É oficial: a fluidez é mais importante que a vida

Ontem, 31 de março, foi realizado na Associação Paulista do Ministério Público o evento “Circulação e Trânsito“. Entre os debatedores, o secretário municipal de transportes Alexandre de Moraes, que acumula também os cargos de presidente da CET e da SPTrans.

Vendo como pensa o secretário, entende-se facilmente por que é que a CET se importa apenas com o fluxo de automóveis, deixando a mobilidade e a segurança dos 70% restantes da população paulistana em segundo plano, e por que o transporte público não recebe a atenção e o investimento que merece para se tornar uma alternativa melhor que o carro.

No site EcoUrbana há um relato sobre o evento, que mostra o posicionamento do secretário frente à questão dos congestionamentos e seu entendimento de prioridades. O secretário acredita que a fluidez é mais improtante que a vida das pessoas, considera os donos de automóveis como a única parcela da sociedade que importa atender e diz que quem causa trânsito em São Paulo são os caminhões (veja aqui por que o rodízio de caminhões não resolve nada).

Abaixo, algumas frases do secretário, para que o leitor deste blog tire suas próprias conclusões.

Há medidas para ampliar a segurança, mas não implantamos pois prejudicam o trânsito.
Alexandre de Moraes,
no evento “Circulação e Trânsito”
“Os motoristas de carro se negaram a aceitar isso [faixa de motos na 23 de maio] e não tem legitimidade o poder público impor algo que a sociedade não quer”
Alexandre de Moraes,
no evento “Circulação e Trânsito”
Acidentes com vítima causam muita lentidão. Quando a pessoa morre, demora para a pista ser liberada. Tem de esperar a perícia chegar, e às vezes isso para todo o trânsito. O impacto de um acidente com morte é o mesmo de um veículo quebrado.
Alexandre de Moraes,
em entrevista à revista Veja

Obs.: Hoje é primeiro de abril, mas infelizmente esse post não é de mentira. Bem que essas frases poderiam ser apenas uma brincadeira de mal gosto.

20 comentários em “É oficial: a fluidez é mais importante que a vida

  1. É revoltante ler frases como essa, de pessoas – aparentemente esclarecidas – ocupando cargos públicos de importância, que acham que o trânsito se resume ao automóvel.

    Ao mesmo tempo é muito gratificante ler blogs como esse. Parabéns. Estou propagando a ideia do blog pra vários amigos. Abraço.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  2. É o tipo de coisa que leio uma, duas ou até três vezes antes de balançar a cabeça..
    Ele vive em outro mundo, outra realidade… não aqui na Terra, certamente.

    Thumb up 0 Thumb down 0

  3. Brincadeira de mal gosto é um babaca desses se dizer secretário, e eu ter que ler tamanha asneira que um ruminante desses diz numa droga de evento.

    Thumb up 0 Thumb down 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *