Trens do Rio de Janeiro já aceitam bicicletas durante a semana

Ciclistas podem transportar bicicletas nos trens da Supervia também durante a semana, a partir das 21h. Foto: Programa Rio Estado da Bicicleta

Ciclistas podem transportar bicicletas nos trens da Supervia também durante a semana, a partir das 21h. Foto: Programa Rio Estado da Bicicleta

Usuários de trens no Rio de Janeiro já podem embarcar com suas bicicletas nos dias de semana a partir de 21h. A liberação passou a valer em 13 de outubro e as bicicletas deverão ocupar o último vagão. A nova regra amplia a integração do centro e da zona sul aos bairros da zona norte e cidades da baixada fluminense, como Duque de Caxias e Belford Roxo.

“Foi um ganho para a sociedade do Rio de Janeiro, que agora pode contar com o transporte integrado do metrô e dos trens urbanos. Existem projetos em desenvolvimento que mudarão o cenário da cidade, como a revitalização da zona portuária, onde será implementada uma ciclovia”, aponta Mauro Tavares, coordenador do Programa Rio Estado da Bicicleta.

Site da Supervia informa novos horários. Imagem: Reprodução

Site da Supervia informa novos horários. Imagem: Reprodução

Desde 2012 o acesso de bicicletas é liberado aos sábados a partir de 14h e domingos e feriados ao longo de todo o dia. A ciclista Fabrizia Amaral, que participou da viagem inaugural e também é integrante da Comissão de Defesa de Ciclistas do Estado do Rio de Janeiro, celebra a conquista e diz que a utilização dos trens nos dias de semana é muito importante para quem volta pedalando pra casa à noite e precisa passar por áreas remotas da cidade.

Metrô

Em setembro, o acesso de bicicletas nos dias de semana foi liberado aos usuários do metrô. O coletivo de ciclistas Rio Bike Club promoveu uma campanha na internet para chamar atenção das autoridades responsáveis para a necessidade dos usuários de bicicleta. “Conseguimos com o metrô e imediatamente lançamos a campanha para que a Supervia, empresa que administras os trens, fizesse o mesmo. Conseguimos a liberação também nos trens e estamos na expectativa de que os horários sejam equiparados também aos sábados, pois existem muitas atividades nas cidades de Paracambi e Guapimirim, regiões de serra, que poderíamos participar chegando de trem no início da manhã”, diz o operador de computador Luiz Antônio Correa, integrante do coletivo.

O metrô carioca permite acesso total de bicicletas aos sábados e o desejo dos ciclistas é de que essa política também seja adotada para os trens. A assessoria da Supervia foi consultada e informou que o processo para equiparação de horários está em análise e que será feito um estudo sobre essa demanda.


3 comentários para Trens do Rio de Janeiro já aceitam bicicletas durante a semana

  • Finalmente uma ação que favorece os ciclistas dos bairros suburbanos aqui do Rio! Na época em que fazia faculdade no centro da cidade, voltava pedalando de noite por não poder botar a bike no trem. Agora pode, e eu sei quanta gente vai ser favorecida com isso! Ainda que aos poucos mas as coisas vão mudando pra melhor.

    Thumb up 1 Thumb down 0

  • marcelo_X

    O ultimo vagão deveria não ter bancos. Em todas as composiçoes. Assim sempre teria o vagão para ir de pé ou com a bike ao lado em qualquer horário.

    Thumb up 1 Thumb down 1

  • Walescko Chimendes

    Excelente iniciativa da Supervia essa, mas ainda assim, como muitos lugares do Brasil temos uma visão ainda retrógrada sobre o uso da bicicleta e muitos ainda não veem ela como uma forma de transporte eficiente.

    Sou morador de Esteio, cidade próxima a Porto Alegre/RS, onde existe a Linha 1 da Trensurb que desde 2008 vem permitindo o transporte de bicicletas nos trens, antes com somente aos domingos, mas com o tempo todos os dias da semana, mas com restrições, com domingos e feriados liberados o dia todo.

    De segunda a sábado, podemos embarcar nos trens com as magrelas em horários restritos (9h30min-11h, 14h16h e após 21h), horários esses que poderiam ser mais extendidos ao dia todo, mas já temos um boa abrangência de horários.

    Os trens mais antidos, 25 trens, somente um possui área exclusiva para as bicicletas, e os novos trens, já foram projetados com espaço exclusivo para as bicicletas, o que foi uma grande conquista já.

    abraço.

    Thumb up 2 Thumb down 0

Enviar resposta

  

  

  

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>