICLOVIA da cidade. A multa é civil, não cabe ao departamento de trânsito. Isso faz parte da EDUCAÇÃO ao ciclista, e não é uma forma vampira de arrecadação como os famigerados radares de SP.
        Vocês ficam comparando a bike com os carros mas a maior parte da minha bronca é por ser desrespeitado como PEDESTRE, seja na calçada ou na faixa de pedestres.
        Sobre os impostos, é um meio de locomoção, divide o asfalto com os outros meios, tem em certos pontos necessidade de organização da CET (quem paga?), etc. O motorista do automóvel não paga apenas IPVA e licenciamento. Na gasolina por exemplo também há imposto para manutenção das ruas e avenidas.
        Quer direitos? Siga suas responsabilidades.

        Polêmico. O que acha? Thumb up 7 Thumb down 5

    • sandra valente

      Bem, tenho 62 anos e não ando de bicicleta. Gostaria que os ciclistas, com todo respeito e admiração que tenho pela sua coragem de enfrentar o oceano de carros que circulam pela cidade, procurassem entender o outro lado da questão e ouvir opiniões contrarias às suas ou, criticas construtivas. Enfrentar agressivamente esta questão poderá por em risco os próprios ciclistas, pois são isoladamente, muito vulneráveis. Voces imaginam que todas as gerações a partir de 1950 estruturaram as suas vidas pessoais e profissionais em cima da eficiência que o automóvel proporcionava? Se contarmos 10 anos para cada geração, isso dá quase seis. Pois bem, as razões para isso estão calcadas em politicas rodoviaristas e automobilísticas, sobre as quais a cidade de São Paulo e depois o resto do pais se desenvolveu. Transporte coletivo? Nunca se deu muita importância, sempre foi deficitário,portanto não havia escolha! Bicicletas?, sim usávamos nos bairros, para ir a escola ou ao clube. A cidade não era tão perigosa. Mas quando saiamos para a Universidade e depois para as carreiras profissionais, em outros distritos, não havia condições. Nem transporte suficiente. Em 1970 gastava 2:30 horas para chegar de ônibus do Pari à Cidade Universitária. Trens? – abandonados à própria sorte! Alguns profissionais, com horários mais fixos até encaravam “a condução”, mas profissionais liberais, prestadores de serviços, vendedores e incontáveis outras atividades, dependiam de carros para poder desempenhar suas tarefas. Sem contar os filhos pequenos, com as milhares de atividades impostas pela sociedade, outros cursos de aperfeiçoamento, o lazer com a família. E, a cidade cresceu alem de suas fronteiras. Perdeu a relação local, de bairro, passou a ser “passagem’ de milhões. Periferias cresceram (aliás como andam as ciclovias ou faixas nas periferias?) De repente, pronto! Todos os que andam de automóvel viraram bandidos! Neste pais é assim. Toma-se uma decisão inovadora e quem não entra é bandido. Sinceramente, vocês acham que pessoas da minha idade (e hoje já são muitas) poderiam resolver seu dia a dia de bicicleta, aqui em São Paulo? E os deficientes de locomoção. E aqueles que carregam equipamentos ou produtos em seus veículos, médicos, executivos? Voces acham que um modo de vida se muda de um dia para outro? não é só mentalidade – isso também leva tempo para ser assimilado.Imaginem que em menos de um ano resolveu-se espremer todos os automóveis entre uma faixa de ônibus exclusiva, à direita (a faixa mais lenta) e uma ciclo faixa à esquerda (a faixa mais veloz), considerando-se que mesmo sem isso já não cabiam nas ruas e avenidas! Imaginem o estado emocional desses motoristas oprimidos por “faixas” coloridas aleatórias, muitas vezes vazias ou quase, presos em congestionamentos homéricos, constantemente atrasados, sem conseguir cumprir seus compromissos diários, de uma hora para outra. Esta vibração negativa pode virar um perigo, sujeita a explodir por qualquer razão banal! Então sugiro que os ciclistas tratem os carro-dependentes sem provocações, com a mesma gentileza e respeito que gostariam de ser tratados e até mesmo com uma certa deferência, já que infelizmente, posso apostar, quase todos gostariam de estar fazendo, exatamente o que voces estão …..andando de bicicleta! e, não conseguem!!

      Polêmico. O que acha? Thumb up 8 Thumb down 9

      • Marcelo N

        Sandra

        bla bla bla bla “estado emocional do motorista oprimido por faixas coloridas”, bla bla bla “sem conseguir cumprir com seus compromissos diários…”

        Tá com pressa, vá de bike!

        Evolve or die !

        Polêmico. O que acha? Thumb up 9 Thumb down 11

        • Daniel

          [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

          Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 7 Thumb down 13

          • Marcelo N

            Daniel
            Leia meus outros comentarios e verá que está enganado

            Vindo de um cara que diz que ciclista deve pagar imposto, a gente sabe quem é o fascista.
            Quem pedala sabe que a vasta maioria dos ciclistas na cidade de Sao Paulo trafega de maneir correta e se sobem na calçada é porque existem trechos extremamente perigosos nas ruas.

            Evolve or die !

            Polêmico. O que acha? Thumb up 8 Thumb down 6

      • Fabio

        Hoje temos mais ou menos 300 kms de faixas de ônibus, ainda não passamos de 100kms de ciclovias, e mais de 17 000kms de faixas para carros particulares, e os privilegiados ainda vem se colocar como vítimas e dizer que tirar uma fatia irrelevante do privilégio deles é tratar como “bandidos”? É nisso que dá mimar apenas um grupo durante 6 (ou mais) gerações.

        Comentário bem votado! Thumb up 14 Thumb down 8

      • Thiago

        Esse vai pro ‘classe-média sofre”

        Polêmico. O que acha? Thumb up 8 Thumb down 6

        • zpedro

          [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

          Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 6 Thumb down 13

          • Renato

            Porque o PSDB só governa para os ricos….e você é um reflexo disso, o PT sempre deu mais atenção ao transporte publico e as classes mais pobres, enquanto que o PSDB só pensa em fazer rodovias e vias para mais carros…

            Polêmico. O que acha? Thumb up 7 Thumb down 6

          • zzpedro

            Alguém falou em ricos? E de que PT você está falando, o do IPI ZERO? Quer pedalar, vá para Holanda, e se gosta do PT, vá pra MG ou algum outro estado governado por ele.

            Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 9

      • Sandra, sabemos que usar a bicicleta não é uma escolha que todos gostariam ou poderiam fazer. Só o que pedimos é que quem a faz tenha esse direito e a sua vida respeitados. Se houve desrespeito no vídeo, não foi da ciclista, que apenas se recusou a sair do seu espaço de circulação de direito, sendo que para isso teria que avançar na contramão pela via apenas para promover a comodidade da pessoa que estava no carro. Não seria muito justo, concorda? Grande abraço.

        Polêmico. O que acha? Thumb up 7 Thumb down 6

      • Anna M Magalhães

        Sandra, você disse tudo.
        Ignore este “bla bla bla” do Marcelo N. Ele não sabe o que fala.

        Thumb up 0 Thumb down 0

  • Ricardo

    Tenho medo que algum dia um doido (neurótico de trânsito) atropele propositadamente, é bom ficarmos atentos!

    Polêmico. O que acha? Thumb up 7 Thumb down 6

    • Thiago

      Isso já me aconteceu, mas não me machuquei. Fiz B.O., o escrivão disse que seríamos chamados a depor. Isso foi em agosto de 2011, até agora não fui chamado. País do faz-de-conta.

      Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 7

  • Ricardo

    Na verdade é esquina com a Av Angélica!

    Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 6

  • Marcelo N

    Willian

    Me deparo quase que diariamente com esse problema. Utilizo cerca de 2km de ciclovia nova na ida e volta do trabalho e sempre tem gente trafegado na ciclovia ou parado nela esperando alguem (rua prof. Artur Ramos na Vila Olímpia). Tenho fotografado esse motoristas para resgitro da placa mas sem nenhum efeito legal. Conhece algum mecanismo legal para que se possa punir esses motoristas através das fotografias? Alguma coisa tem que ser feita porque nao podemos nós ciclistas colocarmos nossa segurança em risco toda vez que nos confrontamos com isso. E se o CET nao aceita fotos e vídeos como prova para multa, temos que nos mobilizar para que comecem a aceitar. Temos em nosso poder câmeras de foto e vídeo e precisamos utiliza lãs para fiscalizar esses motoristas. Por mais que a prefeitura diga que coloque a GCM e o CET pra fiscalizar, na pratica isso nao ocorre de forma adequada. O que podemos fazer pra tornar o ciclista comum um fiscal do transito ? Vamos agir ! Abraço

    Polêmico. O que acha? Thumb up 7 Thumb down 7

    • zpedro

      Bora tirar foto de ciclista folgado andando na calçada.

      Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 8

      • Marcelo N

        zpedro

        Puta cara mala vocë, hein !

        Está aqui um site que é a sua cara. Sugiro participar das conversas la

        http://autoentusiastas.com.br/

        Aqui você pode descarregar toda a sua raiva auto-fascista em ciclistas-bomba, em pedestres suicidas, em usuários egoístas de transporte publico, enfim, em todos esses que atrapalham o progresso e desenvolvimento de nossa fantástica sociedade auto-dependente.

        Você me dá pena.
        Sai pro mundo e aprende alguma coisa na vida ao invés de ficar latindo asneira em site de gente inteligente e do bem

        Mané!

        Polêmico. O que acha? Thumb up 8 Thumb down 6

        • zpedro

          [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

          Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 6 Thumb down 11

        • zpedro

          [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

          Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 5 Thumb down 10

          • Marcelo N

            Não acredito que esse zpedro seja de verdade.
            Só pode ser pegadinha

            Fala aí, Willian, aposto que é um fake antagônico seu só pra criar polêmica

            Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 6

          • zpedro, obrigado pela audiência! ^^

            Polêmico. O que acha? Thumb up 9 Thumb down 6

          • zpedro

            [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

            Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 5 Thumb down 11

          • zpedro

            Se qualquer programa lixo de tv tem audiência hoje, por que este blog medíocre não teria?

            Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 10

        • Fabio

          Marcelo N, seu link acaba de estragar meu dia.
          O pior é que não consigo parar mais de ler as atrocidades desse site para ver até que ponto chega a estupidez deles.

          Polêmico. O que acha? Thumb up 5 Thumb down 6

          • Marcelo N

            Ok zpedro

            Aproveite seu carro, expresse seu desejo de mudança nas urnas, participe de blogs de auto-entusistas, expresse suas opiniões e tudo mais a que você tem direito como cidadão que paga IPVA.

            Mas ao encontrar um ciclista na rua, respeite, dê a distância segura prevista no CBT (1,5m), reduza a velocidade, dê preferência, respeite o pedestre- não mate no trânsito. Mantenha seu ódio restrito ao ambiente seguro e anônimo de um blog, é melhor para todos.

            Não mate alguém na rua para expressar sua opinião política, pois um pai ou mãe de família que elegeram a bicicleta como meio de transporte não devem pagar pelo seu ódio. E você não quer carregar uma morte na consciência, não é mesmo?

            Como você mesmo disse – “até programa porcaria na TV dá ibope” – portanto chega de dar ibope à você

            Um excelente restante de vida à você e pra todos que fo da sua familia!

            Polêmico. O que acha? Thumb up 7 Thumb down 5

          • zpedro

            [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

            Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 4 Thumb down 10

          • zzpedro

            Eu é que não consigo parar de ler as bobagens que vocês escrevem. Mas tenho que protestar sobre a ciclocracia que estão tentando implantar em são Paulo. Mas ela está trazendo algum benefício, a derrocada de um certo “partidão” político (que virou partidinho).

            Polêmico. O que acha? Thumb up 5 Thumb down 7

          • zzpedro

            Sem contar que, quem não pode ter carro, pode usar a calçada (que há em toda rua) para andar a pé, o que é mais saudável e sustentável

            Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 7

          • Renato

            Pessoal? Don´t feeds the trolls.

            Polêmico. O que acha? Thumb up 5 Thumb down 5

  • É fácil fechar um ciclista numa ciclovia. Quero ver fechar um trem numa ferrovia! Motorista covarde essa…

    Comentário bem votado! Thumb up 23 Thumb down 7

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>