Como os holandeses conseguiram suas ciclovias

Saiba como a Holanda evoluiu da paisagem dominada por carros à estrutura cicloviária atual, servindo como modelo e inspiração para mudarmos nossas cidades

Ciclovia ns Holanda de hoje. Imagem: Dutch Cycling Embassy/Reprodução
Ciclovia na Holanda de hoje. Imagem: Dutch Cycling Embassy/Reprodução
Avenida holandesa no final dos anos 50: sem ciclovias e com carros dominando a paisagem. Alguma semelhança? Imagem: Dutch Cycling Embassy/Reprodução

A Holanda é sempre citada como exemplo de infraestrutura cicloviária e de uso da bicicleta. Boa parte da população se utiliza desse meio de transporte, a prioridade é dela até no planejamento das cidades e o carro é pouco utilizado.

Ora, mas o Brasil não é a Holanda. Aqui todos usam carro, não dá pra fazer nada sem ele. E lá sempre houve ciclovias! Certo? Errado.

Assista ao vídeo abaixo, traduzido por Joni Hoppen, da Holland Alumni Network (obrigado, Joni!). Ele conta como a Holanda conseguiu chegar na rede cicloviária exemplar que possui hoje e mostra que o país já teve muitos carros circulando em suas ruas e quase nenhum espaço para as bicicletas.

E o que aconteceu por lá? Pressão popular! Se cobrarmos da maneira correta as soluções corretas, poderemos chegar lá.

Podemos nos tornar tão cicláveis quanto a Holanda. Só depende de nós.

Veja também
As crianças que trouxeram vida às ruas de Amsterdam
Como tornar uma cidade amiga da bicicleta: lições de Sevilha
Nossas cidades podem mudar para melhor hoje mesmo – e sem gastar muito
Evolução da bicicleta em NY mostra semelhanças impressionantes com a experiência paulistana

19 comentários em “Como os holandeses conseguiram suas ciclovias

  1. Muito bom mesmo de agora em diante sei oque fazer a informacao foi muito importante,pq tem que ter um ponto de partida e acho que o começo está sendo dado,acho que daqui para frente teremos mudanças.Obrigada.

    Thumb up 3 Thumb down 0

  2. Excelente trabalho. Repassando para amigos que ainda tem a mentalidade míope de que Sampa não pode comportar bicicletas. Vou trabalhar de bike grande parte da semana. Abs.

    Comentário bem votado! Thumb up 5 Thumb down 0

  3. Enquanto não encontrarmos um sistema de informação que realoca as pessoas para que vivam mais perto de seu trabalho, todas elas terão que se transportar de algum modo e se cruzar todos os dias nas ruas dos seus destinos. Enquanto esse dia não chega, o que nos resta é deixar as que sementes (ideias) voem com vento (internet) e encontrem terreno fértil no coração de pessoas que querem reinventar suas vidas, suas cidades e o mundo” Um Fraiburguense sonhador em São Paulo 2011.

    Comentário bem votado! Thumb up 4 Thumb down 0

  4. Muito bom esse vídeo. A “doença holandesa”, ou o petroleo levou o país a ficar “rico” mas só de fachada.

    Acabou o petróleo e a coisa toda estragou, o país ficou pobre também de uma hora para outra.

    Lembra um pouco o tal “pré-sal” brasileiro.

    Antes que aconteça a “doença do brazuca” é melhor prevenir fazendo a coisa certa na hora certa.

    Comentário bem votado! Thumb up 9 Thumb down 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *