Bicicletas rebaixadas

Bicicletas rebaixadas sendo exibidas na Avenida Paulista, em São Paulo. Foto: Ivson Miranda

Você já viu bicicletas rebaixadas? São bikes que passam por reformas, com encurtamento e substituição de peças, para ficarem próximas ao chão.

Muitas são feitas com quadros full suspension, retirando a mola e fixando o conjunto, para que a roda traseira suba. Outras têm partes cortadas e soldadas novamente. A coroa geralmente é pequena, para que não toque o chão. A bicicleta é tão baixa que não precisa de descanso (o famoso pezinho): ela fica apoiada no próprio pedal.

E se elas andam? Claro que andam! Essa galera percorre muitos quilômetros para se encontrar e exibir suas obras de arte. Colocamos um vídeo no final dessa página mostrando um close de uma delas sendo pedalada (logo abaixo da galeria de fotos).

No Youtube você encontra muitos vídeos de bicicletas rebaixadas. Há várias páginas no Facebook dedicadas a esse tipo de bicicleta, como a Bike’s Rebaixadas, com 80 mil seguidores (ago/2017). E se você tem curiosidade de saber como fazem essas bicicletas, nesse site encontramos um pequeno tutorial para adaptar uma full suspension.

E você, pedalaria uma dessas? 😀 Comente!

As fotos são do Ivson Miranda, que acompanhou um desses encontros em São Paulo, criando o álbum “Rebaixadas – 27.08.17”, que reproduzimos aqui com sua autorização. Obrigado, Ivson!

Veja este álbum no Facebook.


7 comentários para Bicicletas rebaixadas

  • gustavo

    Simplesmente uns idiotas as pessoas que nao respeitam o gosto dos outros , nao entendem que nao é apenas uma biciceta que voce compra pronta , e sim uma bicicleta que demora anos até deixar com o gosto certo , parabens aos rapases das bikes!

    Comentário bem votado! Thumb up 7 Thumb down 0

  • Emerson

    Maria Luciani

    Tem certeza que não pegou amigo procure direitinho pois acho que esta errado…Pagamos em media 100 a 300 reais em um quadro dependendo 1000 em peças fora as soldas.Mas ver alguém bolado por ver nossas obras de arte SIMPLESMENTE NÃO TEM PREÇO cada um com seu gosto né Passar bem com sua bike alta

    Thumb up 3 Thumb down 1

  • Fabiano Monteiro Rocha

    Na minha opinião esse designer não favorece em nada a pedalada, pois além de prejudicar a articulação do joelho, pode ocasionar várias quedas, afinal as ruas do país possuem várias lombadas e desníveis.

    Polêmico. O que acha? Thumb up 6 Thumb down 5

  • maria luciani

    [Comentário oculto devido a baixa votação. Clique para ler.]

    Esse comentário não tem feito muito sucesso. Thumb up 6 Thumb down 11

    • Emerson

      Tem certeza que não pegou amigo procure direitinho pois acho que esta errado…Pagamos em media 100 a 300 reais em um quadro dependendo 1000 em peças fora as soldas.Mas ver alguém bolado por ver nossas obras de arte SIMPLESMENTE NÃO TEM PREÇO cada um com seu gosto né Passar bem com sua bike alta

      Comentário bem votado! Thumb up 5 Thumb down 0

    • Efraim

      Sem noção nada!!! Fazemos isso porque queremos ser diferentes dos outros e sair na rua com uma coisa que é mais que uma bike ou um carro. Enquanto você sai na rua com um carro e uma bicicleta comum que é igual a quase todos os outros(as) nós saímos com algo diferente e que ninguém tem igual. Cada bike rebaixada ou carro carrega o DNA do dono pois o mesmo investe muito dinheiro para deixar ele(a) como quer.Eu investi mais de R$1500,00 na minha bike e posso dizer além de arrancar olhares arranco também muitos elogios. E você? Acho que não tira nada de elogio de ninguém pois só tem uma coisa que é igual a de todo mundo e nós não, somos diferentes e é isso que incomoda muitos a nossa vontade de ser diferente!

      Thumb up 3 Thumb down 1

Enviar resposta

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>