Ciclista pedala de máscara na Avenida Paulista, na Ciclofaixa de Lazer de São Paulo. Foto: Marcelo Pereira/Secom

Ciclofaixa de Lazer é suspensa por tempo indeterminado em São Paulo

Com as restrições de circulação vigentes no estado, Ciclofaixa de Lazer da capital fica suspensa a partir deste domingo, 28 de março

Com a fase emergencial do Plano São Paulo, que está em vigor no estado desde 15 de março, a Ciclofaixa de Lazer da capital será suspensa a partir deste domingo, 28 de março. Não há data para retorno.

O comunicado que recebemos da prefeitura alerta que a suspensão se deve aos indicadores da pandemia no município:

Em função da prorrogação da Fase Emergencial do Plano SP e dos indicadores da pandemia no município, a ciclofaixa de lazer não será ativada neste domingo (28/3) e permanecerá suspensa por prazo indeterminado.

Prefeitura de São Paulo

Outros serviços e locais relacionados ao ciclista na cidade continuam com funcionamento de acordo com o que já informamos aqui no Vá de Bike.

Veja também: O que abre e o que fecha para o ciclista em São Paulo

A progressão dos óbitos no estado de São Paulo não deixa dúvidas: medidas extremas tornaram-se necessárias. Os dados são da última sexta-feira, 26 de março. Fonte: Governo de SP

Se precisar sair, prefira a bicicleta

Uso de máscara

O uso de máscara é obrigatório no estado de São Paulo, não só em estabelecimentos comerciais mas também em áreas públicas. Pessoas que estejam circulando nas ruas sem máscaras, ou sem cobrir corretamente o nariz e a boca, estão sujeitas a multa de R$ 552,71 (19 Ufesps).

A Vigilância Sanitária é encarregada de fiscalizar e realizar abordagens, podendo pedir apoio policial quando necessário. O infrator terá o número de CPF solicitado no ato de aplicação da multa e receberá o auto de infração, com prazo de dez dias para defesa.

A fiscalização, convenhamos, é muito fraca. Mas é uma questão de coerência, inteligência e bom senso: com mais de 3 mil mortes diárias, não dá mais para questionarmos o uso de máscara, que é o cuidado mínimo necessário para reduzir a disseminação do coronavírus.

Tire aqui suas dúvidas sobre o uso de máscara para pedalar

Antecipação de feriados no município

No dia 18 de março o prefeito Bruno Covas (PSDB) anunciou a antecipação de cinco feriados municipais, que já começaram a valer a partir da última sexta-feira (26). Dessa forma, comércio e serviços não essenciais, bem como diversos serviços públicos, ficam paralisados por dez dias, numa tentativa de reduzir a circulação de pessoas e, com isso, a propagação da COVID-19.

Nessa antecipação, entraram até mesmo feriados que ocorreriam apenas no próximo ano:

  • Corpus Christi – 3 de junho de 2021
  • Consciência Negra – 20 de novembro de 2021
  • Aniversário da cidade – 25 de janeiro de 2022
  • Corpus Christi – 16 de junho de 2022
  • Consciência Negra – 20 de novembro de 2022

Como a sexta-feira 2 de abril já seria feriado (Sexta-Feira Santa), forma-se um lockdown de 10 dias contínuos, com as atividades retornando na segunda-feira 5 de abril.

Prorrogação da fase emergencial no estado

O Governo do Estado também decidiu prorrogar a fase emergencial. “Em virtude dos números da pandemia e da insistência do crescimento da pandemia, apesar de todas as medidas adotadas, o Governo de São Paulo prorroga até o dia 11 de abril a fase emergencial”, anunciou o Vice-Governador e Secretário de Governo Rodrigo Garcia, em coletiva de imprensa nesta sexta-feira, 26 de março.

A fase emergencial determina toque de recolher nos 645 municípios todos os dias, entre 20h e 5h, além de impedir o acesso a parques e praias. Qualquer tipo de aglomeração está proibido. O uso de máscaras deve ser intensificado em qualquer ambiente interno ou externo de acesso público.

As medidas mais duras de restrição de circulação pública são uma tentativa de frear o aumento de casos e mortes por COVID-19 e reduzir a sobrecarga em hospitais públicos e particulares.

A fase emergencial determina toque de recolher nos 645 municípios todos os dias, entre 20h e 5h, além de impedir o acesso a parques e praias. Qualquer tipo de aglomeração está proibido. O uso de máscaras deve ser intensificado em qualquer ambiente interno ou externo de acesso público.

Denúncia de aglomerações e festas clandestinas

Você pode denunciar aglomerações, festas e eventos clandestinos pelos telefones 0800-771-3541 (ligação gratuita) e 3065-4666, pelo site do Procon-SP ou pelo e-mail secretarias@cvs.saude.sp.gov.br

Preciso mesmo de máscara para pedalar?

Tire aqui suas dúvidas:

 

Apresentação do entrevistado, Dr. Samuel Lopes 0:00
Preciso mesmo usar a máscara? Por que? 2:05
Me alimento bem, tenho boa saúde, preciso usar? 4:12
E quem já teve Covid? Usa ou não? 7:40
Tem que trocar quando a máscara fica úmida? 9:13
Respirar CO2 na máscara faz mal? 11:01
Fiquei sem fôlego, posso tirar a máscara? 13:14
Mas você pratica esporte de máscara pra saber? 16:35
Qual a melhor máscara pra pedalar? 17:50
Quem ficou parado pode voltar de uma vez? 19:36
Você não preferia *não* usar a máscara, doutor? 😀 22:04
Qual conselho você deixa pros ciclistas? 23:47
Contato para dúvidas com o Dr. Samuel 25:16
Bônus 1: Teste de oxigenação com atleta olímpica 26:09
Bônus 2: Teste de corrida de 35 km com máscara 26:41
Encerramento 27:07
Bloopers (erros de gravação) 27:54

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *