Livre-se dos congestionamentos

Apoie nosso trabalho,
doe um libre!

Imagem: Rachel Schein/José Renato Bergo, reprodução

Leia também
Bicicletas não atrapalham o trânsito

De bicicleta, sinal verde é sinal verde

Passar pelo congestionamento como se não fosse nada

Produzido por Rachel Schein e José Renato Bergo, o vídeo abaixo mostra o que acontece com a cidade de São Paulo depois de meia hora de chuva – e como contornar essa situação.

Se você achou muito grande a extensão do congestionamento citada no vídeo, saiba que essa quilometragem refere-se à medida oficial, divulgada pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego). E como a companhia não monitora todas as vias da cidade, o engarrafamento real costuma ter quase o dobro do tamanho, segundo a medição da empresa MapLink.

Cobre da Prefeitura e do órgão de trânsito de sua cidade uma melhoria real no trânsito. E isso não se consegue com alargamento de avenidas e construção de viadutos, que só incentivam mais pessoas a adotarem o carro. Cobre medidas que não priorizem o deslocamento por automóvel, quebrando o círculo vicioso: mais carros -> mais avenidas -> mais carros.

Priorização do transporte público, valorização e garantia do direito de usar a bicicleta e desincentivo ao uso do carro, com medidas impopulares como o pedágio urbano, se tornam cada vez mais urgentes. Ou continuaremos aceitando os congestionamentos, que são o efeito colateral mais visível da política de priorização do automóvel – além dos outros que não percebemos, mas que afetam nosso bolso e nossa saúde).

Não seja escravo do trânsito: vá de bike.

Gostou da matéria? Doe um libre
e ajude nosso projeto a continuar!

11 comentários para Livre-se dos congestionamentos

  • Bom dia

    Ola bom dia ! Sou de Juqueí (litoral norte paulista), e moro em sampa á 13 anos. E utilizo a bike desde 2002, porque sempre achei o transito da cidade caótico, e hoje eu percebo (depois de 11 anos pedalando), que os movimentos de ONGs e grupos de ciclotivistas cresceram bastante, além do numero de pessoas que utilizam a bike como meio de transporte. Acho isso bacana. E percebi tbm que os motoristas mudaram o comportamento com os ciclistas, sei que tem muito á melhorar, porém, já foi bem pior. É claro que eu tbm discordo de algumas atitudes de vários ciclistas, como por exemplo, ficar segurando o transito por longo espaço de tempo e distância, sabemos que através de gestos, podemos agilizar e ao mesmo tempo compactuar a ‘boa convivência com os motoristas’. Meu nome é Emiliano,moro no Ipiranga e trabalho na Rebouças 1700, num escritório político do Partido Verde, e é a primeira vez que vejo o seu site, e gostaria de saber, o que eu posso fazer para a ajudar a propagar ainda mais o uso de bikes nessa cidade que amei desde qdo cheguei. Abraços! 9-9585-5508 vivo.

    Thumb up 2 Thumb down 0

    • Willian Cruz

      Emiliano, fique atento às manifestações, palestras e eventos que publicamos na nossa fan page no Facebook: http://fb.com/VaDeBike

      Outra maneira é participar de associações como a Ciclocidade e tentar contato direto com o poder público (vereadores, deputados, senadores, etc.), além de sugerir à imprensa matérias que abordem o tema e de divulgar as informações que encontra aqui no site.

      Grande abraço

      Thumb up 2 Thumb down 0

  • Rodrigo

    Estou desenvolvendo um projeto para a cidade de São Paulo, onde o ciclista é o foco.
    Pensando nisso, desenvolvi um questionário, tudo bem se eu o divulgar por aqui Willian? É um questionário pequeno, possui apenas 8 perguntas.
    Gostaria de solicitar a ajuda dos amigos ciclistas para responder e divulgar a pesquisa. Como estou fazendo este estudo todo sozinho estou utilizando o ste do SurveyMonkey para me auxiliar com o questionário. O link é http://www.surveymonkey.com/s/Z9YJSF7.

    Gostaria de explicar o projeto, aos interessados por favor, entre em contato pelo e-mail ro7verde@hotmail.com

    Obrigado!

    Thumb up 1 Thumb down 1

  • Reinaldo

    Com certeza… parabéns pela matéria. Bike é a solução mais saudável, países desenvolvidos já mudaram sua política em relação a isso. Aqui ainda falta os governos darem mais atenção como por exemplo colocar em prática a construção de novas ciclovias e ciclofaixas que atendam todos os dias e não só aos domingos; e as pessoas se conscientizarem de que bike é um veículo que deve ser respeitado como meio de mobilidade urbana e que não só para lazer. Pra quem curte, seguem outros links relacionados: http://www.youtube.com/watch?v=ex3VBY0Opok&feature=related
    http://vadebike.org/2004/08/o-que-o-codigo-de/
    http://canais.fitnoss.com.br/ciclismo/alexandre-garcia-bicicleta-nao-pode-ser-um-meio-de-morte http://www.youtube.com/watch?v=ZLmrIdr7qfE
    https://www.facebook.com/groups/bicicletadadiaria/

    Thumb up 1 Thumb down 1

  • Matheus Pereira

    Me parece que, ao menos aqui em Hortolândia, as pessoas estão começando a tomar consciência da bicicleta como solução ao automóvel.Depois da criação de ciclovias que cortam grande parte da cidade(mesmo com má pavimentação) as pessoas criaram coragem para ir ao centro e ás empresas de bike.A prefeitura “criou demanda’ e a população agora t~em usado muito a bike.Até em bairros sem ciclovia, como o meu, o número de ciclistas cresceu absurdamente.E o perfil deles também mudou:passaram de crianças e adolescentes passeando para adultos, jovens e idosos indo trabalhar, estudar etc.Eu estoou esperando a entrega da minha bike e logo estarei a engrossar essa lista.

    Thumb up 2 Thumb down 0

  • Zé Ovo

    excelente video, nota 10

    Thumb up 3 Thumb down 0

  • Marcelo Pirchio

    Isso mesmo, nos dias de hoje o assunto é mobilidade hurbana. São Paulo chegou num caus e São Caetano também, eu trabalho e moro em São Caetano Para eu voltar do trabalho pra casa de carro demoro 18 minutos e de bike só 7 minutos,eu sou candidato a vereador de São Caetano sou o primeiro a fazer um projeto de ciclovias e bicicletários registrado em cartório. A coisa está ficando feia!!!

    Thumb up 3 Thumb down 0

  • Rose Herculano

    É lamentável ver que o ser humano ainda teme sair da zona de conforto…só sendo muito teimoso ou idiota pra não enxergar que as bikes estão aí como parte da solução para os problemas do trânsito!

    Thumb up 3 Thumb down 1

  • Netto

    Chega a ser absurdo isso. Quem dirige aceita e até acha normal ficar travado no meio do transito por horas, mas condenam se vc diz usar a bike. Isso é questão de mobilidade, chegar a onde eu quero em menos tempo e fora o transporte publico (que precisa melhorar muito) a bicicleta é a melhor opção. Tem motorista que ainda tira sarro dizendo “ah tá chovendo agora pq vcs naum vão de bicicleta, é bom né?” Na boa, prefiro ir chovendo, usando capa e tal, de bike do que ficar protegido dentro do carro e levar horas pra andar poucos metros. Só lamento.

    Comentário bem votado! Thumb up 9 Thumb down 0

Enviar resposta

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>